Spigreen
Notícias recentes
Supremo retoma julgamento sobre criminalização da homofobia

Supremo retoma julgamento sobre criminalização da homofobia

access_time14/02/2019 08:07

O Supremo Tribunal Federal (STF) marcou para hoje (14), a partir das 14h, a conclusão do julgamento

Governo Bolsonaro não irá distribuir cargos a partidos, diz Onyx

Governo Bolsonaro não irá distribuir cargos a partidos, diz Onyx

access_time03/12/2018 08:15

O futuro ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse ao blog neste domingo (2) que, nas conversas

Monitoramento por satélite evita derrubada de 2.744 ha de floresta

Monitoramento por satélite evita derrubada de 2.744 ha de floresta

access_time12/05/2018 15:33

A Operação HotSpot (pontos quentes), que tem o objetivo de impedir a derrubada da floresta ou cerrad

Minas e Energia abre processo para investigar rompimento de barragem
Adriano Machado/Reuters/Direitos reservados

Minas e Energia abre processo para investigar rompimento de barragem

access_time11/02/2019 10:04

O Ministério de Minas e Energia determinou a instauração de processo administrativo para obter informações referentes ao rompimento da barragem da mineradora Vale na mina Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG), no último dia 25. A portaria foi publicada hoje (11) no Diário Oficial da União.

De acordo com o texto, o processo administrativo servirá para a adoção de providências que se fizerem necessárias quanto à prevenção, controle e mitigação das consequências dos danos provocados pelo rompimento no município mineiro, bem como para a adoção de providências quanto à segurança de barragens.

Até ontem (10), a tragédia em Brumadinho contabilizava 165 mortos e 160 desaparecidos, entre funcionários da mineradora, terceirizados que prestavam serviços à Vale e membros da comunidade. Há ainda 138 pessoas desabrigadas e duas seguem hospitalizadas – 17 dias após o rompimento da barragem.





Por: Paula Laboissière - Repórter da Agência Brasil

Outras notícias

Comentários