ALUGAR CAMPO
Notícias recentes
Brasil investiga dois casos suspeitos da varíola do macaco

Brasil investiga dois casos suspeitos da varíola do macaco

access_time30/05/2022 12:35

O Ministério da Saúde confirmou nesta segunda-feira (30) que investiga dois casos suspeitos de varío

Estudo aponta que 30% das onças-pintadas mortas ou deslocadas por causa do desmatamento na Amazônia são de MT

Estudo aponta que 30% das onças-pintadas mortas ou deslocadas por causa do desmatamento na Amazônia são de MT

access_time30/11/2021 08:12

Segundo um estudo feito por cientistas brasileiros na revista 'Conservation Science and Practice', r

Homem morre eletrocutado ao tentar podar árvore em União do Norte

Homem morre eletrocutado ao tentar podar árvore em União do Norte

access_time03/09/2018 07:19

Homem morreu eletrocutado na tarde de domingo (02), no travessão III São José União. Abedão Antunes

Novembro Azul PSF Bairro Mãe de Deus

Novembro Azul PSF Bairro Mãe de Deus

access_time04/11/2021 06:41

Está acontecendo no PSF Mãe de Deus localizado na Avenida Brasil o ‘Dia D da Campanha Novembro Azul’ seguindo programação especial elaborada pela Secretaria Municipal de Saúde.

O posto de saúde recebeu decoração temática sobre a prevenção ao câncer de próstata. Na entrada os homens foram recebidos com um delicioso café da manhã.

Médicos, Enfermeiros, Técnicos de Enfermagem e Agentes Comunitários de Saúde atuaram no preenchimento de fichas, aferição da pressão arterial, calculo do índice de massa corporal, avaliação clínica da próstata, encaminhamento de exames-médicos, distribuição de panfletos orientativos e nas demais ações preventivas ligadas a saúde do homem.

“O público masculino compareceu maciçamente na Unidade Básica de Saúde, onde além da consulta médica, toque prostático, avaliação global da saúde do homem, solicitação de exames laboratoriais também desenvolvemos palestras sobre os sintomas, fatores de risco, prevenção e tratamento do câncer de próstata. Percebemos que a conscientização está cada vez mais presente no cotidiano dos homens Peixotenses”, disse o Médico Otaviano Fontes – Coordenador do Programa de Saúde do Homem.

Fique por dentro:

O câncer de próstata, tipo mais comum entre os homens, é a causa de morte de 28,6% da população masculina que desenvolve neoplasias malignas. No Brasil, um homem morre a cada 38 minutos devido ao câncer de próstata, segundo os dados mais recentes do Instituto Nacional do Câncer (Inca).

O que é a próstata?

É uma glândula do sistema reprodutor masculino, que pesa cerca de 20 gramas, e se assemelha a uma castanha. Ela localiza-se abaixo da bexiga e sua principal função, juntamente com as vesículas seminais, é produzir o esperma.

Sintomas:

Na fase inicial, o câncer de próstata não apresenta sintomas e quando alguns sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores já estão em fase avançada, dificultando a cura.

Na fase avançada, os sintomas são:

• dor óssea;

• dores ao urinar;

• vontade de urinar com frequência;

• presença de sangue na urina e/ou no sêmen.

Fatores de risco:

• histórico familiar de câncer de próstata: pai, irmão e tio;

• raça: homens negros sofrem maior incidência deste tipo de câncer;

• obesidade.

Prevenção e tratamento:

A única forma de garantir a cura do câncer de próstata é o diagnóstico precoce. Mesmo na ausência de sintomas, homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou 50 anos sem estes fatores, devem ir ao urologista para conversar sobre o exame de toque retal, que permite ao médico avaliar alterações da glândula, como endurecimento e presença de nódulos suspeitos, e sobre o exame de sangue PSA (antígeno prostático específico).

Cerca de 20% dos pacientes com câncer de próstata são diagnosticados somente pela alteração no toque retal. Outros exames poderão ser solicitados se houver suspeita de câncer de próstata, como as biópsias, que retiram fragmentos da próstata para análise, guiadas pelo ultrassom transretal.

A indicação da melhor forma de tratamento vai depender de vários aspectos, como estado de saúde atual, estadiamento da doença e expectativa de vida. Em casos de tumores de baixa agressividade há a opção da vigilância ativa, na qual periodicamente se faz um monitoramento da evolução da doença intervindo se houver progressão da mesma.





Por: Assessoria

Outras notícias

Comentários