anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Justiça manda soltar empresário que matou bancária com tiros no rosto

Justiça manda soltar empresário que matou bancária com tiros no rosto

access_time24/03/2023 10:57

O desembargador Pedro Sakamoto, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, concedeu habeas corpus para A

Justiça autoriza recuperação judicial de grupo do agro por dívida de R$ 236 milhões

Justiça autoriza recuperação judicial de grupo do agro por dívida de R$ 236 milhões

access_time06/12/2023 06:39

A juíza da 1ª Vara Regional e Especializada em Recuperação Judicial e Falência de Cuiabá, Anglizey S

Famato diz que veto de Lula ao Marco Temporal é desrespeito com o povo e com o agro

Famato diz que veto de Lula ao Marco Temporal é desrespeito com o povo e com o agro

access_time24/10/2023 18:05

A Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) publicou uma nota defendendo que o Con

Defesa Civil alerta para onda de calor extremo em Mato Grosso e riscos à saúde
A previsão é que a temperatura máxima supere os 41ºC em diversas cidades do Estado (foto: reprodução)

Defesa Civil alerta para onda de calor extremo em Mato Grosso e riscos à saúde

Ministério da Saúde apontou risco de emergência em saúde pública em razão do calor no Estado

access_time11/11/2023 08:10

A Defesa Civil de Mato Grosso emitiu alerta, nesta sexta-feira (10.11), para um grande perigo à saúde em razão da onda de calor prevista para o Estado até a próxima quarta-feira (15).

O alerta considera os dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), que apontam previsão de que a temperatura atinja 5ºC acima da média do período pelos próximos cinco dias. A previsão é que a temperatura máxima supere os 41ºC em diversas cidades do Estado. Agências especializadas ainda apontam máxima de 47 graus em Cuiabá.

Em razão da elevada temperatura e da duração da onda de calor, o Ministério da Saúde emitiu orientações sobre um potencial risco de emergência em saúde pública em Mato Grosso. "As ondas de calor representam sérios riscos para a saúde humana, incluindo hipertermia, desidratação, problemas respiratórios e agravamento de condições médicas pré-existentes", informou

Diante do quadro, a Defesa Civil recomenda que, nesse período, a população evite exposição ao sol durante os horários de maior calor, como das 10h às 17h, evite a prática de atividades físicas ao ar livre sem a proteção adequada e não deixe crianças ou pessoas idosas sem vigilância em veículos estacionados.

Também é recomendado que a população beba bastante água e consuma alimentos leves, tome banhos frios ou em locais seguros, evitando correntes fortes de água, mantenha os locais frescos e arejados, e garanta que as conexões elétricas do local sejam seguras.

É recomendado, ainda, o uso de umidificadores de ar (também podem ser usadas bacias com água para umidificar os ambientes ou estender toalhas e panos únicos), e roupas leves e soltas.

Já em caso de problemas respiratórios, é recomendado que a população procure um posto médico.

Em caso de incêndios ou emergências médicas, deve-se acionar o Corpo de Bombeiros pelo número 193. O Samu também pode ser acionado pelo 192.





Por: REPÓRTER MT

Outras notícias

Comentários