ALUGAR CAMPO
Notícias recentes
Ações de monitoramento evitam incêndios florestais de grandes proporções em Mato Grosso

Ações de monitoramento evitam incêndios florestais de grandes proporções em Mato Grosso

access_time22/07/2021 18:08

As ações de monitoramento via satélite e o rápido atendimento prestado pelas equipes do Corpo de Bom

Leilão foi realizado com sucesso em Peixoto de Azevedo

Leilão foi realizado com sucesso em Peixoto de Azevedo

access_time26/03/2019 07:59

A Prefeitura Municipal de Peixoto de Azevedo realizou na sexta-feira (22) o leilão do tipo maior lan

Kim pede a Putin que trabalhe em conjunto para resolver a questão nuclear

Kim pede a Putin que trabalhe em conjunto para resolver a questão nuclear

access_time25/04/2019 06:27

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, pediu nesta quinta-feira (25) ao presidente da Rússia, Vlad

Greve dos caminhoneiros fará inflação acelerar este mês, diz BC
(Tomaz Silva/Agência Brasil)

Greve dos caminhoneiros fará inflação acelerar este mês, diz BC

access_time28/06/2018 10:46

A inflação em junho deve se acelerar sob o efeito da crise de desabastecimento gerada pela greve dos caminhoneiros no fim de maio. Entretanto, por conta da lenta recuperação da atividade econômica, a inflação deve terminar este ano em um patamar baixo, segundo avaliou o Banco Central (BC), no Relatório de Inflação, divulgado hoje (28), em Brasília.

Segundo o BC, de junho a agosto, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deve registrar alta de 1,06%, 0,27% e 0,20%, respectivamente. Em maio, a inflação ficou em 0,40%.

Efeitos da paralisação
“A expressiva aceleração projetada para a inflação mensal de junho repercute a intensificação dos efeitos da paralisação no setor de transporte de carga sobre os preços de alimentos e combustíveis e a da mudança de bandeira tarifária [de energia elétrica]”, diz o relatório.

Nos meses seguintes, avalia o documento, a despeito dos efeitos defasados da alta do dólar observada desde o fim de abril e do aumento projetado para passagens aéreas em julho, o BC espera por taxas de inflação mais baixas.

Segundo o Banco Central, isso deve ocorrer em razão da reversão dos efeitos do desabastecimento gerado pela greve dos caminhoneiros, o período favorável dos preços de alimentos e a elevada ociosidade da produção no país.

Segundo o BC, para o ano, apesar da aceleração projetada no curto prazo, a retomada da atividade econômica em ritmo mais gradual deve contribuir para a “manutenção da inflação em patamar reduzido”.

De acordo com o relatório, a previsão para a inflação neste ano ficou em 4,2%, abaixo da meta de 4,5%. A meta tem intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo.





Por: Agência Brasil

Outras notícias

Comentários