Spigreen
Notícias recentes
VAR volta a entrar em ação, e Austrália empata com a Dinamarca

VAR volta a entrar em ação, e Austrália empata com a Dinamarca

access_time21/06/2018 12:07

TUDO IGUAL O VAR voltou a aparecer com a marcação de um pênalti - o quinto na Copa, o terceiro no G

Atletas do Quênia e da Etiópia são campeões da Corrida de Reis 2019

Atletas do Quênia e da Etiópia são campeões da Corrida de Reis 2019

access_time07/01/2019 08:02

Paul Kipkorir Kipkemoi, de 37 anos, do Quênia, e Mestawut Fikir Truneh, da Etiópia, venceram a 35ª e

Conselho inclui leilão do 5G em lista de concessões

Conselho inclui leilão do 5G em lista de concessões

access_time19/11/2019 21:54

O leilão do 5G teve o primeiro passo hoje (19) com a inclusão da concessão das frequências no Progra

Psicóloga é detida suspeita de atirar em marido policial enquanto ele tomava banho em MT
A arma, uma pistola 940, foi apreendida com a mulher — Foto: Polícia Militar de Várzea Grande/Divulgação

Psicóloga é detida suspeita de atirar em marido policial enquanto ele tomava banho em MT

Policial disse que ela atirou após uma briga motivada por conversas no celular. Advogado da mulher afirma que ela sofria violência doméstica

access_time12/12/2019 09:36

Uma mulher de 53 anos foi detida na noite dessa quarta-feira (11) suspeita de ter atirado no marido dela, que é policial civil, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá. De acordo com a Polícia Militar, o policial, de 52 anos, foi atingido na região do púbis e está internado.

Os nomes deles não foram divulgados. A mulher trabalha como psicóloga, enquanto o policial atua na Delegacia Regional de Cuiabá.

A situação ocorreu por volta de 22h no residencial José Carlos Guimarães. O policial foi levado às pressas ao Pronto-Socorro Municipal de Várzea Grande (PSMVG).

Depois de ser atendido, ele relatou à PM que discutiu com a mulher por causa de conversas de celular. O casal brigou e, enquanto o policial tomava banho, ela pegou a arma do marido e atirou nele.

A arma, uma pistola 940, foi apreendida com a mulher. Ela foi detida por tentativa de homicídio e porta ilegal de arma, sendo levada à Central de Flagrantes de Várzea Grande.

Ela foi ouvida na madrugada desta quinta-feira (12) e afirmou ao delegado de plantão que estava arrependida e não teve a intenção de atirar. Ela afirmou que registrou vários boletins de ocorrência contra o marido por violência doméstica.





Por: Brígida Mota, G1 MT e TV Centro América

Outras notícias

Comentários