Banner Outras
Notícias recentes
Trump acusa o Brasil de desvalorizar o real e anuncia retaliação

Trump acusa o Brasil de desvalorizar o real e anuncia retaliação

access_time02/12/2019 10:19

Sobretaxa sobre produtos foi adotada no ano passado em meio à guerra comercial com a China, mas Bras

Adolescente desaparecida há 3 meses foge de cativeiro e suspeito de sequestro é preso com arma

Adolescente desaparecida há 3 meses foge de cativeiro e suspeito de sequestro é preso com arma

access_time02/12/2019 10:26

José Pereira Lopes, de 55 anos, foi preso pela Polícia Militar na madrugada desta segunda-feira (2)

Secretarias de Obras e de Transportes já tem cronograma de trabalho para 2019

Secretarias de Obras e de Transportes já tem cronograma de trabalho para 2019

access_time01/02/2019 21:32

Ainda no mês de janeiro o prefeito Mauricio Ferreira juntamente com a prefeita em exercício Benta No

Mais de 300 cadernos com anotações do crime organizado e 50 armas artesanais são apreendidos em presídio de MT
Materiais foram retirados de dentro de presídio — Foto: Christiano Antonucci/ Secom-MT

Mais de 300 cadernos com anotações do crime organizado e 50 armas artesanais são apreendidos em presídio de MT

Apreensões foram feitas na primeira fase da operação na PCE. Muitos objetos apreendidos estavam escondidos nas paredes

access_time17/09/2019 08:13

A operação realizada na Penitenciária Central do Estado (PCE) no último mês apreendeu 352 cadernos com informações sobre a contabilidade do crime organizado, além de 50 armas artesanais, 171 celulares, 521 chips e 12 baterias de celular. A primeira fase dessa operação durou 30 dias.

De acordo com o interventor da PCE, Agnos Ramos, uma equipe treinada para intervenção ficou dentro da unidade prisional e nesse período as visitas ficaram suspensas. "Conseguimos reformar os quatro raios, 48 celas, e aumentamos 130 camas dentro da unidade. Apreendemos vários objetos", disse.

Muitos objetos apreendidos estavam escondidos nas paredes. "Teve cela em que a parede quase teve que ser destruída para tirar um celular, uma arma", afirmou.

As visitas foram retomadas nesse fim de semana. Ele explicou que o retorno foi tranquilo.

"Já tínhamos avisado os internos como seria de agora para frente. As visitas entraram com mais rapidez devido à redução da quantidade alimentos. Entravam 6 kg em vários recipientes e agora só pode entrar 2 kg em um único recipiente", explicou.

Foram nomeados 30 advogados e 10 juízes para fazer a revisão dos processos dos mais de 2.400 presos na maior unidade prisional do estado, que tem capacidade para acomodar 900.

Conforme o secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamente, a primeira fase da operação visava a limpeza, a organização e higienização e houve a melhoria do sistema interno. Agora a próxima etapa busca adequações, como a mudança do horário de visitas.

"As visitas serão cadastradas, todos os visitantes têm que ter a carteirinha própria, e depois será feito um rodízio aos finais de semana. Antes era visita fixa e muitas vezes a pessoa não tinha condições de visitar o seu parente, mas com isso vai oportunizar a visita a todos aos domingos", disse.





Por: Leandro Trindade, TV Centro América

Outras notícias

Comentários