anuncie aqui vermelho
Notícias recentes
Servidores do HMC são dispensados após contato com possível infectada

Servidores do HMC são dispensados após contato com possível infectada

access_time14/03/2020 07:43

A direção do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) dispensou os funcionários nesta sexta-feira (13) que

Mais de 300 fazendas em MT são interditadas por vacina contra aftosa de 'origem duvidosa'

Mais de 300 fazendas em MT são interditadas por vacina contra aftosa de 'origem duvidosa'

access_time24/05/2018 07:05

Um total de 335 fazendas em Juara, a 690 km de Cuiabá, foram interditadas, nesta quinta-feira (23),

Força Tática recupera carreta com carga de milho e prende três em flagrante em Jaciara

Força Tática recupera carreta com carga de milho e prende três em flagrante em Jaciara

access_time27/07/2021 11:23

Três homens foram presos pela equipe da 14ª Companhia de Força Tática, na noite desta segunda-feira

Deputados aprovam redução do ICMS, multa por preço abusivo e alimentação para alunos com aulas suspensas
Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) — Foto: Assessoria

Deputados aprovam redução do ICMS, multa por preço abusivo e alimentação para alunos com aulas suspensas

Alunos da rede pública estadual de educação, cadastrados nos programas Bolsa-Família e Pró-Família terão direito a receber alimentação escolar pelo período em que as aulas estiverem suspensas por causa do coronavírus

access_time18/03/2020 22:42

Os deputados estaduais de Mato Grosso aprovaram, nesta quarta-feira (18), a redução de 7% na alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), sobre utensílios como o álcool em gel, insumo para fabricar álcool em gel e derivados (exceto energia elétrica), luvas médicas, máscara, hipoclorito de sódio e álcool 70%.

Os parlamentares também aprovaram o projeto que determina multa de R$ 10 mil a 50 mil para estabelecimentos que forem flagrados praticando preços abusivos de produtos utilizados para evitar a contaminação, além da apreensão de bens e produtos, suspensão temporária do funcionamento, interdição total ou parcial dos estabelecimentos.

Os alunos da rede pública estadual de educação, cadastrados nos programas Bolsa-Família e Pró-Família terão direito a receber alimentação escolar pelo período em que as aulas estiverem suspensas por causa do coronavírus. O projeto prevê a transferência de R$ 3,98 por refeição às famílias conforme situação de cada aluno no cadastro da Secretaria de Educação. Alunos que fazem uma refeição na unidade escolar terão direito ao valor de R$ 59,70 para os quinze dias de suspensão. Estudantes que fazem duas refeições na unidade escolar terão direito ao valor de R$ 119,40. Para os que fazem três refeições, o valor será de R$ 179,10.





Por: G1 MT

Outras notícias

Comentários