ALUGAR CAMPO
Notícias recentes
Quarta-feira (14): Mato Grosso registra 469.274 casos e 12.393 óbitos por Covid-19

Quarta-feira (14): Mato Grosso registra 469.274 casos e 12.393 óbitos por Covid-19

access_time14/07/2021 17:16

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quarta-feira (14.07), 469.274

Cerca de 100 mil pessoas visitam o Pantanal mato-grossense por ano para pescar

Cerca de 100 mil pessoas visitam o Pantanal mato-grossense por ano para pescar

access_time10/04/2022 17:52

Anualmente, cerca de 100 mil pessoas visitam o Pantanal mato-grossense para pescar, conforme dados d

Abono do PIS/Pasep começa a ser pago na próxima quinta-feira

Abono do PIS/Pasep começa a ser pago na próxima quinta-feira

access_time19/07/2019 07:44

O pagamento do abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) e do Patrimônio do Servidor Púb

Estados Unidos anunciam aliança militar com Austrália e Reino Unido contra a China

Estados Unidos anunciam aliança militar com Austrália e Reino Unido contra a China

Batizada de AUKUS, iniciativa tem como objetivo diminuir a presença dos chineses na região do Indo-Pacífico; parceira inclui o compartilhamento de tecnologias e a construção de novos submarinos de propulsão nuclear

access_time16/09/2021 10:59

Os Estados Unidos anunciaram nesta quinta-feira, 15, uma aliança militar com a Austrália e o Reino Unido, a AUKUS, que tem como objetivo diminuir a presença da China na região do Indo-Pacífico, principalmente relacionada à presença militar. Os três países vão compartilhar tecnologia para fortalecer as bases navais e construir novos submarinos de propulsão nuclear para atuar no entorno. O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, afirmou que a aliança mostra que a relação entre os países é muito forte. Ele preferiu ressaltar como a iniciativa trará novos empregos. O projeto tem duração de 10 anos e uma análise de 18 meses será feita para definir os postos de trabalho. Mesmo com a tentativa de Johnson, a declaração não foi recebida de forma positiva pelos chineses. O porta-voz do país, Zhao Lijian, afirmou que a aliança “mina, de maneira grave, a paz e a estabilidade regionais, intensifica a corrida armamentista e compromete os esforços internacionais de não proliferação nuclear.”





Por: Jovem Pan

Outras notícias

Comentários