ALUGAR CAMPO
Notícias recentes
Autores de sequestro de idosa de GO achada morta em MT eram amigos da vítima, diz delegado

Autores de sequestro de idosa de GO achada morta em MT eram amigos da vítima, diz delegado

access_time28/07/2018 07:16

O casal preso pelo sequestro e morte da aposentada Elza Aparecida Flores Santos, de 66 anos, frequen

Neymar pode ficar até 8 jogos suspenso por soco em torcedor

Neymar pode ficar até 8 jogos suspenso por soco em torcedor

access_time28/04/2019 18:35

Pode custar mais um período de inatividade a Neymar o soco que deu no torcedor que provocou os jogad

Câmeras em sala de aula podem levar a um 'comportamento paranoico', diz psicóloga

Câmeras em sala de aula podem levar a um 'comportamento paranoico', diz psicóloga

access_time23/04/2022 06:18

Muito utilizadas durante as aulas online durante a pandemia de Covid-19, as câmeras seguem nas salas

Milhares de pessoas protestam na França contra medidas sanitárias adotadas pelo governo

Milhares de pessoas protestam na França contra medidas sanitárias adotadas pelo governo

access_time18/07/2021 11:47

Cerca de 114 mil pessoas, de acordo com números do Ministério do Interior, se manifestaram nas principais cidades da França neste sábado (17) contra as últimas medidas governamentais de combate à pandemia do coronavírus, as quais eles chamam de "ditadura da saúde".

As medidas devem ser aprovadas na próxima segunda-feira pelo Conselho de Ministros e serão debatidas na Assembleia Nacional dois dias depois. Entre elas estão tornar obrigatória a vacinação dos trabalhadores da área da saúde e exigir um passaporte com programa de vacinação completa ou teste de Covid-19 com resultado negativo para acesso a um grande número de atividades sociais.

Os manifestantes exibiram cartazes contra a chamada "ditadura da saúde" e com pedidos como "liberdade" e "deixem meu corpo em paz", além de denúncias como "a covid mata a democracia", os manifestantes marcharam para demonstrar seu descontentamento.

"Entendo aqueles que estão relutantes em demonstrar, mas acho que precisamos convencer todos os nossos concidadãos a se vacinarem a todo custo", declarou hoje o primeiro-ministro francês, Jean Castex, em uma viagem a Anglet. "A linha é clara: devemos ser vacinados", reiterou.

As novas medidas, anunciadas pelo presidente Emmanuel Macron na última segunda-feira, visam incentivar a vacinação para combater a propagação da variante delta do coronavírus, que já responde por mais de 67% de todas as novas infecções detectadas na França.





Por: Agência EFE

Outras notícias

Comentários