Banner Outras
Notícias recentes
Consultório odontológico é interditado por falta de higiene em Peixoto de Azevedo

Consultório odontológico é interditado por falta de higiene em Peixoto de Azevedo

access_time13/03/2019 07:54

Um consultório odontológico foi interditado em Peixoto de Azevedo, a 692 km de Cuiabá, na manhã dest

Servidores penitenciários de MT fazem paralisação de 48 horas por falta de efetivo e superlotação

Servidores penitenciários de MT fazem paralisação de 48 horas por falta de efetivo e superlotação

access_time11/07/2018 10:09

Os servidores do sistema penitenciário de Mato Grosso fazem uma paralisação de 48 horas a partir des

Navio suspeito pelo desastre no Nordeste carregou 1 milhão de barris de petróleo na Venezuela

Navio suspeito pelo desastre no Nordeste carregou 1 milhão de barris de petróleo na Venezuela

access_time01/11/2019 12:21

O petroleiro grego suspeito de derramar o óleo que causa o maior desastre ambiental nas praias do No

Suspeita de H1N1 faz população de Matupá lotar unidades de saúde na última semana de vacina

Suspeita de H1N1 faz população de Matupá lotar unidades de saúde na última semana de vacina

access_time30/05/2018 08:48

A movimentação nas unidades de saúde em todos os bairros de Matupá em busca pela vacina contra a gripe foi intensa nesta terça-feira (29-05).

O motivo é que essa é a última semana de vacinação em todo país, mas outro motivo também é a suspeita de que há o vírus H1N1 no município.

Pelo menos dois resultados foram positivos, no entanto a Secretaria Municipal de Saúde afirma que são testes rápidos e que foram encaminhados para o laboratório do estado o que leva cerca de 30 dias para obter resultado oficial.

Uma criança que estava internada no Hospital particular Santa Luzia com pneumonia faleceu segunda-feira (28), e existe a suspeita do vírus H1N1, o que tem gerado desespero por parte das mães que superlotaram as unidades de saúde e o laboratório do Hospital Municipal.

Vale ressaltar que em todos os casos são apenas suspeitas e é necessário aguardar os resultados oficiais para se ter qualquer tipo de confirmação por parte dos profissionais da saúde.





Por: Olhar Cidade

Outras notícias

Comentários