anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Homem é encontrado morto na rua com marcas de facadas em Peixoto

Homem é encontrado morto na rua com marcas de facadas em Peixoto

access_time16/01/2023 11:25

O homem, ainda não identificado, foi encontrado morto, em uma rua no município de Peixoto de Azevedo

Advogados esquerdistas oferecem ajuda ao MST para enfrentar CPI

Advogados esquerdistas oferecem ajuda ao MST para enfrentar CPI

access_time02/05/2023 07:35

O grupo Prerrogativas, formado por advogados próximos ao presidente Lula e que se notabilizou pela o

Tarcísio: ‘Lula não tem plano para o Brasil’

Tarcísio: ‘Lula não tem plano para o Brasil’

access_time21/04/2023 15:17

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, teceu críticas ao governo Luiz Inácio Lula da Silva

Mulher invade hospital no Rio de Janeiro com o carro após insatisfação em atendimento à irmã

Foto por: Reprodução / Facebook Hospital Municipal de Emergência Henrique Sérgio Gregory

Mulher invade hospital no Rio de Janeiro com o carro após insatisfação em atendimento à irmã

Episódio causou pânico entre os presentes; não há registro de feridos até o momento

access_time21/12/2023 12:01

Uma mulher foi presa após invadir com o carro a recepção do Hospital Municipal de Emergência de Resende, localizado no Rio de Janeiro, na quarta-feira, 21. De acordo com informações, a mulher teria invadido do hospital por ter ficado insatisfeita com o atendimento dado à irmã, que havia sofrido um acidente doméstico horas antes. Funcionários e pacientes ficaram assustados. Nas imagens gravadas por presentes no local, funcionários e pacientes aparecem assustados, correndo e com medo de serem feridos pelo carro. A motorista foi autuada em flagrante pelos crimes de dano qualificado e direção perigosa.

Vídeos também mostram a mulher alterada, gritando e xingando, enquanto os funcionários do hospital tentam contê-la. Outros se mobilizam para retirar sua irmã do porta-malas do carro. O chão da recepção ficou coberto de cacos de vidro e muitas pessoas saíram correndo do local. Dois policiais civis estavam no hospital para ouvir o depoimento de uma paciente e presenciaram o início da confusão. Os agentes foram informados de que a motorista estava na lanchonete e foram até lá.

Em depoimento, a mulher afirmou que levou sua irmã ao hospital após o acidente, mas não ficou satisfeita com a liberação dela. Ao chegar em casa, ela ligou para o Samu, mas foi informada de que uma ambulância não poderia ser enviada naquele momento. Posteriormente, ao ligar para a unidade de saúde, uma médica sugeriu que a irmã fosse atendida novamente. A mulher admitiu, inclusive, que já havia saído de casa com a intenção de invadir o local com seu carro. Pelas redes sociais, internautas repercutiram vídeos que mostram o momento. Confira:





Por: Jovem Pan

Outras notícias

Comentários