Spigreen
Notícias recentes
Ex-treinador da seleção brasileira de ginástica é banido do esporte

Ex-treinador da seleção brasileira de ginástica é banido do esporte

access_time01/04/2019 18:24

O ex-treinador da seleção brasileira masculina de ginástica artística Fernando de Carvalho Lopes foi

Ministro do STF da fim ao sigilo em delação de empresário acusado de esquema na Secretaria de Educação

Ministro do STF da fim ao sigilo em delação de empresário acusado de esquema na Secretaria de Educação

access_time19/10/2018 17:25

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta sexta-feira (19)

Palmeiras x Ferroviária: veja onde assistir, escalações, desfalques e arbitragem

Palmeiras x Ferroviária: veja onde assistir, escalações, desfalques e arbitragem

access_time07/03/2020 10:01

O Palmeiras recebe a Ferroviária neste sábado, às 16h, na arena do Verdão, em jogo válido pela nona

Petrobras anuncia nova alta nos preços da gasolina, diesel e gás
© Arquivo/Agência Brasil

Petrobras anuncia nova alta nos preços da gasolina, diesel e gás

Reajuste será nas refinarias e entra em vigor amanhã

access_time01/03/2021 10:12

A Petrobras anunciou hoje (1º) um novo aumento nos preços da gasolina, do óleo diesel e do gás de botijão vendidos nas refinarias. A partir de amanhã (2), a gasolina ficará 4,8% mais cara, ou seja, R$ 0,12 por litro. Com isso, o combustível será vendido às distribuidoras por R$ 2,60 por litro.

O óleo diesel terá um aumento de 5%: R$ 0,13 por litro. Com o reajuste, o preço para as distribuidoras passará a ser de R$ 2,71 por litro a partir de amanhã.

Já o gás liquefeito de petróleo (GLP), conhecido como gás de botijão ou gás de cozinha, ficará 5,2% mais caro também a partir de amanhã. O preço para as distribuidoras será de R$ 3,05 por quilo (R$ 0,15 mais caro), ou seja R$ 36,69 por 13 kg (ou R$ 1,90 mais caro).

Segundo a Petrobras, seus preços são baseados no valor do produto no mercado internacional e na taxa de câmbio.

“Importante ressaltar também que os valores praticados nas refinarias pela Petrobras são diferentes dos percebidos pelo consumidor final no varejo. Até chegar ao consumidor são acrescidos tributos federais e estaduais, custos para aquisição e mistura obrigatória de biocombustíveis pelas distribuidoras, no caso da gasolina e do diesel, além dos custos e margens das companhias distribuidoras e dos revendedores de combustíveis”, destaca nota divulgada pela empresa.





Por: Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro

Outras notícias

Comentários