anuncie aqui vermelho
Notícias recentes
Juiz de Sinop condena companhia aérea que cancelou voo e fez passageiro esperar mais de 5 horas

Juiz de Sinop condena companhia aérea que cancelou voo e fez passageiro esperar mais de 5 horas

access_time27/01/2021 06:07

O juiz Walter Tomaz da Costa, do Juizado Especial Cível e Criminal de Sinop, condenou a GOL Linhas A

Justiça do Trabalho determina bloqueio de R$ 800 milhões da Vale

Justiça do Trabalho determina bloqueio de R$ 800 milhões da Vale

access_time28/01/2019 13:31

A pedido do Ministério Público do Trabalho em Minas Gerais (MPT-MG), a Justiça do Trabalho autorizou

Isaías Alves procura por pai e seus irmãos

Isaías Alves procura por pai e seus irmãos

access_time23/01/2019 08:28

Isaías Alves, 33 anos, procura por seu pai biologico e por seus irmãos que nasceram em Peixoto de Az

Fiscalização apreende 729 kg de pescado irregular impróprio para consumo em MT
Fiscalização apreendeu 729 kg de pescado irregular nessa segunda-feira (4) em Rondonópolis — Foto: TV Centro América/Reprodução

Fiscalização apreende 729 kg de pescado irregular impróprio para consumo em MT

O responsável por comercializar os peixes, foi levado para a sede da polícia para prestar depoimento, pagou multa de R$ 17,5 mil e foi liberado

access_time05/11/2019 08:59

Uma fiscalização apreendeu 729 kg de pescado irregular nessa segunda-feira (4) em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá.

Segundo a Polícia Militar de Proteção Ambiental, o pescado apreendido foi localizado em freezer na colônia de pescadores. Uma equipe da Vigilância Sanitária confirmou que o produto não estava apropriado para o consumo. Diante disso, ele foi descartado no aterro sanitário da cidade.

A apreensão ocorreu em parceria com a Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema).

De acordo com a polícia, os peixes eram da espécie jaú e caparari, muito comuns na bacia Amazônica, e estavam sem documento de origem.

O responsável por comercializar os peixes, foi levado para a sede da polícia para prestar depoimento, pagou multa de R$ 17,5 mil e foi liberado.

Os peixes foram encaminhados para o aterro sanitário de Rondonópolis.

No período da piracema, a conferência de estoque de peixarias e depósitos faz parte do enfrentamento da pesca e comércio irregular do pescado.





Por: G1 MT

Outras notícias

Comentários