anuncie aqui
Notícias recentes
Homem é detido com 20 pacas abatidas dentro de canoa

Homem é detido com 20 pacas abatidas dentro de canoa

access_time17/09/2018 08:29

Um homem foi detido nesse sábado (15) ao ser flagrado transportando 20 pacas abatidas em uma caixa t

Prefeito Maurício acompanhou início de Obra no Bairro Nova Esperança

Prefeito Maurício acompanhou início de Obra no Bairro Nova Esperança

access_time25/10/2018 16:57

Teve início nesta quarta-feira (24) as Obras de Drenagem do Bairro Nova Esperança, um bairro em que

Líderes das duas Coreias encerram cúpula com visita a montanha sagrada

Líderes das duas Coreias encerram cúpula com visita a montanha sagrada

access_time20/09/2018 08:18

Kim Jong-un e Moon Jae-in visitaram nesta quinta-feira (20) o símbolo espiritual da Nação coreana, e

Motorista de transporte escolar suspeito de abusar de aluno enviava mensagens para vítima, diz delegado

Motorista de transporte escolar suspeito de abusar de aluno enviava mensagens para vítima, diz delegado

José Adalberto Ribeiro Santos foi preso na terça-feira (25) e deve prestar depoimento. Segundo a prefeitura de Novo Mundo, o servidor de 57 anos foi afastado após tramitação de um PAD

access_time27/09/2018 08:53

Suspeito de abusar de um aluno de 11 anos, um motorista do transporte escolar de Novo Mundo, a 791 km de Cuiabá, enviava mensagens para vítima através de um aplicativo de celular, segundo a Polícia Civil. José Adalberto Ribeiro Santos, de 57 anos, foi preso na terça-feira (25), em Sinop, a 503 km da capital. O G1 não conseguiu localizar a defesa dele.

De acordo com o delegado Waner Neves, da Polícia Civil, que investiga o caso, José Adalberto aliciou o menino através de mensagens. O conteúdo foi descoberto pela mãe do menino, que denunciou o caso à polícia.

José Adalberto foi detido e teve a prisão temporária decretada. Ele ainda deve prestar depoimento. O processo tramita sob segredo de Justiça. A vítima, segundo a polícia, já foi ouvida e confirmou os abusos. O crime teria ocorrido no mês passado.

De acordo com o secretário de Educação de Novo Mundo, Clodoaldo Daufenbach, assim que denúncia chegou à prefeitura, um processo administrativo foi aberto e o servidor afastado.

No entanto, o servidor não apareceu mais no trabalho desde que foi denunciado. “Tomamos providências desde que a denúncia chegou à prefeitura, mas ele não veio mais trabalhar, desde então”.





Por: G1 MT

Outras notícias

Comentários