Spigreen
Notícias recentes
Motorista flagrado bêbado e com drogas e cervejas em carro foge da delegacia após prisão em MT, diz PM

Motorista flagrado bêbado e com drogas e cervejas em carro foge da delegacia após prisão em MT, diz PM

access_time28/06/2018 12:12

Um motorista de 24 anos fugiu da delegacia de Juscimeira, a 164 km de Cuiabá, depois de ser preso ju

Dois pontos turísticos são fechados por incêndio que já dura uma semana no Parque de Chapada dos Guimarães

Dois pontos turísticos são fechados por incêndio que já dura uma semana no Parque de Chapada dos Guimarães

access_time16/08/2019 11:17

O incêndio florestal que atinge o Parque Nacional de Chapada dos Guimarães (PNCG), a 65 km de Cuiabá

Gustavo Montezano será o novo presidente do BNDES

Gustavo Montezano será o novo presidente do BNDES

access_time18/06/2019 09:15

O secretário adjunto de Desestatização e Desinvestimento, Gustavo Montezano, será o novo presidente

Prefeitura do Rio decreta estado de calamidade pública
Tânia Rêgo/Agência Brasil

Prefeitura do Rio decreta estado de calamidade pública

Chuva atinge a cidade desde a noite de segunda-feira (8)

access_time11/04/2019 07:46

A prefeitura do Rio de Janeiro decretou estado de calamidade pública, por causa da chuva que atinge o município desde a noite de segunda-feira (8). Com o decreto, passa a ser possível fazer contratação de serviços emergenciais de resposta à enchente sem licitação.

Caso o governo federal aceite o decreto de calamidade, o documento também facilita a transferência de recursos da União para a prefeitura fazer essas ações emergenciais.

O decreto permite ainda desapropriações e o uso de propriedade particular, no caso de iminente perigo, pela Defesa Civil e outros órgãos municipais.

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, justificou a medida não apenas por causa da situação emergencial provocada pelo temporal, que provocou enchentes e deslizamentos e matou dez pessoas, mas também porque o município passa por “grave crise econômica”.

A cidade segue em estágio de crise (o mais grave de três níveis da Defesa Civil) há quase 60 horas, desde as 20h55 de segunda-feira (8). Ainda há vários pontos de alagamento, vias bloqueadas e riscos de deslizamentos. Apesar disso, segundo o sistema Alerta Rio, da prefeitura, não deve chover hoje na capital fluminense.





Por: Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil

Outras notícias

Comentários