14/07/2017 às 15:22      Fonte: G1 MT     (76) Visualizações
Mais da metade da frota de veículos de MT circula com irregularidades
Fonte:
-A  +/- +A

Cerca de 50% das motos e 20% dos carros foram abandonados no pátio do Detran

 

Um levantamento realizado pelo Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran), revelou que mais da metade da frota de quase dois milhões de veículos que são emplacados no estado circulam com algum tipo de irregularidade.


Segundo o Detran, semanalmente são apreendidos, aproximadamente, 100 motos e 40 carros com irregularidades. O tenente do batalhão de trânsito da Polícia Militar, Bruno Bartolomei, afirma que ,durante a abordagem dos veículos nas estradas, são verificadas a situação da carteira de motorista, além da documentação do veículo.


“Nós observamos se a carteira está com o licenciamento válido, e se o veículo tem condições para trafegar naquela via”, afirmou. Mais da metade da frota de quase dois milhões de veículos que foram emplacados em Mato Grosso estão com alguma irregularidade física ou documental.


Outro problema é o acúmulo de carros no departamento de trânsito. Por acharem caras a taxa de retirada do pátio do Detran, os proprietários abandonam os veículos. Cerca de 50% das motos e 20% dos carros foram abandonados, como afirma o assessor da diretoria de veículos, Augusto Cordeiro.

 

“Caso este veículo seja removido por alguma irregularidade física, a sua liberação será condicionada pela regularização”, contou.

 

Para que o veículo seja liberado, se ele estiver com débito de seguro ou irregularidade no licenciamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), ele deve regularizar antes de retirar o veículo.

 

Segundo Augusto, a regra que se aplica atualmente é o recolhimento do veículo de 30 dias, independente do tempo que o automóvel estiver no pátio. Para diminuir a superlotação de veículos, o Detran tem organizado dois tipos de leilões.

Noticias
Entretenimento
Esporte
Geral
Serviços
Logotipo Agência Super