ALUGAR CAMPO
Notícias recentes
VAR rouba a cena em São Paulo e Palmeiras e internet critica

VAR rouba a cena em São Paulo e Palmeiras e internet critica

access_time31/03/2022 09:08

São Paulo e Palmeiras se enfrentaram nesta quarta-feira, 30, pela final do Paulistão, e o VAR foi o

Corpo de homem é encontrado em moita às margens de estrada no Nortão

Corpo de homem é encontrado em moita às margens de estrada no Nortão

access_time07/02/2022 10:58

O corpo de um homem, ainda não identificado, foi encontrado às margens da estrada vicinal 1 Norte, p

CCJ deve votar nesta terça PL sobre impeachment de ministros do STF

CCJ deve votar nesta terça PL sobre impeachment de ministros do STF

access_time04/05/2021 09:30

Nesta terça-feira, 4, a CCJ - Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados deve debate

MT foi responsável por 25% das exportações de soja do país
Rafael D Marques/Secom-MT
Foto por: Por: Rafael D Marques/Secom-MT

MT foi responsável por 25% das exportações de soja do país

Além disso, foi o estado que mais exportou se comparado a outras unidades federativas.

access_time07/01/2022 12:08

Além disso, foi o estado que mais exportou se comparado a outras unidades federativas.

Mato Grosso foi responsável por 25% do volume total de exportações do Brasil em 2021. Além disso, foi o que mais exportou se comparado com outros estados.

De acordo com a Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec), foram mais de 86 milhões de toneladas de soja exportada pelo Brasil em 2021. O volume é 5% maior do que 2020 e superou o recorde de 2018, que era de 83 milhões de toneladas.

A China foi o país que mais comprou, foi quase 60 milhões de toneladas.

De acordo com o analista de mercado Rodrigo Santos, mesmo com as chuvas tardias, o estado conseguiu manter a média de exportações.

"Apesar de na última safra a gente ter o período de chuvas um pouco tardio, o país conseguiu manter a produtividade dentro daquilo que era esperado e o mercado externo absorveu toda essa produção e fez com que a gente batesse os recordes de exportação", disse.

Em contrapartida, a exportação de milho foi a menor desde 2012. No ano passado foram 20 milhões de toneladas. Em 2019, o número foi de 19 milhões.

Mesmo assim, 60% do que o país exportou, saiu de Mato Grosso.

Segundo o analista, a justificativa são os problemas climáticos em todo o país no período de plantação do milho.

"No caso do milho, a gente teve um problema climático severo durante um período importante da produção com falta de chuva. Isso fez com que o volume fosse quase 20% menor de produção e teve o impacto na importação também", contou.

Outro fator, está em relação as indústrias de etanol motivaram o aumento da compra do milho no mercado interno, segundo Rodrigo.





Por: G1 MT

Outras notícias

Comentários