Kurupí
Notícias recentes
Bolsonaro diz que nova cirurgia pode ser feita em 20 de janeiro

Bolsonaro diz que nova cirurgia pode ser feita em 20 de janeiro

access_time24/11/2018 17:42

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, disse hoje (24) que tem uma nova avaliação médica marcada para

Bahamas se preparam para possível ciclone tropical dias após devastação causada pelo furacão Dorian

Bahamas se preparam para possível ciclone tropical dias após devastação causada pelo furacão Dorian

access_time13/09/2019 15:58

Um possível ciclone tropical ameaça atingir as Bahamas nesta sexta-feira (13), informou o Centro Nac

Juíza decreta prisão preventiva de ex-secretário de Alckmin

Juíza decreta prisão preventiva de ex-secretário de Alckmin

access_time30/06/2018 20:46

A juíza Maria Isabel do Prado, da 5ª Vara Federal de São Paulo, decretou a prisão preventiva do ex-p

Seis colombianos são presos suspeitos de agiotagem com R$ 21 mil e moedas estrangeiras em Cuiabá
Colombianos foram presos com moedas estrangeiras em Cuiabá — Foto: TVCA/Reprodução

Seis colombianos são presos suspeitos de agiotagem com R$ 21 mil e moedas estrangeiras em Cuiabá

Segundo a polícia, todos os presos tinham autorização para permanecer como turistas no Brasil. As identidades deles não foram divulgadas

access_time21/05/2019 08:53

Seis colombianos foram presos na região central de Cuiabá, na segunda-feira (20), suspeitos de crime de agiotagem, segundo a Polícia Militar. As prisões foram feitas pela Ronda Ostensiva Tático Móvel (Rotam).

As identidades dos presos não foram divulgadas.

Com eles, a polícia apreendeu R$ 21 mil em espécie e notas de moedas estrangeiras, entre elas, do Uruguai e da Guiana.

À polícia, os colombianos afirmaram que, há algum tempo, emprestam dinheiro para pequenos comerciantes da região central de Cuiabá com cobrança de juros. Segundo a Polícia Civil, a atividade configura crime de agiotagem.

Segundo a polícia, todos os presos tinham autorização para permanecer como turistas no Brasil.

Todos os presos devem passar por audiência de custódia e, além de agiotagem, vão responder pelo crime de associação criminosa.





Por: Brígida Mota, TV Centro América

Outras notícias

Comentários