Banner Outras
Notícias recentes
Mato Grosso registra 13ª morte por Covid-19; paciente tinha 47 anos e era obeso

Mato Grosso registra 13ª morte por Covid-19; paciente tinha 47 anos e era obeso

access_time04/05/2020 10:45

Mato Grosso registrou a 13ª morte por coronavírus (Covid-19) no estado. O óbito ocorreu nesse doming

Piloto que sobreviveu após queda de avião passa por cirurgia plástica no corpo, rosto e mãos

Piloto que sobreviveu após queda de avião passa por cirurgia plástica no corpo, rosto e mãos

access_time11/11/2018 09:54

O piloto paranaense Maicon Semencio Esteves, de 27 anos, que sobreviveu após uma queda de avião e fo

Em jogo fraco, Sérvia faz valer força da bola parada para vencer a Costa Rica

Em jogo fraco, Sérvia faz valer força da bola parada para vencer a Costa Rica

access_time17/06/2018 10:01

O primeiro jogo da Copa do Mundo deste domingo não foi grandioso em qualidade técnica, mas foi um du

Prêmio Direitos Humanos prorroga inscrições até quarta-feira

Prêmio Direitos Humanos prorroga inscrições até quarta-feira

access_time14/07/2018 11:47

As inscrições para o Prêmio Direitos Humanos, edição 2018, foram prorrogadas até a próxima quarta-feira (18). O prêmio é uma iniciativa do governo federal, por meio do Ministério dos Direitos Humanos, e reconhece o trabalho de indivíduos e organizações com atuação destacada em diversas áreas relacionadas a conquistas e promoção da dignidade humana.

A inscrição envolve a indicação de uma pessoa ou associação para concorrer a uma das categorias por outra associação. O edital com as regras está disponível na página dp ministério, bem como o formulário eletrônico para efetivar a inscriação.

A comissão julgadora vai levar em consideração o histórico da pessoa ou organização indicada, a atuação desta no período entre 2016 e 2018, a adoção de práticas inovadoras na área, a qualidade do trabalho e a diversidade dos temas, de modo a evitar a concentração de premiações em um determinado segmento.

As indicações devem ser localizadas dentro das categorias do prêmio, que são: promoção e defesa dos direitos humanos; educação em direitos humanos; crianças, adolescentes e jovens; pessoas idosas; mulheres; pessoas com deficiência; igualdade étnica e racial; indígenas e povos tradicionais; diversidade sexual e de gênero (LGBTI); terra e conflitos agrários; moradia e conflitos urbanos; polícia, segurança pública e sistema penitenciário; migrantes e refugiados; liberdade religiosa; e outras ações diretamente relacionadas aos direitos humanos de pessoas ou grupos vulneráveis.

Os vencedores serão divulgados em cerimônia no dia 10 de dezembro, data escolhida como Dia Internacional dos Direitos Humanos. Neste ano, a ocasião será aproveitada para marcar os 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.





Por: Agência Brasil

Outras notícias

Comentários