Banner Outras
Notícias recentes
Nota de Pesar pelo falecimento do jovem Matheus Souza

Nota de Pesar pelo falecimento do jovem Matheus Souza

access_time28/03/2019 11:28

A Prefeitura Municipal de Peixoto de Azevedo, através do Prefeito Maurício Ferreira lamenta profunda

Termina hoje prazo para pagar taxa de inscrição do Enem

Termina hoje prazo para pagar taxa de inscrição do Enem

access_time23/05/2018 08:51

Os candidatos ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) têm até hoje (23) para pagar a taxa de inscri

Mineradora e piscicultores são autuados por jogarem resíduos em córrego de MT

Mineradora e piscicultores são autuados por jogarem resíduos em córrego de MT

access_time30/01/2019 07:18

Uma mineradora e um reservatório destinado à piscicultura na região de Poconé, a 104 km de Cuiabá, f

General iraniano acusa Israel de 'roubar nuvens' para provocar seca no Irã
Gholam Reza Jalali Foto: Reprodução/YouTube

General iraniano acusa Israel de 'roubar nuvens' para provocar seca no Irã

access_time04/07/2018 08:57

Um general iraniano acusou Israel de "manipular as condições meteorológicas" a fim de evitar que caia chuva sobre o território do Irã. Para Gholam Reza Jalali, chefe da Organização de Defesa Civil do Irã, as forças israelenses estão "roubando nuvens" que deveria estar sobre o país islâmico.

"As mudanças climáticas no Irã são suspeitas", afirmou o general em entrevista, segundo o "Metro". "A interferência estrangeira é suspeita de ter um papel na mudança climática", acrescentou ele.

Jalali declarou que um estudo científico ampara a sua teoria. "Israel e um outro país da região têm equipes que trabalham juntas para garantir que as nuvens que entrem no Irã sejam incapazes de produzir chuva."

O general ilustrou que entre o Afeganistão e o Mediterrâneo há áreas montanhosas cobertas de neve, "menos no Irã". O chefe do Serviço Meteorológico do Irã, entretanto, rebateu a declaração de Jalali.

"É impossível que um país consiga roubar nuvens e neve de outro país. Irã tem sofrido uma seca prolongada, e esta é uma tendência global que não se aplica apenas ao Irã", disse Ahad Vazife.





Por: Extra

Outras notícias

Comentários