anuncie aqui
Notícias recentes
MT reduz em 40% o índice de queimadas em 2018, segundo Comitê do Fogo

MT reduz em 40% o índice de queimadas em 2018, segundo Comitê do Fogo

access_time03/10/2018 08:09

Este ano, Mato Grosso reduziu em 40% o número de focos de incêndio, segundo a Secretaria Estadual de

Piloto relata como sobreviveu à queda de avião em mata em MT e diz que não quer mais voar

Piloto relata como sobreviveu à queda de avião em mata em MT e diz que não quer mais voar

access_time03/12/2018 08:39

O piloto paranaense Maicon Semencio Esteves, de 27 anos, que sobreviveu após uma queda de avião em M

Má notícia: próxima Copa está mais longe do que você pensa

Má notícia: próxima Copa está mais longe do que você pensa

access_time07/07/2018 11:30

Com a queda da seleção, derrotada nesta sexta-feira pela Bélgica nas quartas de final, os torcedores

Emissão do novo modelo de RG em cartão custa R$ 99,53 em MT
Novo modelo passou a ser emitido no dia 2 de maio — Foto: Politec/Divulgação

Emissão do novo modelo de RG em cartão custa R$ 99,53 em MT

Além do número do RG, o documento deve conter o CPF e 15 dados opcionais como nome social, Carteira Nacional de Habilitação, Título de Eleitor e Carteira de Trabalho

access_time08/05/2019 08:57

O novo modelo de RG passou a ser emitido em Mato Grosso com custo de R$ 99,53 ao cidadãos. O novo cartão de identidade pode ser solicitado nos postos de Identificação da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

De acordo com o governo, no ato de solicitação do documento os requerentes devem optar pelo RG em papel-moeda ou no cartão. A segunda opção terá tamanho reduzido e durabilidade de até 10 anos.

Além do número do RG, o documento deve conter o CPF e 15 dados opcionais como nome social, Carteira Nacional de Habilitação, Título de Eleitor e Carteira de Trabalho.

O boleto para pagamento deve ser retirado no Portal da Segurança no campo “taxas de segurança”.

A impressão será feita por uma empresa em São Paulo, ganhadora do pregão eletrônico.

O novo modelo de carteira de identidade passou a vigorar no dia 5 de abril e foi regulamentado por decreto federal. Segundo o governo, mesmo com a mudança, os documentos já emitidos não perderão a validade.





Por: G1 MT

Outras notícias

Comentários