Spigreen
Notícias recentes
Oito municípios de MT estão entre os 50 do país que mais desmataram em 2019

Oito municípios de MT estão entre os 50 do país que mais desmataram em 2019

access_time27/05/2020 18:50

Relatório Anual de Desmatamento, organizado pelo projeto MapBiomas e divulgado nessa terça-feira (26

Comunicado do INDEA de União do Norte

Comunicado do INDEA de União do Norte

access_time04/07/2018 16:24

Em breve o INDEA de União do Norte estará atendendo em novas instalações, anexo a futura sede da Sec

Justiça determina internação de mulher que tentou invadir escola e agredir alunos com facão em MT

Justiça determina internação de mulher que tentou invadir escola e agredir alunos com facão em MT

access_time01/04/2019 18:27

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), por meio da Comarca de Sinop, a 503 km de Cuiabá determ

Liverpool repudia ofensas raciais contra trio após derrota para o Real
© Pool via Reuters/Clive Brunskill/Direitos Reservados

Liverpool repudia ofensas raciais contra trio após derrota para o Real

Insultos ocorreram em redes sociais após jogo da Liga dos Campeões

access_time07/04/2021 14:46

O Liverpool repudiou nesta quarta-feira (7) as ofensas raciais "abomináveis" contra Trent Alexander-Arnold, Naby Keita e Sadio Mané nas redes sociais depois da derrota ontem (6), por 3 a 1 para o Real Madrid na Liga dos Campeões.

Lateral da Inglaterra, Alexander-Arnold recebeu emoticons de macaco em sua postagem mais recente de Instagram, e ofensas semelhantes foram direcionadas a Keita, meio-campista da Guiné, e Mané, atacante do Senegal.

As entidades que organizam o futebol inglês exortam as empresas de redes sociais a enfrentarem o problema das ofensas virtuais em reação a mensagens racistas contra jogadores, entre eles Axel Tuanzebe, Marcus Rashford e Anthony Martial, do Manchester United, e Willian e Eddie Nketiah, do Arsenal.

O Instagram anunciou uma série de medidas, e o Twitter promete manter seus esforços depois de agir em mais de 700 casos de ofensas relacionadas ao futebol no Reino Unido em 2019.

O Liverpool disse que trabalhará com as autoridades relevantes para identificar os usuários responsáveis pelas mensagens.

No mês passado, Thierry Henry, ex-atacante do Arsenal e da França, apagou suas contas de redes sociais para protestar contra as plataformas por não agirem contra proprietários de contas anônimas que praticam racismo e assédio na internet.





Por: Arvind Sriram - Bengaluru (Índia)

Outras notícias

Comentários