anuncie aqui
Notícias recentes
Adolescente agride namorada de 13 anos por ciúmes após ela sair de casa para visitar a mãe dela

Adolescente agride namorada de 13 anos por ciúmes após ela sair de casa para visitar a mãe dela

access_time01/08/2018 08:45

Um adolescente de 17 anos agrediu a namorada, de 13 anos, com socos e arranhões, após ela sair da ca

Onyx Lorenzoni é nomeado ministro extraordinário de Bolsonaro

Onyx Lorenzoni é nomeado ministro extraordinário de Bolsonaro

access_time05/11/2018 06:56

O deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS) foi nomeado, nesta segunda-feira (5), ministro extraordin

Trump comemora ausência de mísseis nucleares em desfile militar norte-coreano

Trump comemora ausência de mísseis nucleares em desfile militar norte-coreano

access_time10/09/2018 08:21

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, comemorou neste domingo (9) a ausência de mísseis bal

Adolescente de 15 anos morre baleado ao 'brincar' de roleta-russa em fazenda em MT
Menino morreu no Pronto-Socorro de Cuiabá (Foto: TVCA)

Adolescente de 15 anos morre baleado ao 'brincar' de roleta-russa em fazenda em MT

O rapaz que estava com a arma foi identificado, mas não foi localizado até o momento. O próprio adolescente fez o disparo e morreu no PSMC

access_time08/06/2018 11:49

Um adolescente morreu no Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC) depois que foi baleado na cabeça ao brincar de ‘roleta-russa’, em uma fazenda em Santo Antônio do Leverger, a 35 km da capital mato-grossense.

Segundo a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o menino, de 15 anos, foi baleado no dia 3 de junho e morreu na noite de quarta-feira (6). Um boletim de ocorrência foi registrado na quinta-feira (7).

Familiares disseram aos policiais que o garoto estava em uma fazenda, com outras pessoas, e que havia um rapaz com uma arma no local, na companhia da vítima. O adolescente brincava de roleta-russa com a arma desse colega e acabou baleado na cabeça.

A prática consiste em deixar uma bala no tambor do revólver, fazê-lo girar e apontar o cano da arma para si ou para outra pessoa.

Os policiais foram informados pelos médicos do PSMC que o menino morreu após lesões causadas pelo disparo na cabeça. Ele estava em tratamento intensivo, mas não foi possível fazer nenhuma cirurgia, já que a área atingida era sensível, além da gravidade dos ferimentos.

O rapaz que estava com a arma foi identificado, mas não foi localizado até o momento.





Por: Denise Soares, G1 MT

Outras notícias

Comentários