Kurupí
Notícias recentes
Dia sangrento Palestinos enterram mortos por tropas de Israel em Gaza

Dia sangrento Palestinos enterram mortos por tropas de Israel em Gaza

access_time15/05/2018 07:22

Famílias palestinas enterram nesta terça-feira (15) os corpos de parentes que foram mortos nesta seg

EUA prometem divulgar lista de imigrantes ilegais separados dos filhos

EUA prometem divulgar lista de imigrantes ilegais separados dos filhos

access_time14/07/2018 11:45

O governo dos Estados Unidos deverá divulgar na próxima segunda-feira (16) uma lista de pais imigran

Paulo Vieira de Souza, apontado como operador do PSDB, é preso novamente

Paulo Vieira de Souza, apontado como operador do PSDB, é preso novamente

access_time30/05/2018 07:52

O ex-diretor da Dersa, Paulo Vieira de Souza, apontado como operador do PSDB, foi novamente preso pr

Mulher é assassinada em pátio de posto de combustível
Mulher foi assassinada em pátio de posto de combustível em Juína — Foto: Juína News

Mulher é assassinada em pátio de posto de combustível

Segundo a Polícia Civil, Jéssica Cristina Ribeiro, de 28 anos, foi morta por duas pessoas que estavam em motocicleta

access_time02/12/2019 10:36

Uma mulher foi assassinada a tiros na noite de sábado (30) em um posto de combustível em Juína. Segundo a Polícia Civil, Jéssica Cristina Ribeiro, de 28 anos, foi morta por duas pessoas que estava em uma motocicleta.

Os suspeitos fugiram, não foram identificados e nem presos até esta segunda-feira (2).

De acordo com a polícia, o crime ocorreu no pátio do posto de combustível por volta de 22h45. Jéssica foi encontrada caída no pátio com marcas de tiro na cabeça.

Testemunhas disseram à polícia que as duas pessoas estavam em uma motocicleta, passaram perto dela, atiraram e fugiram.

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamada, mas a morte da vítima foi confirmada no local do crime.

Os policiais fizeram buscas, mas os suspeitos não foram encontrados. O caso será investigado pela Polícia Civil. O corpo da vítima foi levado ao Instituto Médico Legal (IML).





Por: Por G1 MT

Outras notícias

Comentários