anuncie aqui vermelho
Notícias recentes
OMS alerta para epidemia de DSTs na era dos aplicativos de encontros

OMS alerta para epidemia de DSTs na era dos aplicativos de encontros

access_time07/06/2019 09:20

A Organização Mundial de Saúde (OMS) fez um alerta nesta quinta-feira (6) para a falta de progresso

Libertadores: Gabriel brilha e Flamengo abre vantagem sobre Olimpia

Libertadores: Gabriel brilha e Flamengo abre vantagem sobre Olimpia

access_time12/08/2021 07:31

O Flamengo abriu uma confortável vantagem sobre o Olimpia (Paraguai) no confronto pelas quartas de f

Libertadores: Flamengo e River protagonizam final inédita e histórica

Libertadores: Flamengo e River protagonizam final inédita e histórica

access_time23/11/2019 08:56

No próximo sábado (23), a partir das 17h (horário de Brasília), Flamengo e River Plate, da Argentina

Polícias Civil e Militar realizam diligências para identificar suspeitos de atear fogo em viatura em Nova Xavantina

Polícias Civil e Militar realizam diligências para identificar suspeitos de atear fogo em viatura em Nova Xavantina

Equipes da GCCO e da GOE estão a caminho da cidade para auxiliar as investigações

access_time06/07/2021 07:20

A Polícia Civil investiga o atentado contra a Delegacia de Nova Xavantina ocorrido na madrugada desta terça-feira (06/07), quando criminosos atearam fogo em uma viatura Chevrolet S-10 que estava estacionada em frente à unidade policial. As diligências para identificar e prender os suspeitos são realizadas em parceria com a Polícia Militar. 

O fato ocorreu por volta de 1h10 quando o policial plantonista ouviu um barulho e ao observar as câmeras de segurança flagrou a viatura em chamas. O Corpo de Bombeiros rapidamente chegou ao local, porém o fogo se alastrou, não sendo possível evitar a destruição do veículo.

Os policiais da Delegacia de Nova Xavantina e a equipe da Polícia Militar foram comunicadas do fato dando início imediato às diligências em busca dos autores do crime.

Equipes da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) e da Gerência de Operações Especiais (GOE) também foram acionadas e estão a caminho da cidade para auxiliar nas investigações.

A principal suspeita é que o atentado seja represália de uma facção criminosa que foi alvo da operação “Horus”, deflagrada pelas Polícias Civil e Militar, na última quinta-feira (01/07), no município. Na ocasião, foram cumpridos 16 mandados de busca e apreensão contra integrantes do grupo criminoso, sendo 26 pessoas conduzidas à delegacia.





Por: Assessoria

Outras notícias

Comentários