Spigreen
Notícias recentes
Dois irmãos são encontrados mortos com marcas de facadas

Dois irmãos são encontrados mortos com marcas de facadas

access_time17/03/2020 12:07

Dois irmãos foram assassinados no domingo (15) no Distrito de União do Norte, que pertence ao municí

Sepultados no Nortão 3 da mesma família mortos no tombamento de caminhão em serra

Sepultados no Nortão 3 da mesma família mortos no tombamento de caminhão em serra

access_time26/07/2020 21:29

Marcos Henrique Primon, de 24 anos, a esposa dele Ana Valéria Silvestre Primon, de 23 anos, e Willia

2º rodada da Taça Saudoso Edinho de Futebol agita o final de semana em Peixoto de Azevedo

2º rodada da Taça Saudoso Edinho de Futebol agita o final de semana em Peixoto de Azevedo

access_time22/10/2018 11:22

2º rodada do Campeonato Municipal de Futebol - Taça Saudoso Edinho teve as vitórias da Chapeação do

Anvisa aprova norma para rotulagem de alimentos com aviso em destaque sobre excesso de açúcar, gordura e sódio
Rótulo de embalagensde alimentos vão ter novo modelo

Anvisa aprova norma para rotulagem de alimentos com aviso em destaque sobre excesso de açúcar, gordura e sódio

Mudanças entram em vigor em um prazo de dois anos. Tabela nutricional também deverá ser branca com letras pretas para facilitar a leitura

access_time08/10/2020 07:47

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou na quarta-feira (7) uma nova norma para a rotulagem de alimentos. Uma consulta pública foi aberta em novembro de 2019 e, desde então, as mudanças têm sido discutidas pelos técnicos e especialistas.

Veja alguma das mudanças:

  • As tabelas com o conteúdo dos alimentos precisam ser brancas com letras pretas para facilitar a leitura;
  • Na parte frontal da embalagem, precisam ter avisos em caso de excesso de açúcar, gordura satura e sódio;
  • As quantidades e a tabela nutricional não poderão ficar em locais "escondidos", exceto em produtos com área de rotulagem inferior a 100 cm².

Todas as exigências entrarão em vigor em um prazo de dois anos. De acordo com Alessandra Bastos, diretora relatora da Anvisa, o objetivo "não é impor nenhuma escolha", mas sim "possibilitar a compreensão, respeitando a liberdade de escolha de todas as pessoas que vivem no nosso território".





Por: G1

Outras notícias

Comentários