anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Bandidos sequestram mulher em Chapada para roubar HB20; um morre em confronto com a polícia

Bandidos sequestram mulher em Chapada para roubar HB20; um morre em confronto com a polícia

access_time07/03/2023 12:22

Um bandido foi morto e outro foi preso na manhã desta terça-feira (07), durante confronto com a Forç

Projetos do Poder Executivo foram apresentados e baixados para Comissões

Projetos do Poder Executivo foram apresentados e baixados para Comissões

access_time20/04/2023 07:43

Na segunda-feira, 17/04/2023, foi realizada a 6º Sessão Ordinária de 2023, que contou com presença d

Matupá implanta Câmeras SPEED DOMES para Videomonitoramento da Cidade

Matupá implanta Câmeras SPEED DOMES para Videomonitoramento da Cidade

access_time15/06/2023 18:52

Preocupado com a segurança da população, a Prefeitura de Matupá deu início ao projeto de instalação

Força Tática mata mais um bandido que aterrorizou Confresa; oito já morreram
Já são 8 criminosos mortos e 2 presos desde o início da caçada (foto: reprodução)

Força Tática mata mais um bandido que aterrorizou Confresa; oito já morreram

Confronto ocorreu em Tocantins. A caçada continua e o Bope deve entrar na mata em busca de criminosos que fugiram

access_time27/04/2023 08:42

Mais um dos criminosos envolvidos no ataque a um quartel da Polícia Militar e uma transportadora de valores da cidade de Confresa foi morto em confronto com homens da Força Tática de Mato Grosso, nas proximidades da cidade de Marianópolis, em Tocantins, na madrugada desta quinta-feira (27).

O corpo foram encaminhados para a identificação com a Polícia Civil e a Perícia Técnica.

Outros dois bandidos conseguiram fugir e retornaram para a região de mata fechada. Todos eles estavam armados com fuzis; uma das armas foi apreendida. O Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar de Mato Grosso deve adentrar à mata nas próximas horas, dando sequência à caçada aos bandidos que aterrorizaram o Norte do Estado.

Até o momento, 8 criminosos foram mortos e 2 foram presos. As autoridades calculam que cerca de outros 8 criminosos ainda estejam escondidos na região.

No dia 9 de abril (domingo), o grupo armado invadiu uma base da Polícia Militar na cidade e fez um policial como refém. Em seguida, explodiram o muro e invadiram a sede da seguradora Brinks para roubar dinheiro do local.

Os criminosos foram embora causando pânico na população, deixando para trás carros incendiados e atirando para cima.

Assim que as imagens começaram a circular nas redes sociais, o Governo do Estado determinou o envio de reforço policial para reestabelecer a ordem pública no município.

Após a tentativa de assalto, o bando fugiu para a cidade de Santa Terezinha, onde acabou entrando em confronto com uma equipe da Força Tática. Houve troca de tiros e a quadrilha conseguiu escapar para a aldeia indígena Itxalá.

Em seguida, fugiram para o Estado de Tocantins, onde estão cercados em uma região de mata fechada. A operação conta com o apoio das polícias de Goiás, Tocantins, Pará e Minas Gerais.





Por: APARECIDO CARMO DO REPÓRTER MT

Outras notícias

Comentários