anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Polícia Militar atende 266 mil crianças e adolescentes pelo Proerd em 2023

Polícia Militar atende 266 mil crianças e adolescentes pelo Proerd em 2023

access_time20/02/2024 10:39

O Programa Educacional de Resistência às Drogas e Violência (Proerd) da Polícia Militar de Mato Gros

Brasil registra ano mais quente da história em 2023; temperatura global bate recorde

Brasil registra ano mais quente da história em 2023; temperatura global bate recorde

access_time09/01/2024 10:58

O Brasil registrou o ano mais quente de sua história em 2023. O dado é do Inmet (Instituto Nacional

Idoso é solto após pagar fiança por golpear inquilino com fisga de pesca em MT

Idoso é solto após pagar fiança por golpear inquilino com fisga de pesca em MT

access_time05/09/2023 07:53

Um idoso de 76 anos pagou fiança e foi solto após ter agredido um homem de 39 anos em Sorriso, a 420

Moraes aceita denúncia contra acusados de ataque em Brasília; 9 são de Mato Grosso
Moraes é favorável ao indiciamento dos 200 acusados (foto: Agência Brasil)

Moraes aceita denúncia contra acusados de ataque em Brasília; 9 são de Mato Grosso

Moraes é favorável ao indiciamento dos 200 acusados pelos atos de vandalismo em Brasília no dia 8 de janeiro

access_time25/04/2023 10:14

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve decidir até o dia 2 de maio, em julgamento no plenário virtual, se transforma em réus mais 200 pessoas acusadas de participação nos atos de vandalismo registrados em Brasília no dia 8 de janeiro. Dos 200 nomes, pelo menos 9 são de Mato Grosso.

Relator da matéria na Suprema Corte, o ministro Alexandre de Moraes foi o primeiro a votar. Ele é favorável ao indiciamento dos 200 acusados.

Se forem tornados réus, os 200 devem responder pelos crimes de associação criminosa armada, abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, dano qualificado pela violência e grave ameaça com emprego de substância inflamável contra o patrimônio da União e com considerável prejuízo para a vítima e deterioração de patrimônio tombado.

Na semana passada, a Suprema Corte julgou os casos dos primeiros 100 acusados de participação nos atos de vandalismo registrados nas sedes dos três Poderes da República. Ainda devem ser julgadas mais 1.090 pessoas, totalizando 1.390 pessoas.

Confira os nomes dos mato-grossenses que podem se tornar réus: Thiago dos Santos Silva, Valderi Lima da Silva, Alan Victor Chaves Pedroso, Abigail Nunes da Costa, Sidersino Pereira do Nascimento, Genivaldo Carlos Ramos, Marcia Rosa Vieira, Joelton Gusmão de Oliveira e Levi Alves Martins.

Aqueles que se tornarem réus, responderão a ações penais. Em seguida, deverão ser colhidas provas e ouvidas testemunhas de defesa e acusação. Em seguida, os ministros decidem se os réus são culpados ou inocentes e, em caso de condenação, qual a pena a ser cumprida. Os processos são abertos no STF, mas eventualmente podem ser remetidos para a primeira instância.





Por: APARECIDO CARMO DO REPÓRTER MT

Outras notícias

Comentários