anuncie aqui
Notícias recentes
Tragédia em Niterói Estudo de 2009 alertava para possível deslizamento em morro no RJ onde 15 morreram

Tragédia em Niterói Estudo de 2009 alertava para possível deslizamento em morro no RJ onde 15 morreram

access_time12/11/2018 15:07

O rompimento e o deslizamento de uma pedra no Morro da Boa Esperança, que deixaram 15 mortos confirm

Contribuinte com débito até 2017 tem até 28 de setembro para regularização

Contribuinte com débito até 2017 tem até 28 de setembro para regularização

access_time23/08/2018 08:10

O contribuinte que estiver em débito junto à Prefeitura Municipal de Peixoto de Azevedo até o ano de

Bolsonaro fala em criar 10 milhões de empregos

Bolsonaro fala em criar 10 milhões de empregos

access_time16/10/2018 08:44

O time econômico do candidato Jair Bolsonaro (PSL) ao Palácio do Planalto estabeleceu como meta cria

Personal suspeito de dar 'mata-leão' em namorada e atirar em policiais é levado para a cadeia em MT e divide cela com 21 agressores de mulheres
Eder Rony Silva Lima, de 24 anos, foi detido em Juara — Foto: Facebook/Reprodução

Personal suspeito de dar 'mata-leão' em namorada e atirar em policiais é levado para a cadeia em MT e divide cela com 21 agressores de mulheres

Nesse sábado, durante uma hora e meia o suspeito resistiu, até que se entregou e deu a arma à PM. Ele estava com uma pistola

access_time11/02/2019 10:05

O personal trainer Eder Rony Silva Lima, de 24 anos, suspeito de ter agredido a namorada e de ter atirado contra policiais no Centro de Juara, a 690 km de Cuiabá, foi ouvido pelo delegado Carlos Henrique Engelmann ainda nesse sábado e encaminhado para a cadeia pública municipal.

O suspeito trabalha como personal em uma academia e deu um golpe de "mata-leão" na vítima. O G1 não localizou o advogado dele. Ele está dividindo a cela com outros 21 homens acusados de agressão contra mulheres.

Ao ser detido, Eder teria confessado a agressão e falado que “perdeu a cabeça”.

Testemunhas chamaram a polícia depois que viram Eder agredindo a namorada na frente de um lava a jato. Ele foi encontrado em uma casa e atirou na direção dos policiais militares assim que eles apareceram no local.

Os policiais negociaram com Eder para que ele entregasse a arma. Durante uma hora e meia o suspeito resistiu, até que se entregou e deu a arma à PM. Ele estava com uma pistola.

Eder contou à PM que estava com a arma depois que a namorada disse que terminaria com ele. O rapaz alegou que "perdeu a cabeça naquele momento".





Por: Aldair Santos, Centro América FM

Outras notícias

Comentários