Spigreen
Notícias recentes
Governo de MT entrega 149 novas caminhonetes para forças de segurança

Governo de MT entrega 149 novas caminhonetes para forças de segurança

access_time19/05/2020 10:14

O governador Mauro Mendes e o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, entre

Governo federal lança programa Ciência na Escola

Governo federal lança programa Ciência na Escola

access_time20/04/2019 09:17

Os ministérios da Educação (MEC) e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) lançaram

Provocação? Rússia mostra míssil hipersônico e mais armas após cúpula Putin/Trump

Provocação? Rússia mostra míssil hipersônico e mais armas após cúpula Putin/Trump

access_time20/07/2018 16:13

Depois de o presidente da Rússia, Vladimir Putin, ter concordado com o presidente dos Estados Unidos

TikTok move processo para tentar reverter banimento nos EUA
© Reuters/Danish Siddiqui/direitos reservados

TikTok move processo para tentar reverter banimento nos EUA

Americanos estão proibidos de baixar aplicativos WeChat e TikTok

access_time21/09/2020 08:10

O popular aplicativo de compartilhamento de vídeo TikTok pediu a um juiz dos Estados Unidos que impeça o governo Trump de proibir a rede de mídia social chinesa, segundo documentos judiciais protocolados em Washington.

A TikTok e a sua empresa controladora, ByteDance, entraram com uma queixa em um tribunal federal de Washington contestando as recentes medidas proibitivas do governo Trump.

O Departamento de Comércio dos EUA anunciou sexta-feira (18) a proibição para pessoas no país baixarem os aplicativos de mensagens WeChat e TikTok a partir deste domingo (20).

A proibição é introduzida por razões políticas, alegaram TikTok e ByteDance na reclamação. O TikTok também disse que a proibição viola os direitos da empresa.

O presidente dos EUA, Donald Trump, que está envolvido numa disputa comercial de longa data com a China, emitiu uma ordem executiva em 6 de agosto proibindo transações nos EUA com os donos chineses dos aplicativos de mensagens WeChat e TikTok.

A ByteDance e a TikTok estão buscando um julgamento "declaratório" e uma ordem "invalidando e proibindo preliminarmente e permanentemente as proibições e a ordem de 6 de agosto", de acordo com a reclamação.

A TikTok, que tem mais de 100 milhões de usuários nos Estados Unidos, disse que a proibição "destruiria irreversivelmente os negócios da TikTok nos EUA".





Por: Aishwarya Nair - Da agência Reuters - Washington

Outras notícias

Comentários