Kurupí
Notícias recentes
Microempreendedor e empresa devem aderir ao eSocial a partir de amanhã

Microempreendedor e empresa devem aderir ao eSocial a partir de amanhã

access_time30/06/2018 20:27

A partir deste domingo (1º), os microempreendedores individuais (MEI) e as micro, pequenas e médias

Direitos Humanos devem ser respeitados na Internet, diz ONU

Direitos Humanos devem ser respeitados na Internet, diz ONU

access_time16/07/2018 09:08

O Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou resolução defendendo o

Pacientes são transferidos para ala de enfermaria pronta após reforma no Hospital Regional de Peixoto

Pacientes são transferidos para ala de enfermaria pronta após reforma no Hospital Regional de Peixoto

access_time17/07/2018 16:45

Após um período de reforma no Hospital Regional de Peixoto de Azevedo, ala de enfermaria ficou pront

Latam terá ajuda da FAB para retirar Boeing da pista de Confins; liberação deve ocorrer às 22h
Pneus estouraram depois que avião fez pouso de emergência em Confins — Foto: Reprodução

Latam terá ajuda da FAB para retirar Boeing da pista de Confins; liberação deve ocorrer às 22h

Pista do aeroporto foi fechada à 1h43, quando Boeing 777 da Latam fez pouso de emergência; em nota, empresa afirmou que 'não está medindo esforços para minimizar impactos a passageiros'

access_time20/12/2018 18:58

Um avião cargueiro da Força Aérea Brasileira (FAB) chegou, por volta das 17h50 desta quinta-feira (20), ao Aeroporto de Confins, na Grande BH, com dois macacos hidráulicos e oito pneus, pesando 250 quilos cada. O equipamento, que tem seis toneladas, será usado para retirar o Boeing 777 que está na pista do terminal desde à 1h43, quando fez um pouso de emergência. De acordo com a Latam, uma parceria foi fechada com a FAB para o envio dos materiais. Às 18h, a previsão era que a liberação da pista ocorreria às 22h. Em nota, a empresa não esclareceu o que aconteceu com a aeronave e afirmou que "não está medindo esforços para minimizar impactos a passageiros" (leia abaixo).

Às 19h30, segundo a concessionária BH Airport, eram 141 voos cancelados, além de atrasos em 31 pousos e em 35 decolagens. Em média, 30 mil pessoas passam diariamente por Confins em 300 voos.

Na madrugada desta quinta, o voo LA8084 , que decolou com 339 passageiros e 16 tripulantes à 0h30 de Guarulhos (SP) com destino a Londres, precisou fazer um pouso de emergência em Confins. Segundo a Latam, todos os passageiros desembarcaram em segurança e receberam assistência.

A TV Globo apurou que os pneus foram danificados durante o pouso de emergência por problemas elétricos. Como o avião estava pesado por estar com tanque cheio para chegar a Londres, o sistema de sensores e plugues que esvazia pneus para evitar que eles estourem e causem acidente grave foi acionado. Na chegada a Confins, o avião foi recebido por brigadistas, que jogaram espuma para evitar explosão. Oito dos 14 pneus estavam vazios.

Com o Boeing parado na pista, Confins ficou fechado até o meio-dia, quando aeronaves de menor porte, que não precisam usar toda a pista, que tem 3 mil metros de extensão, puderam pousar e decolar. A Azul chegou a transferir voos para o Aeroporto da Pampulha, que atualmente opera apenas para voos regionais e executivos por determinação do Tribunal de Contas da União.

Os passageiros que estavam no voo LA8084 embarcaram, no final desta tarde, para Guarulhos, de onde seguiriam novamente com destino a Londres.

Troca de pneus
A primeira parte da carga para a troca dos pneus do Boeing 777 chegou ao terminal no meio da tarde. A previsão é que os trabalhos durem cerca de quatro horas.

De acordo com a concessionária BH Airport, a pista foi fechada à 1h43. Passageiros relataram susto e choro dentro do avião. Desde as 12h, o funcionamento foi parcial, com pousos e decolagens partindo da mesma cabeceira. Aviões menores foram priorizados.

Até as 18h, de acordo com a concessionária BH Airport, 21 decolagens e 25 pousos ocorreram no terminal, que ficou totalmente fechado por mais de dez horas.

O que já se sabe até agora

  • Avião da Latam fez pouso de emergência à 1h43 em Confins;
  • Voo fazia a rota Guarulhos (SP) - Londres, com 339 passageiros e 16 tripulantes;
  • Brigadistas atuaram para evitar incêndio;
  • Por volta das 12h, operação foi parcialmente retomada com aviões de pequeno porte;
  • Até as 19h30, havia 141 voos cancelados, além de atrasos em 31 pousos e em 35 decolagens.
  • Passageira relatou que houve susto e choro dentro da aeronave;
  • Retirada da aeronave deve ser finalizada até as 22h;
  • Emergencialmente, Pampulha funciona para aviões pequenos;
  • Passageiros não devem se dirigir ao terminal.

O que diz a Latam
Leia a íntegra da nota da Latam:

"FAB e LATAM trabalham em conjunto para agilizar a volta da operação do aeroporto de Confins

A LATAM Airlines Brasil em parceria com FAB (Força Aérea Brasileira) está enviando uma aeronave Hércules com dois macacos hidráulicos e oito pneus. Ao todo são 6 toneladas de equipamentos para retirar a aeronave da pista do aeroporto de Confins. A empresa reitera que não está medindo esforços para mitigar os impactos aos passageiros que têm voos de e para o aeroporto mineiro.

O esforço conjunto entre a FAB (Força Aérea Brasileira) e a LATAM Airlines Brasil visa a volta da operação regular do aeroporto.

Contexto

A LATAM Airlines Brasil informa que o voo LA8084 (São Paulo/Guarulhos-Londres), que partiu às 00h30 (hora local) de hoje (20), alternou para o aeroporto de Belo Horizonte/Confins em razão de questões técnicas. Todos os passageiros desembarcaram em segurança e estão recebendo a assistência necessária.

Durante o pouso, às 1h43, os pneus da aeronave foram danificados e terão de ser trocados para possibilitar a retirada da aeronave da pista, que está interditada.

A companhia reitera que seguiu todos os procedimentos previstos para este tipo de situação, mantendo o controle da aeronave em todos os momentos e resguardando sempre a segurança de seus passageiros.

A LATAM reafirma o seu compromisso em manter os mais altos padrões de segurança e lamenta os inconvenientes que esta situação possa ter causado aos clientes."





Por: TV Globo e G1 Minas

Outras notícias

Comentários