Banner Outras
Notícias recentes
Acordo entre Anatel e operadoras para combater o vírus

Acordo entre Anatel e operadoras para combater o vírus

access_time06/04/2020 19:25

Diante de um cenário cada mais evidente de isolamento, não sabemos quando nossos filhos vão consegui

Interiorização de imigrantes venezuelanos será permanente, diz Padilha

Interiorização de imigrantes venezuelanos será permanente, diz Padilha

access_time25/07/2018 07:35

Após receber na organização Aldeias Infantis SOS de Brasília os 50 venezuelanos que haviam saído de

Governo avalia novas medidas para reduzir preço do gás de cozinha

Governo avalia novas medidas para reduzir preço do gás de cozinha

access_time03/08/2019 09:23

Com a promessa de derrubar o preço do gás natural em até 40%, a nova política para o setor precisará

Líder supremo do Irã diz que EUA serão expulsos do Iraque e da Síria
© Agência Ansa Brasil/EPA/Direitos Reservados

Líder supremo do Irã diz que EUA serão expulsos do Iraque e da Síria

Ali Khamenei reairmou a exigência de que americanos sejam retirados

access_time18/05/2020 09:45

Os norte-americanos serão expulsos do Iraque e da Síria, disse o líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, nesse domingo (17), reafirmando a exigência iraniana de que as tropas dos Estados Unidos (EUA) sejam retiradas do Oriente Médio.

O Irã quase entrou em um conflito de fato com os EUA quando um drone norte-americano matou o destacado comandante militar iraniano Qassem Soleimani em Bagdá, no dia 3 de janeiro, o que levou Teerã a retaliar com uma saraivada de mísseis contra uma base dos EUA no Iraque dias depois.

Khamenei disse que as ações dos norte-americanos no Afeganistão, no Iraque e na Síria os tornou odiados, de acordo com a transcrição de um discurso a estudantes publicada em seu site.

"Os norte-americanos não continuarão no Iraque e na Síria e serão expulsos", afirmou Khamenei.

No mês passado, o presidente dos EUA, Donald Trump, disse que instruiu a Marinha a disparar contra qualquer navio iraniano que a assedie no mar, mas mais tarde afirmou que não está alterando as regras de combate dos militares.

Após o comunicado de Trump, o chefe da Guarda Revolucionária do Irã, general Hossein Salami, disse que seu país destruirá navios de guerra norte-americanos se sua segurança no Golfo Pérsico for ameaçada.





Por: Babak Dehghanpisheh - Repórter da Reuters - Teerã

Outras notícias

Comentários