ALUGAR CAMPO
Notícias recentes
MP investiga compra de R$ 715 mil em papel higiênico e papel toalha pela Prefeitura de Rondonópolis

MP investiga compra de R$ 715 mil em papel higiênico e papel toalha pela Prefeitura de Rondonópolis

access_time05/05/2020 19:42

O Ministério Público Estadual de Contas (MPC) investiga supostas irregularidades em dispensa de lici

"Tecnologia 5G será o assunto de 2021”, afirma Fábio Faria

access_time23/07/2020 07:48

Em visita às instalações da Empresa Brasil de Comunicação - EBC, o ministro das Comunicações, Fábio

Visitas em todos os hospitais estaduais de MT são suspensas para tentar conter casos da Covid

Visitas em todos os hospitais estaduais de MT são suspensas para tentar conter casos da Covid

access_time25/01/2022 20:35

Devido ao aumento de casos da Covid-19, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) suspendeu as visitas ao

Netanyahu pede a Putin para remover forças iranianas da Síria
Presidente da Rússia Vladimir Putin e o Primeiro Ministro Israelense Benjamin Netanyahu se cumprimentam durante encontro em Moscou - 09/05/2018 (Mikhail MetzelTASS/Getty Images)

Netanyahu pede a Putin para remover forças iranianas da Síria

Em troca, o primeiro-ministro israelense garantiu que Israel não vai ameaçar o governo do presidente sírio, Bashar Assad

access_time12/07/2018 09:11

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, pediu nesta quarta-feira (11) ao presidente da Rússia, Vladimir Putin, que trabalhe para remover as forças do Irã na Síria, garantindo, em troca, que Israel não pretende ameaçar o governo do presidente sírio, Bashar Assad.

“Não tomaremos medidas contra o regime de Assad, e você vai tirar os iranianos”, disse Netanyahu a Putin durante uma reunião em Moscou, segundo a fonte, que pediu anonimato.

A Rússia já está trabalhando para distanciar as forças iranianas das áreas da Síria perto das colinas de Golã, ocupadas por Israel, e propôs que fossem mantidas a 80 quilômetros de distância, mas isso ficou aquém da demanda de Israel por uma saída completa, disse a autoridade.

Na manhã de hoje, Israel derrubou um drone na região norte, que parecia ser um aparelho de reconhecimento da Síria, informou o jornal The Times of Israel. Mas teve o cuidado, antes, de entrar em contato com as forças russas na Síria para confirmar se o drone lhes pertencia. Os militares israelenses esperaram 15 minutos antes de disparar um míssil contra o aparelho.

Durante seu encontro com Putin, Netanyahu enfatizou que Israel continuará a frustrar qualquer esforço de violação de suas fronteiras e a acompanhar atentamente as movimentações do Irã e da Síria.  “Nós esperamos que todos respeitem nossa soberania e que a Síria respeite cuidadosamente os acordos de cessar-fogo”, disse ao final do encontro com Putin, segundo o Times of Israel.





Por: Veja.com

Outras notícias

Comentários