Kurupí
Notícias recentes
Centenas de moradores foram atendidos pelo mutirão SUAS NA COMUNIDADE

Centenas de moradores foram atendidos pelo mutirão SUAS NA COMUNIDADE

access_time08/05/2018 22:54

Evento aconteceu no sábado (28), na Escola São Pedro no Bairro Mãe de Deus e foi organizado pela Sec

Dia 09 de março acontece a Campanha de Doação de Sangue

Dia 09 de março acontece a Campanha de Doação de Sangue

access_time01/03/2019 10:23

A primeira campanha de Doação de Sangue de 2019 acontecerá no sábado (09) das 07h às 11h na UPA ao l

Palmeiras vence o Grêmio em Porto Alegre e fica perto das semifinais da Libertadores

Palmeiras vence o Grêmio em Porto Alegre e fica perto das semifinais da Libertadores

access_time21/08/2019 00:13

Quase lá O Palmeiras deu nesta terça-feira um importante passo para chegar às semifinais da Copa Li

Toda a população pode se vacinar contra a gripe a partir de hoje
Os grupos prioritários tiveram entre os dias 10 de abril e 31 de maio para se vacinar com exclusividade - Tomaz Silva/Agência Brasil

Toda a população pode se vacinar contra a gripe a partir de hoje

access_time03/06/2019 16:29

A partir desta segunda-feira (3), toda a população pode se vacinar contra a gripe, inclusive quem faz parte do público prioritário e que ainda não se vacinou. De acordo com o Ministério da Saúde, a vacinação vai continuar enquanto durarem os estoques da vacina.

Até a última sexta-feira (31), quando terminou a campanha nacional, quase 80% do público prioritário foi vacinado, o que representa 47,5 milhões de pessoas. Os grupos prioritários tiveram entre os dias 10 de abril e 31 de maio para se vacinar com exclusividade.

Durante esse período, foram priorizados 59,4 milhões de pessoas, entre elas, gestantes, puérperas, crianças entre 6 meses a menores de 6 anos, idosos, indígenas, professores, trabalhadores de saúde, pessoas com comorbidades, funcionários do sistema prisional e população privada de liberdade, além de profissionais de segurança e salvamento.

Até agora, seis estados já bateram a meta de 90%: Amazonas (98,5%), Amapá (98,5%), Pernambuco (93,6%), Espírito Santo (91,3%), Rondônia (90,4%) e Maranhão (90%). Os estados com menor cobertura são: Rio de Janeiro (63,7%), Acre (73%) e São Paulo (73,1%).

Segundo o ministério, a escolha do público prioritário no Brasil segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) por serem grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias. A vacina é a forma mais eficaz de evitar a doença.





Por: Agência Brasil

Outras notícias

Comentários