Banner Outras
Notícias recentes
Homem é assassinado a tiros em chácara de Peixoto de Azevedo; segundo crime na mesma noite

Homem é assassinado a tiros em chácara de Peixoto de Azevedo; segundo crime na mesma noite

access_time07/03/2020 10:30

Walison Henrique Santana da Silva, 24 anos, foi assassinado a tiros, ontem à noite, em uma chácara n

Adolescente de 15 anos morre baleado ao 'brincar' de roleta-russa em fazenda em MT

Adolescente de 15 anos morre baleado ao 'brincar' de roleta-russa em fazenda em MT

access_time08/06/2018 11:49

Um adolescente morreu no Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC) depois que foi baleado na cabeça

Peixoto de Azevedo realizou desfile cívico de Sete de Setembro com grande presença da população

Peixoto de Azevedo realizou desfile cívico de Sete de Setembro com grande presença da população

access_time08/09/2018 08:58

A Prefeitura Municipal de Peixoto de Azevedo, através da Secretaria de Educação, Assistência Social,

Mais de 2 mil documentos de identidade na versão cartão foram emitidos em MT desde junho
Novo modelo passou a ser emitido no dia 2 de maio — Foto: Politec/Divulgação

Mais de 2 mil documentos de identidade na versão cartão foram emitidos em MT desde junho

Na versão cédula, foram impressos 67 mil documentos desde maio. Novas identidades permitem a inclusão do nome social

access_time29/07/2019 08:44

Em pouco mais de um mês, mais de 2 mil documentos de identidade na versão cartão foram emitidos em Mato Grosso. O novo modelo de identificação passou a ser feito em junho deste ano.

Na modalidade cédula, que é a versão antiga do documento, foram emitidas 67 mil vias desde maio. A novidade neste modelo é a inclusão dos números do CPF, do titulo de eleitor e da carteia da trabalho. Assim, o cidadão pode transportar apenas um documento.

Tanto a nova versão do modela convencional quanto o cartão trazem elementos que garantem maior segurança.

"As cores e o alto revelo nas novas versões do documento tendem a evitar a falsificação", disse Ailton Silva Machado, iretor da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

Os novos documentos também permitem o uso do nome social, especialmente para garantir os direitos dos integrantes de grupos LGBT.

Para ter acesso, mulheres e homens trans e travestis devem procurar os postos de atendimento da Politec, preencher um requerimento e informar o nome pelo qual quer ser chamado.

"Lembro que no nome social, a mudança ocorre apenas no primeiro nome, os sobrenomes permanecem os contidos na certidão de nascimento", esclareceu Ailton.

Ainda segundo a Politec, 77% das carteiras de identidade emitidas no estado são isentas de pagamento.

Idosos acima de 65 anos e pessoas entre 60 e 64 anos, vítimas de furto ou roubo, têm direito à gratuidade. Além deles, são isentos, os recém alfabetizados, menores de 18 anos que solicitam a segunda via e pessoas inscritas nos programas sociais do governo federal.

Para os demais cidadãos, o custo da carteira de identidade é R$ 99,53. O prazo a retirada do documento é de 15 a 30 dias.





Por: Leandro Maia, TV Centro América

Outras notícias

Comentários