ALUGAR CAMPO
Notícias recentes
Prazo para pedir 2ª via do título de eleitor fora do domicílio eleitoral termina nesta quarta-feira

Prazo para pedir 2ª via do título de eleitor fora do domicílio eleitoral termina nesta quarta-feira

access_time08/08/2018 13:15

O prazo para quem estiver fora do domícilio eleitoral solicitar segunda via do título de eleitor ter

Desfile de Sete de Setembro é realizado em União do Norte

Desfile de Sete de Setembro é realizado em União do Norte

access_time08/09/2018 08:32

No dia 06 de setembro, a Prefeitura Municipal de Peixoto de Azevedo, através das secretarias de Educ

Maioria do STF aprova reajuste de 18% do salário de ministros e servidores

Maioria do STF aprova reajuste de 18% do salário de ministros e servidores

access_time10/08/2022 15:36

Sete ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) votaram nesta quarta-feira, 10, a favor de um reaju

Paciente perde visão após cirurgia e processa hospital

Paciente perde visão após cirurgia e processa hospital

Homem ficou cego de dois olhos em um intervalo de dois anos e diz que foi vítima de erro médico

access_time23/05/2022 10:13

O juiz da 7ª Vara Cível de Cuiabá, Yale Sabo Mendes, determinou a realização de uma perícia nos autos de uma ação de indenização por dano moral e material de autoria de um homem que ficou cego dos dois olhos após ser submetido a cirurgias no Hospital dos Olhos de Cuiabá, em um intervalo de dois anos, que foi considerada malsucedida.

A unidade de saúde é vinculada ao SUS (Sistema Único de Saúde). Por conta dos supostos erros médicos dos quais alega ser vítima, é reivindicada indenização no valor total de R$ 389 mil. 

O autor narra que no dia 3 de junho de 2014 foi encaminhado pelo SUS até o Hospital dos Olhos de Cuiabá para a realização de transplante de córnea do olho direito com implante de lente. 

No entanto, após seis meses do procedimento, apresentou deficiência no olho direito que foi operado. A partir daí, foi recomendado o uso de óculos. Porém, sua visão foi escurecendo até que chegou ao ponto de não enxergar mais nada no olho direito, ficando totalmente cego.

O homem diz que o Hospital dos Olhos de Cuiabá não apresentou nenhuma solução.

Dois anos depois do procedimento no olho direito, o homem realizou nova consulta no Hospital dos Olhos, quando foi diagnosticado com uma deficiência no olho esquerda que reduzia a capacidade de enxergar. 

Após os exames pré-operatórios, realizou uma cirurgia de catarata, que também não foi bem sucedida, levando a uma inflamação que exigiu transplante de córnea que desencadeou em complicações após a cirurgia. 

Revoltado, o homem que diz ficou cego dos dois olhos mesmo obedecendo a todos os procedimentos prescritos pelos médicos do Hospital dos Olhos de Cuiabá.

Após a produção da perícia, os autos serão conclusos ao juiz para sentença.





Por: Folha Max

Outras notícias

Comentários