anuncie aqui vermelho
Notícias recentes
Publicado edital para contratação de mais 70 profissionais técnicos de nível superior e médio para o Intermat

Publicado edital para contratação de mais 70 profissionais técnicos de nível superior e médio para o Intermat

access_time29/06/2021 08:40

O Governo de Mato Grosso, por meio do Instituto de Terras Agrárias (Intermat) publicou na edição do

Engenheiro diz que recebeu quase R$ 1 milhão de empresa do coronel Lima por obra na casa de filha de Temer

Engenheiro diz que recebeu quase R$ 1 milhão de empresa do coronel Lima por obra na casa de filha de Temer

access_time08/06/2018 20:01

O engenheiro Luiz Eduardo Visani, dono da construtora Visani Engenharia, disse em depoimento à Políc

Sema aplica multa de R$ 1 milhão em empresa de Sorriso por poluir Rio Celeste

Sema aplica multa de R$ 1 milhão em empresa de Sorriso por poluir Rio Celeste

access_time15/07/2021 07:42

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) multou em R$ 1 milhão uma empresa localizada na zo

Motorista de transporte escolar suspeito de abusar de aluno enviava mensagens para vítima, diz delegado

Motorista de transporte escolar suspeito de abusar de aluno enviava mensagens para vítima, diz delegado

José Adalberto Ribeiro Santos foi preso na terça-feira (25) e deve prestar depoimento. Segundo a prefeitura de Novo Mundo, o servidor de 57 anos foi afastado após tramitação de um PAD

access_time27/09/2018 08:53

Suspeito de abusar de um aluno de 11 anos, um motorista do transporte escolar de Novo Mundo, a 791 km de Cuiabá, enviava mensagens para vítima através de um aplicativo de celular, segundo a Polícia Civil. José Adalberto Ribeiro Santos, de 57 anos, foi preso na terça-feira (25), em Sinop, a 503 km da capital. O G1 não conseguiu localizar a defesa dele.

De acordo com o delegado Waner Neves, da Polícia Civil, que investiga o caso, José Adalberto aliciou o menino através de mensagens. O conteúdo foi descoberto pela mãe do menino, que denunciou o caso à polícia.

José Adalberto foi detido e teve a prisão temporária decretada. Ele ainda deve prestar depoimento. O processo tramita sob segredo de Justiça. A vítima, segundo a polícia, já foi ouvida e confirmou os abusos. O crime teria ocorrido no mês passado.

De acordo com o secretário de Educação de Novo Mundo, Clodoaldo Daufenbach, assim que denúncia chegou à prefeitura, um processo administrativo foi aberto e o servidor afastado.

No entanto, o servidor não apareceu mais no trabalho desde que foi denunciado. “Tomamos providências desde que a denúncia chegou à prefeitura, mas ele não veio mais trabalhar, desde então”.





Por: G1 MT

Outras notícias

Comentários