anuncie aqui
Notícias recentes
Comunicado

Comunicado

access_time22/03/2019 07:53

A Secretaria Municipal de Fazenda e Planejamento informa que está disponibilizando novamente um Serv

Cerca de 9,5 kg de ouro são achados em destroços de avião que caiu no AM

Cerca de 9,5 kg de ouro são achados em destroços de avião que caiu no AM

access_time18/05/2018 14:02

Aproximadamente 9,5 kg de ouro, avaliado em quase R$ 1,5 milhão, foram encontrados dentro do avião m

Recém-nascido retirado às pressas da barriga da mãe após acidente morre em UTI

Recém-nascido retirado às pressas da barriga da mãe após acidente morre em UTI

access_time28/07/2018 07:51

O recém-nascido retirado às pressas da barriga da mãe após acidente de trânsito, em Rondonópolis, a

Secretária de Saúde de Peixoto de Azevedo alerta população para vacinação contra sarampo

Secretária de Saúde de Peixoto de Azevedo alerta população para vacinação contra sarampo

access_time17/07/2018 16:49

Apesar da eliminação da circulação do vírus do sarampo, a Secretária de Saúde do município de Peixoto de Azevedo está fazendo um alerta já que desde o início do ano, a incidência de casos da doença voltaram a acontecer em algumas regiões do país.

A vacinação contra o sarampo estão disponíveis em todas as unidades de saúde do município. Em crianças, a primeira dose e ministrada aos 12 meses e a segunda aos 15 meses, para adolescente e adultos até 29 anos, duas doses, com intervalos de 30 dias. Pessoas entre 30 e 49 anos tomam apenas uma dose.

Os sintomas do sarampo aparecem apenas de 10 a 14 dias após a exposição. Eles incluem tosse, coriza, olhos inflamados, dor de garganta, febre e irritação na pele com manchas vermelhas.

As pessoas podem ter:

  • Dores locais: nos músculos
  • Tosse: forte ou seca
  • No corpo: fadiga, febre, mal-estar ou perda de apetite
  • No nariz: nariz escorrendo, vermelhidão ou espirros
  • Na pele: erupções ou manchas vermelhas
  • Também é comum: conjuntivite, dor de cabeça, dor de garganta, inchaço dos gânglios, irritação nos olhos ou sensibilidade à luz.




Por: Assecom/Peixoto de Azevedo

Outras notícias

Comentários