anuncie aqui vermelho
Notícias recentes
Deputado apresenta projeto para regulamentar educação domiciliar de crianças e adolescentes

Deputado apresenta projeto para regulamentar educação domiciliar de crianças e adolescentes

access_time24/11/2019 20:35

O deputado estadual Romoaldo Júnior (MDB) apresentou um projeto de lei na Assembleia Legislativa pro

Câmara aprova valor fixo para cobrança do ICMS para combustíveis

Câmara aprova valor fixo para cobrança do ICMS para combustíveis

access_time14/10/2021 07:19

O plenário da Câmara aprovou na noite desta quarta-feira (13) um projeto de lei que estabelece um va

Fazendeiro é multado em R$ 5 milhões por desmatamento ilegal durante operação

Fazendeiro é multado em R$ 5 milhões por desmatamento ilegal durante operação

access_time28/11/2018 07:40

O Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) deflagrou nesta terça

Eleitor deve levar a própria caneta para assinar ficha e idosos terão prioridade nas primeiras 3 horas de votação, diz TRE-MT
Urnas eletrônicas devem ser higienizadas a cada voto — Foto: Gabriel Vieira/TV TEM

Eleitor deve levar a própria caneta para assinar ficha e idosos terão prioridade nas primeiras 3 horas de votação, diz TRE-MT

Entre 7h e 10h idosos terão prioridade para votar

access_time10/11/2020 08:48

Das 7h às 10h os idosos terão prioridade para votar nas eleições realizadas no próximo domingo (15). Além disso, o horário de votação foi estendido das 7h até as 17h.

Por causa da pandemia, não haverá votação por biometria. Ela estará desabilitada e por questões de segurança os eleitores devem levar sua própria caneta para assinar a ficha de votação e, assim, evitar o compartilhamento de objeto com outras pessoas. Caso não seja possível, a caneta deverá ser higienizada após cada uso.

Quase 200 mil eleitores de Mato Grosso que não fizeram o cadastramento biométrico não poderão votar nas eleições deste ano. Em 34 cidades, o cadastramento é obrigatório e quem não fez no prazo teve o título cancelado. Nos demais municípios, até quem não fez poderá votar.

As eleições deste ano serão no dia 15 de novembro para a escolha de prefeitos, vereadores e de um senador.

Com a Covid-19, o cadastramento da biometria foi suspenso em 53 municípios. Os eleitores que não fizeram a biometria não serão impedidos de votar.

Somente após as eleições, os eleitores poderão procurar os cartórios eleitorais para regularizar a situação. A partir do dia 9 de dezembro, o cadastro estará reaberto e os eleitores poderão procurar a Justiça Eleitoral.

Para saber se a situação está regularizada e se a biometria foi realizada, basta entrar no site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) que também tem a lista de todos os municípios em que a biometria está sendo necessária. No aplicativo também é possível ver a situação atual do eleitor e também o local onde vota.

O chefe de apoio as zonas eleitorais do TRE, Ailton Lopes, explica como será feito a votação neste ano e que há a possibilidade de ser feita com a apresentação do aplicativo no dia de votação.

“Apenas com o e-título, ele pode votar, não é necessário a apresentação do título eleitoral. Caso o eleitor não tenha uma possibilidade de baixar o aplicativo e tenha perdido o título eleitoral, ele pode votar com um documento com foto. Para aqueles que estiverem fora do domicílio, também pode se justificar através do e-título sem precisar ir até um local de votação”, afirma.





Por: Tiago Terciotty, TV Centro América

Outras notícias

Comentários