anuncie aqui
Notícias recentes
Novo governo do México decide apoiar plano de Trump para mudar política de fronteira, diz jornal

Novo governo do México decide apoiar plano de Trump para mudar política de fronteira, diz jornal

access_time24/11/2018 18:03

O futuro governo do México concordou em apoiar o plano do governo do presidente dos Estados Unidos,

Professora é acusada de agredir bebês em escola

Professora é acusada de agredir bebês em escola

access_time10/08/2018 07:29

Boletim de ocorrência foi registrado na delegacia de Polícia Civil de Sorriso, onde uma estagiária d

Candidatos de MT terão que reduzir gastos em 2018; veja limites

Candidatos de MT terão que reduzir gastos em 2018; veja limites

access_time02/05/2018 20:34

Boa parte dos candidatos em Mato Grosso terá que reduzir drasticamente seus gastos com campanha na e

Moro autoriza envio de homens da Força Nacional ao Pará
Ministro Sérgio Moro atendeu pedido do governador do Pará, Helder Barbalho. — Foto: Marcelo Camargo/G1

Moro autoriza envio de homens da Força Nacional ao Pará

Força Nacional permanecerá por 90 dias no estado. Agentes vão atuar em ações de combate à criminalidade na região metropolitana de Belém

access_time07/03/2019 09:28

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, autorizou por meio da portaria 198, de 6 de março de 2019, o emprego da Força Nacional de Segurança Pública no Pará. A medida atende ao pedido feito no dia 2 de janeiro pelo governador do Estado, Helder Barbalho.

De acordo com a portaria, publicada nesta quinta-feira (7) no Diário Oficial da União, a equipe da Força Nacional vai atuar na região metropolitana de Belém, em apoio no combate à criminalidade. A permanência dos agentes no Pará será de 90 dias, podendo ser prorrogada, se necessário.

A Força Nacional vai atuar nas ações de policiamento ostensivo, polícia judiciária e perícia forense, nas atividades e nos serviços essenciais à preservação da ordem pública e segurança das pessoas e do patrimônio. O contingente que será disponibilizado irá obedecer ao planejamento definido pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp).

Reforço na segurança pública
Em janeiro deste ano, um dia após tomar posse, o governador do Pará, Hélder Barbalho, solicitou apoio de 500 agentes da Força Nacional. Ele apresentou índices de criminalidade no estado para justificar o pedido.

No dia 5 de fevereiro, o coronel Antônio de Oliveira, diretor da Força Nacional, informou que a Força Nacional seria enviada para Belém na primeira quinzena de março. Ele disse ainda que o contingente será de duzentos homens no início, mas pode chegar a quinhentos.

De acordo com o diretor, a atuação da Força ocorrerá exclusivamente em Belém. As tropas vão ser direcionadas para seis regiões da capital que concentram os maiores índices de violência.

A Força Nacional de Segurança Pública é um programa de cooperação entre os estados e a União. As tropas atuam na segurança da população, proteção do patrimônio, situações de emergência e calamidades públicas.

As tropas podem ser empregadas em qualquer parte do país, após solicitação do governador do estado. Compõe a Força Nacional: policiais militares, policiais civis, bombeiros militares e profissionais de perícia dos estados e do Distrito Federal.

Secretário no Pará
O secretário Nacional de Segurança Pública, general Guilherme Theophilo, se reúne na manhã desta quinta-feira (7) com o governador Helder Barbalho, no Palácio do Governo, em Belém. Na pauta, o anúncio da data de chegada da Força Nacional ao Pará e o lançamento do projeto-piloto do Governo Federal destinado a reforçar ações de segurança em cinco municípios do Brasil.

O município de Ananindeua, na Região Metropolitana de Belém, foi o escolhido da Região Norte para ser atendido pelo projeto. O objetivo é reduzir os altos índices de violência, especialmente homicídios.





Por: G1 PA — Belém

Outras notícias

Comentários