Banner Outras
Notícias recentes
MEC terá novo sistema de exames e passará a avaliar creche em 2019

MEC terá novo sistema de exames e passará a avaliar creche em 2019

access_time28/06/2018 14:54

A educação infantil será avaliada pela primeira vez no ano que vem pelo Instituto Nacional de Estudo

Alerta à população para a falta de soro antiofídico

Alerta à população para a falta de soro antiofídico

access_time03/07/2019 10:40

A Secretaria Municipal de Saúde de Peixoto de Azevedo alerta a população para a falta de soro antiof

MEC anuncia pastora evangélica como braço direito de Vélez

MEC anuncia pastora evangélica como braço direito de Vélez

access_time15/03/2019 07:09

Em dois dias, o Ministério da Educação apresentou dois secretários executivos para a pasta. Nesta qu

Primeira-ministra britânica anuncia renúncia
Reuters/Toby Melville/Direitos Reservados

Primeira-ministra britânica anuncia renúncia

access_time24/05/2019 09:28

A primeira-ministra britânica, Theresa May, anunciou nesta sexta-feira (24) que vai deixar, no dia 7 de junho, a liderança do Partido Conservador e que o processo de escolha de um novo líder vai começar na próxima semana.

"Continuarei a servir como primeira-ministra até que o processo esteja concluído", disse Theresa May, em entrevista em sua residência oficial.

Ela argumentou que é dever dos políticos "implementar o que [o povo] decidiu",  referindo-se ao Brexit, aprovado há três anos. “Fiz tudo o que podia para convencer os deputados a apoiar o acordo de saída. Infelizmente, não consegui. É agora claro para mim que é do interesse do país que seja um novo primeiro-ministro a liderar esse esforço. Por isso, anuncio que irei me demitir do cargo de líder do Partido Conservador na sexta-feira, 7 de junho”, concluiu a primeira-ministra”.

“Será sempre uma matéria de grande arrependimento que não tenha conseguido cumprir o Brexit. Será função do meu sucessor procurar um caminho que honre o resultado do referendo. Para ser bem-sucedido, ele ou ela terá de encontrar um consenso no Parlamento, que eu não consegui. Esse consenso só pode ser atingido se ambas as partes em debate estiverem disponíveis para o compromisso”, afirmou May.

Visivelmente emocionada, ela acrescentou que foi a maior honra de sua vida vida ter sido a segunda mulher primeira-ministra no Reino Unido, “mas, certamente, não a última”, e ter servido ao país que ama.





Por: RTP (emissora pública de televisão de Portugal)

Outras notícias

Comentários