Spigreen
Notícias recentes
Mais de R$ 1 milhão recuperado de campanhas irregulares em MT deve ser destinado ao combate da Covid-19, diz MP

Mais de R$ 1 milhão recuperado de campanhas irregulares em MT deve ser destinado ao combate da Covid-19, diz MP

access_time26/03/2020 09:31

O Ministério Público Eleitoral, por meio da Procuradoria Regional Eleitoral em Mato Grosso (PRE/MT)

Operação de combate à pornografia infantil cumpre 10 mandados de busca e apreensão em MT

Operação de combate à pornografia infantil cumpre 10 mandados de busca e apreensão em MT

access_time17/05/2018 08:51

Dez mandados de busca e apreensão devem ser cumpridos pela Polícia Civil de Mato Grosso nesta quinta

Incêndio em avião russo deixa pelo menos 41 pessoas mortas

Incêndio em avião russo deixa pelo menos 41 pessoas mortas

access_time06/05/2019 07:59

Pelo menos 41 pessoas morreram no acidente com um avião de passageiros da companhia russa Aeroflot,

Operação 'Marias' autua 210 homens por violência doméstica e concede 243 medidas protetivas em duas semanas em MT
Maioria das medidas foram concedidas em Cuiabá, Barra do Garças e Tangará da Serra — Foto: Polícia Civil de Mato Grosso

Operação 'Marias' autua 210 homens por violência doméstica e concede 243 medidas protetivas em duas semanas em MT

Também foram cumpridos 50 mandados judiciais e 10 buscas e apreensões em diversas cidades do estado por crimes relacionados à violência doméstica

access_time28/11/2019 11:32

A Operação 'Marias' autuou 210 homens em flagrante por violência doméstica em Mato Grosso, entre os dias 8 e 26 desde mês. Neste período, também foram concedidas 243 medidas protetivas às mulheres.

De acordo com a Polícia Civil, a maioria das medidas foram concedidas em Cuiabá, Barra do Garças e Tangará da Serra, a 516 e 242 km da capital, respectivamente.

Também foram cumpridos 50 mandados judiciais e 10 buscas e apreensões em diversas cidades do estado por crimes relacionados à violência doméstica.

As prisões são por crimes como violência sexual, estupro de vulnerável, ameaça e descumprimento de medida protetiva.

A Operação 'Marias' é realizada em todos os estados do Brasil em parceria com o Conselho Nacional dos Chefes de Polícia (CONCPC). O objetivo, segundo a polícia, é combater crimes relacionados à violência doméstica.

Conforme o relatório divulgado pela Polícia Civil, foram instaurados pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher 137 inquéritos e outros 124 foram concluídos.

Uma das prisões, em Cuiabá, aconteceu nessa terça-feira (26). Augusto César Leite, de 47 anos, é suspeito de ameaçar a ex-mulher.

No dia 1° deste mês, durante audiência de conciliação em relação à pensão alimentícia da filha, Augusto disse voltado à ex-companheira: 'É por causa dessas coisas que acontecem muitos feminicídios'.

O suspeito havia deixado a prisão há menos de uma semana devido ao atraso nos pagamentos de alimentos. Durante o interrogatório, ele confessou a autoria do crime e foi encaminhado à audiência de custódia e foi solto novamente.

Em Barra do Garças, foram 83 pessoas autuadas em flagrante e sete mandados de prisões foram cumpridos, sendo um deles pelo crime de feminicídio ocorrido na região de Torixoréu, a 577 km de Cuiabá, no dia 18 deste mês.

O suspeito Claudecy Nunes, de 48 anos, registrou o desaparecimento da esposa, Soraya Parreira de Monteiro, de 43 anos.

Durante investigações, a Polícia Civil descobriu que Claudecy simulou o envio de mensagens para o filho, se passando pela vítima, relatando que a mulher estava em um novo relacionamento e em viagem para o estado do Rio de Janeiro.

Já em Tangará da Serra foram 42 autuações em flagrante e oito mandados judiciais cumpridos. Também foram concedidas 78 medidas às vítimas.

Ações preventivas
Além das prisões e autuações em flagrante, a operação também realizou atendimento psicossocial.

Em Barra do Garças, a Rede de Frente que reúne diversas instituições em ações voltadas ao enfrentamento da violência doméstica, realizou capacitação com policiais civis e miliares que trabalham no atendimento a vítimas.

Em Cuiabá, a Delegacia da Mulher realizou 15 visitas domiciliares em apoio às vítimas.

Já em outras cidades foram ministradas palestras em faculdades e escolas.





Por: G1 MT

Outras notícias

Comentários