Kurupí
Notícias recentes
Protesto contra estrangeiros em cidade alemã termina com 18 feridos

Protesto contra estrangeiros em cidade alemã termina com 18 feridos

access_time03/09/2018 08:16

A polícia alemã informou neste domingo (2) que os protestos que ocorreram ontem em Chemnitz, no lest

MEC tem agora secretarias para alfabetização e escolas militares

MEC tem agora secretarias para alfabetização e escolas militares

access_time07/01/2019 07:29

Com a posse do presidente Jair Bolsonaro e do ministro Ricardo Vélez Rodríguez foram feitas, esta se

Pela terceira vez na história, uma mulher ganha o Nobel de física

Pela terceira vez na história, uma mulher ganha o Nobel de física

access_time04/10/2018 08:29

Os lasers estão por todo lugar. Cirurgias médicas, procedimentos estéticos, leitor de código de barr

Nove jogadores, 50 toques em 57 segundos: como Everton Ribeiro regeu o gol de Vizeu

Nove jogadores, 50 toques em 57 segundos: como Everton Ribeiro regeu o gol de Vizeu

Da roubada de bola de Léo Duarte até a conclusão do atacante, apenas Diego Alves e Cuéllar não participam do lance que define Fla-Flu. Camisa 7 conduz equipe da defesa ao ataque

access_time08/06/2018 10:49

Quatro vitórias consecutivas. Cinco pontos de vantagem na ponta do Campeonato Brasileiro. Seis jogadores da base em campo. Os 2 a 0 em cima do Fluminense trazem vários motivos para o torcedor do Flamengo comemorar. Mas há um a mais, que mostra a construção coletiva do time rubro-negro, no melhor momento da temporada.

Os 57 segundos com a bola no pé até marcar o segundo gol e definir a vitória sobre o rival permitem análise detalhada do lance. Foram exatos 50 toques na bola, que trocou de pé nada menos que 16 vezes desde o desarme de Léo Duarte na área do Flamengo. Depois, a condução é do "maestro" Everton Ribeiro, que participa nada menos que cinco vezes do lance - a última na assistência para Felipe Vizeu.

Toque a toque:

- Léo Duarte - quatro toques (último é o passe)

- Vinicius Junior - três toques (último é o passe)

- Jean Lucas - dois toques (último é o passe)

- Lucas Paquetá - dois toques (último é o passe)

- Everton Ribeiro - três toques (último é o passe)

- Rodinei - seis toques (último é o passe)

- Everton Ribeiro - três toques (último é o passe)

- Thuler - dois toques (último é o passe)

- Léo Duarte - dois toques (último é o passe)

- Renê - dois toques (último é o passe)

- Vinicius Junior - seis toques (último é o passe)

- Everton Ribeiro - dois toques (último é o passe)

- Rodinei - três toques (último é o passe)

- Everton Ribeiro - quatro toques (último é o passe)

- Paquetá - um toque (passe de primeira)

- Everton Ribeiro - três toques (último é o passe)

- Vizeu - quatro toques (último é o chute a gol)





Por: Globo Esporte

Outras notícias

Comentários