anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Em novo confronto, Bope mata 17º bandido que aterrorizou Confresa

Em novo confronto, Bope mata 17º bandido que aterrorizou Confresa

access_time10/05/2023 09:30

Em novo confronto, um bandido que participou do ataque em Confresa, realizado há um mês, foi morto p

Líbia recupera mil corpos em cidade inundada após tempestades; 10 mil estão desaparecidos

Líbia recupera mil corpos em cidade inundada após tempestades; 10 mil estão desaparecidos

access_time12/09/2023 09:18

Mil corpos foram recuperados na cidade de Derna, no leste da Líbia, após uma tempestade atingir o pa

Veja a importância de castrar cachorros machos e fêmeas

Veja a importância de castrar cachorros machos e fêmeas

access_time22/01/2024 10:29

Cada cachorro possui características e personalidade diferentes, seja ele macho ou fêmea. Mas, na ho

Prefeito de Peixoto declara situação de emergência devido aos estragos em pontes e estradas

Prefeito de Peixoto declara situação de emergência devido aos estragos em pontes e estradas

access_time16/01/2023 11:41

A prefeitura de Peixoto de Azevedo decretou, esta manhã, situação de emergência a partir de hoje nas áreas afetadas por chuvas intensas, há algumas semanas, e que causaram muitos estragos. O decreto tem validade de 90 dias, podendo ser prorrogado por até 180.

“As intensas chuvas que assolam a região estão interrompendo e destruindo o tráfego nas vias vicinais com o desmantelamento das estradas rurais, pontes e bueiros, prejudicando o acesso da população rural a sede do município”. Foi relatado que “o parecer da COMPDEC (Coordenação Municipal de Proteção e Defesa Civil), a ocorrência deste desastre é favorável à declaração de situação de emergência”.

As chuvas no distrito de União do Norte chegaram a isolar moradores dos assentamentos, devido à queda de pontes de madeira Estradas vicinais também ficaram com atoleiros. Alguns bueiros foram arrastados pela água.

No documento também é autorizada a mobilização de todos os órgãos municipais e a convocação de voluntários para reforçar as ações, como realização de arrecadações de recursos, com objetivo de facilitar as ações de assistência à população afetada. “As autoridades administrativas e os agentes de defesa civil, são diretamente responsáveis pelas ações de resposta aos desastres, em caso de risco iminentes, a penetrar nas casas, para prestar socorro ou para determinar a pronta evacuação, usar da propriedade particular, no caso de iminente perigo público, assegurada ao proprietário indenização ulterior, se houver danos”.

O chefe do executio municipal detalhou que foram confirmados aproximadamente 3 mil quilômetros de estradas vicinais e cerca de 10 pontes danificados pelas chuvas intensas na região, nas últimas semanas. O nível de córregos e rios subiu e, com correnteza, derrubou algumas pontes e outras ficaram parcialmente danificadas. “A situação está complicada e não estamos conseguindo arcar sozinhos. São cerca de 800 pontos divididos entre pontes e bueiros. As chuvas foram muito fortes e carregaram tudo. Em alguns lugares, as pessoas chegaram a ficar isoladas por algum período e tiveram que encontrar saídas por outros pontos”. “Temos vários assentamentos, essas estradas vicinais são distribuídas entre eles e vão até o Alto Xingu. Os trechos que ligam um assentamento ao outro, tiveram esse problema com muita chuva, em alguns pontos a água simplesmente passou por cima das pontes e destruiu várias”, apontou o prefeito.





Por: Só Notícias/Ana Dhein (fotos: assessoria)

Outras notícias

Comentários