ALUGAR CAMPO
Notícias recentes
Vigilante reage a roubo em loja, toma arma e mata assaltante com tiro na cabeça

Vigilante reage a roubo em loja, toma arma e mata assaltante com tiro na cabeça

access_time07/06/2023 10:02

O bandido Andrey Ferreira Lacerda, 18 anos, foi morto na noite dessa terça-feira (06) após tentar ro

Polícia prende dois e recupera munições levadas de residência em Marcelândia

Polícia prende dois e recupera munições levadas de residência em Marcelândia

access_time17/11/2023 21:02

A Polícia Militar prendeu hoje dois homens e recuperou objetos furtados de uma residência no centro

Dilma não devolveu itens do acervo pessoal, indica TCU

Dilma não devolveu itens do acervo pessoal, indica TCU

access_time20/03/2023 08:04

Dois relógios de mesa, uma travessa em madeira e um painel em tapeçaria pintado estão entre os itens

ESPORTE

UFC anuncia o retorno de Conor McGregor após três anos; confira data da luta

access_time14/04/2024 12:29

Conor McGregor voltará ao octógono do UFC depois de quase três anos sem lutar. O anúncio foi feito neste sábado (13) por Dana White, presidente do Ultimate, durante a coletiva do UFC 300. Após a entrevista, o retorno do lutador foi oficializado nas redes sociais da competição. Conor enfrentará Michael Chandler no UFC 303, na International Fight Week, em Las Vegas, nos Estados Unidos. A disputa está marcada para o dia 29 de junho. “É tudo sobre o timing. Chandler sempre esteve pronto, mas o Conor, não. Ele teve que lidar com algumas obrigações. Eu não o faria aceitar uma luta com uma tonelada de obrigações que o impediram de treinar 100% para a luta” explicou o presidente. Conor McGregor não luta desde 10 de julho de 2021, quando quebrou a perna lutando contra Dustin Poirier no UFC 264. No ano passado, Conor atuou como um dos técnicos do The Ultimate Fighter 31, justamente contra Michael Chandler. O embate entre os treinadores é aguardado desde maio e agosto de 2023. Há alguns meses, Conor já havia falado sobre sua intenção de voltar ao octógono, entretanto, uma série de questões estava envolvendo a volta do lutador, como a recuperação da lesão e problemas com a agência antidoping dos EUA. O irlandês foi o primeiro lutador do Ultimate a conquistar dois títulos em categorias diferentes simultaneamente, pena e peso leve. Veja a publicação:

"Órfão" de português, Cuiabá tenta manter padrão na Série A

access_time14/04/2024 11:53

Embalado pelo tetracampeonato estadual, o Cuiabá inicia neste domingo (14) sua quarta participação no Campeonato Brasileiro da Série A. O objetivo é manter-se na elite do futebol nacional, como nas temporadas anteriores. Mas desta vez com um obstáculo: a indefinição sobre o comando técnico. É óbvio que a falta de um treinador pode atrapalhar, mas estamos em busca de um novo O clube estreia contra o Athletico (PR) fora de casa, na data em que completa exatos 65 dias sem um treinador efetivo, desde que o português António Oliveira, que levou o time à sua melhor campanha no Brasileirão, decidiu aceitar o convite do Corinthians. Na semana que antecedeu o início da competição, o vice-presidente Cristiano Dresch, homem-frote do clube, conversou com a reportagem sobre as perspectivas para 2024.  Conforme o dirigente, apesar da falta de um treinador efetivo, o Dourado tem mantido o mesmo padrão e estilo das temporadas anteriores: forte na defesa e jogando no erro dos adversários. “[Na atual temporada] Estamos jogando do mesmo jeito que jogávamos, né? A gente não mudou o sistema. Acho que é óbvio que a falta de um treinador pode atrapalhar, mas estamos em busca de um novo e a qualquer momento a gente deve estar fechando um nome”, disse Dresch. Atualmente o time é dirigido pelo interino Luiz Fernando Iubel. O presidente, porém, se negou a dar pistas se já está negociando com alguém em específico e se tem preferência por algum nome. Sobre possível contratação de jogadores, Dresch afirma que vai analisar o desempenho do time após as primeiras rodadas e, dependendo da necessidade, pode ir ao mercado na janela de transferência de agosto. PrioridadesO Campeonato Brasileiro continua sendo a prioridade do Dourado, que disputa simultaneamente as copas Sul-Americana, Verde e do Brasil. Entre as justificativas, estão a visibilidade e faturamento que a elite do futebol nacional traz ao clube. “O Cuiabá ainda está buscando uma consolidação dentro da Série A e nosso objetivo é a permanência. O clube passa por um momento de investimentos, de melhorias, mas o orçamento ainda é menor do que a maioria dos clubes tradicionais; então não tem como se colocar em pé de igualdade com eles”, explicou. Essa disputa simultânea entre os torneios acaba gerando críticas, de técnicos e dirigentes, ao calendário que os times brasileiros têm de cumprir, já que a distância de tempo entre os jogos fica pequena, o que submete atletas a um maior desgaste. “Reclamar de calendário é chover no molhado. Todo mundo reclama, mas todo mundo sabe como é que vai ser e acho que a gente precisa trabalhar dentro dessa realidade”, disse. “Precisa de uma reformulação grande. Acho que dedicamos muitas datas para o Campeonato Estadual e isso acaba espremendo o calendário nacional. Com a disputa da Sul-Americana, temos distâncias grandes com viagens longas a serem percorridas, o que nos faz ter um desgaste maior”. A Copa do Brasil para nós é um campeonato muito importante, que nos concede uma possibilidade financeira muito boa  Sobre a Sul-Americana, Dresch diz que não é a prioridade. “Se em algum momento tivermos que optar por um dos dois [Sul-Americana ou Campeonato Brasileiro], com certeza a gente vai priorizar o Brasileiro”, garantiu. A classificação para as fases mais avançadas da Copa do Brasil também tem rendido um bom caixa para o Dourado. Classificado para a terceira fase, o clube deve receber cerca de R$ 5,45 milhões da CBF e caso avance às oitavas, abocanhará mais R$ 3,4 milhões.  “A Copa do Brasil para nós é um campeonato muito importante, que nos concede uma possibilidade financeira muito boa. Então, também é uma competição junto com a Série A que vamos tratar com prioridade”, admite Dresch.  Confira a tabela completa das nove primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro aqui.

Deyverson brilha, Cuiabá vence Metropolitanos e vira líder

access_time12/04/2024 07:09

A segunda rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana chegou ao fim. Na noite desta quinta-feira, pela chave G, o Cuiabá bateu o Metropolitanos-VEN, por 2 a 0, no Estádio Olímpico de la Universidad Central de Venezuela. Deyverson anotou os dois gols na vitória da equipe brasileira. Com o triunfo, o Cuiabá venceu a primeira na competição, chegou aos quatro pontos e assumiu a liderança de seu grupo, ultrapassando o Lanús-ARG nos critérios de desempate. Do outro lado, o Metropolitanos se manteve na lanterna, sem somar nenhum ponto até aqui. Agora, as duas equipes passam a focar em seus respectivos torneios nacionais. O Cuiabá fará sua estreia no Campeonato Brasileiro contra o Athletico-PR. A bola rola neste domingo, a partir das 16 horas (de Brasília), na Ligga Arena. Já o Metropolitanos volta a campo pela 12ª rodada do Campeonato Venezuelano - Apertura para encarar o Puerto Cabello. O confronto acontece nesta segunda-feira, às 20 horas, no Complejo Deportivo Socialista. O jogo O Cuiabá começou bem a partida e abriu o placar logo aos quatro minutos de partida. Fernando Sobral recebeu e cruzou para dentro da grande área. Deyverson se desmarcou e subiu de cabeça para marcar o primeiro gol do Dourado no confronto. Com 18 minutos, o Metropolitanos conseguiu a primeira chegada, mas não levou real perigo ao time brasileiro. Marchán ganhou no meio de campo, carregou e arriscou da intermediária de cobertura, tentando surpreender Walter. Contudo, a bola foi por cima do gol defendido pelo goleiro Walter. Mas o Cuiabá não se assustou e continuou indo para cima, ampliando a vantagem em uma jogada parecidíssima com a do primeiro gol. Railan tocou para Fernando Sobral, que apareceu do lado direito e cruzou. Deyverson, mais uma vez, cabeceou e fez 2 a 0. No entanto, o gol foi anulado por impedimento do centroavante. Com 36 minutos, o Metropolitanos começou a crescer no jogo. Flores pegou sobra dentro da grande área e finalizou no gol, mas a zaga afastou antes de Walter precisar trabalhar. E aos 41 minutos, o Dourado respondeu: conseguiu um pênalti. Após cruzamento rasteiro, Deyverson foi inteligente e esperou o momento certo para tentar se antecipar ao corte do zagueiro do Metropolitanos. O defensor, assim, derrubou o atacante. Na cobrança, o ex-Palmeiras bateu rasteiro, cruzado, e balançou as redes pela segunda vez na partida. Na volta do intervalo, o Metropolitanos começou pressionando. Com sete minutos, Araujo tabelou com Flores e recebeu de volta, cruzando para dentro da grande área. Bareiro subiu sozinho e cabeceou, mas Walter estava atento e fez a defesa. A partir daí, o confronto esfriou. O Dourado, com a vantagem de dois gols no placar, diminuiu bastante o ritmo e deixou o Metropolitanos ter a posse de bola. O time venezuelano, porém, não conseguiu criar oportunidades reais de gol. Assim, a partida terminou com triunfo de 2 a 0 do Cuiabá.

Palmeiras vence Liverpool-URU de virada em noite com destaque para o jovem Estêvão

access_time12/04/2024 07:08

O Palmeiras venceu de virada o Liverpool-URU por 3 a 1 e assume, temporariamente, a liderança do Grupo F, com quatro pontos. Tão precoce quanto Endrick, o garoto Estêvão, de 16 anos, se apresentou na noite dessa quinta-feira (11) a quem ainda não lhe conhecia. Titular pela primeira vez com a camisa do Palmeiras, o jovem meia-atacante comandou a virada sobre o Liverpool. O Liverpoool abriu o placar aos dois minutos e dependeu do talento do garoto e de Raphael Veiga para vencer por 3 a 1 e conquistar a sua primeira vitória na Libertadores. O goleador Flaco López foi letal como sempre e anotou o segundo. O gol de empate saiu da cabeça do incansável volante argentino Aníbal Moreno, em grande fase. Veiga conseguiu três assistências pela primeira vez no mesmo jogo em sua carreira e foi o maestro de que se espera. O sofrimento palmeirense ficou para o primeiro tempo. Na volta do intervalo, o time alviverde decidiu jogar, não mais errou fundamentos fáceis e marcou dois gols em oito minutos. Raphael Veiga liderou a reviravolta nas assistências. Partiram de seus pés os dois lançamentos para Flaco fazer o segundo e Estêvão, o terceiro. Gómez ainda marcou o que seria o quarto gol, mas o capitão paraguaio estava impedido no lance. Não fez falta porque o Palmeiras segurou o resultado e assegurou sua primeira vitória na Libertadores, que o levou à liderança do Grupo F, com quatro pontos. O próximo adversário será o Independiente del Valle, em Quito, no Equador. Espera-se que seja esse o jogo mais difícil da primeira fase para o Palmeiras. O time do Equador também soma quatro pontos. O duelo valerá, portanto, a ponta do grupo. *Com informações do Estadão Conteúdo

Atleta de 14 anos do programa de bolsa do Governo de MT é convocado para Sul-Americano de Tênis

access_time11/04/2024 16:36

O tenista mato-grossense Livas Damazio foi convocado para representar o Brasil no Campeonato Sul-Americano de Tênis até 14 anos, em Tajira, na Bolívia. Livas é contemplado na categoria estudantil do Olimpus MT, programa da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT) que oferece auxílio financeiro a atletas, paratletas, guias e técnicos de diversas modalidades esportivas.  A competição ocorre entre os dias 6 e 11 de maio e é classificatória para o mundial da categoria, que será realizado no início de agosto em Prostejov, na República Tcheca.  Para o pai do atleta, Livas Tarcílio Damazio, o Estado tem participação nessa conquista. “A Secel tem sido muito prestativa, sempre disposta a nos ouvir e tentar de alguma maneira nos ajudar a jogar circuitos durante todo o ano. Ainda tem o Olimpus que é um dos nossos braços mais fortes, pois as despesas do tênis são altas com materiais e viagens, e a gente vê no Governo do Estado um grande parceiro dessa conquista”, avaliou o pai. Além disso, o esportista participará do Gira Europeia, organizada pela Confederação Sul-Americana de Tênis (COSAT) e que leva os principais atletas sul-americanos das categorias 14 e 16 anos para competir em torneios na Europa, entre os meses de junho e julho. “Nossa função é oferecer as melhores condições possíveis para que os nossos atletas se desenvolvam e alcancem o melhor nível competitivo. Estamos muito felizes em participar e ajudar nas conquistas da comunidade desportiva como um todo. O que antes era uma promessa para o esporte em Mato Grosso hoje é a concretização”, destacou o secretário da Secel. Jefferson Carvalho Neves.Campeonato Sul-Americano de 14 anos Segundo a Confederação Brasileira de Tênis (CBT), pelo sistema de disputa, os dez países que estarão competindo serão divididos em dois grupos e jogam todos contra todos (round-robin), com confrontos de duas simples e uma duplas, masculino e feminino. Os primeiros colocados de cada grupo jogam a final e os segundos colocados fazem a disputa de terceiro e quarto lugar. Se classificam para o mundial os três países mais bem colocados em cada naipe (masculino e feminino). Além do Brasil, atletas da Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela participam do torneio.

Abel vira técnico com mais títulos na história do Palmeiras e se emociona com homenagem da torcida

access_time09/04/2024 06:57

O técnico Abel Ferreira se consagrou como o maior vencedor de títulos da história do Palmeiras, ao conquistar o tricampeonato paulista, seu décimo troféu, igualando a marca de Oswaldo Brandão. Enquanto Brandão levou nove anos e meio para alcançar essa marca, Abel conseguiu em apenas três anos e meio. A torcida palmeirense demonstrou todo seu carinho pelo treinador, que se emocionou com uma homenagem feita pela principal organizada, com um mosaico de caravela com ele no comando. Além dos títulos conquistados, o português se destaca por ser o treinador mais idolatrado pela torcida do Verdão. Em meio à emoção da conquista, o técnico agradeceu o apoio e o carinho dos alviverdes. “Não estou aqui para ser melhor do que ninguém ou que alguém que passou por aqui. Estou aqui para aprender com o futebol brasileiro, falar o que penso, mas, sem dúvida nenhuma, naquele momento me transbordou da palavra amor, que é isso que tenho que ser.  Sou mesmo um deles. Dizem que me amam e eu os amo. Muito obrigado, foi lindo o que fizeram, me comoveram muito, minha comissão, muito obrigado de coração”, disse o treinador, visivelmente emocionado. Mesmo diante da alegria da conquista, Abel Ferreira foi questionado sobre seu futuro no clube. Com contrato até o final de 2025, a presidente Leila Pereira expressou o desejo de contar com o treinador até 2027, ano em que encerraria seu segundo mandato. A passagem de Abel pelo Palmeiras é excepcional, superando as conquistas de outras gerações do clube, como as primeira e segunda Academias. O português destacou a importância do elenco do Palmeiras, que permite “diferentes estratégias de jogo”. Além disso, celebrou a conquista do tricampeonato paulista e a forma como a equipe superou adversidades nas decisões.

Cuiabá bate o União e conquista 13º título do Mato-grossense

access_time06/04/2024 15:53

O Cuiabá conquistou há pouco o 13º título do Campeonato Mato-grossense e o quarto consecutivo. Em partida disputada no estádio Luthero Lopes com mais de 7,9 mil torcedores, em Rondonópolis, o Dourado repetiu o placar de ida na Arena Pantanal e venceu o União de Rondonópolis por 1 a 0 (2×0 no agregado).  O gol do Cuiabá hoje foi marcado aos 24 minutos do primeiro tempo com Clayson. No jogo de ida, o atacante Pitta balançou a rede para o time Auriverde. Foi a terceira final consecutiva entre Cuiabá e União. Nas três oportunidades o time da capital levou a melhor.  Os dois times tiveram as duas melhores campanhas ao longo do campeonato. O União foi o líder na primeira fase com oito vitórias e um empate. O Cuiabá foi o segundo com cinco vitórias e quatro empates. As duas equipes classificaram direto para semifinal. Na semifinal, o Cuiabá eliminou o Luverdense por 5 a 3 no agregado e avançou para grande final. Já o União bateu o Mixto por 3 a 1 no agregado. O Cuiabá segue a temporada com disputas da Copa do Brasil, Copa Sul-Americana, Copa Verde e Série A. O União que já foi eliminado da Copa do Verde, inicia a jornada na Série D do Campeonato Brasileiro. Primeiro tempo Quem começou pressionando foi o Cuiabá, aos 2 minuto de jogo. Derik Lacerda recebeu na entrada da área, girou e chutou, mas a bola passou longe do gol. O União tentou responder aos 5 minutos, em troca de passes se aproximou da área mas não conseguiu concluir a jogada. Aos 8 minutos o Cuiabá voltou a chegar no ataque. Fernando Sobral se aproximou da entrada da área e arriscou, mas a bola passou muito por cima do gol. Com 9 minutos, Thiago Primão cobrou escanteio, Marllon do Cuiabá tirou de cabeça e Danielzinho fica com a sobra. Ele corta para a esquerda e tenta o cruzamento, mas a bola para em Sobral. União pediu toque de mão na área, mas o árbitro mandou seguir. Aos 12 o Cuiabá chegou na área do Colorado novamente. Raylan dispara na lateral direita, cruza rasteiro para Deyverson na área. O centroavante do Dourado tenta o toque, mas a bola bate no defensor do União e vai na mão do goleiro do Colorado. Aos 14 minutos o União revidou. Thomas dominou fora da área e arriscou o chute, que saiu fraco para defesa do goleiro Walter. Aos 20 minutos, Clayson apareceu na direita e tentou o cruzamento na área, mas mandou a bola direto pela linha de fundo. No minuto seguinte (21) Raylan apareceu mais uma vez pelo Cuiabá no lado direito, jogou na área, Lucas Silva tirou e o goleiro Caio saiu de soco. Sobral tenta jogar para área novamente, mas errou. 24 minutos – Gol do Cuiabá! União saiu jogando errado em mais uma saída de bola, Derik Lacerda roubou e tocou para Deyverson na área. O centroavante encontrou Clayson livre na esquerda, que finaliza rasteiro para abrir o marcador no Luthero Lopes. No contra-ataque aos 29, Deyverson foi lançado à frente, disputou com a defesa colorada e acabou. Árbitro nada marca. A torcida em seguida começa a hostilizar Deyverson, que responde sinalizando com os dedos o placar de 2, em referência ao placar agregado do jogo. Aos 33 minutos o Cuiabá quase chegou ao segundo gol. Rikelme tabelou com Derik, invadiu a área e finalizou rasteiro mas parou em uma defesa milagrosa do goleiro Caio do União. Com 35 minutos o União teve a melhor chance na partida. Thiago Primão recebeu arremesso lateral já dentro da área e jogou para o meio. Anderson Canhoto conseguiu girar na pequena área, mas chutou cima do gol, perdendo uma grande chance. 38 minutos foi a vez do Cuiabá voltar a atacar. Derik recebeu e cruzou forte. Rikelme ficou com a bola e chutou cruzando, a bola passou assustando o goleiro Caio. O relógio já marcava 41 minutos quando o clima ficou quente entre as equipes. Deyverson dá chute no vácuo, recua a bola e sofre falta de Thomas. Houve um princípio de confusão entre os jogadores, mas o árbitro acalmou os ânimos. Foram assinalados cinco minutos de acréscimos no primeiro tempo. O União esboçou uma pressão, mas a primeira etapa foi encerrada. Segundo tempo O União voltou com três substituições. Saíram o lateral-esquerdo Sendeski, lateral-direito índio e o volante Geandro. Entraram o lateral-esquerdo Fabinho, lateral-direito Camargo e o volante Brener. Aos 3 minutos o União chegou pela primeira vez. Camargo levantou a bola na área área. Padu se esticou todo, mas não não alcançou. Alguns atletas do Colorado e torcida pediram pênalti, mas nada foi marcado. O jogo seguiu movimentado nos minutos seguintes. O União levando o revés, tentava sair mais para o ataque, porém deixava espaço para o Cuiabá que tentava surpreender. Aos 10 minutos, o Colorado chegou com Fabinho, que levantou na área, Danielzinho disputou no alto com Rikelme e a bola saiu por cima. O Dourado respondeu rápido em seguida. Deyverson lançou bem Derik Lacerda que saiu cara a cara do gol, driblou o goleiro e marcou. Mas o árbitro marcou falta do atacante no zagueiro do Colorado durante a disputa. Aos 16, o Cuiabá mexeu no time. Saíram os atacantes Clayson e Derik Lacerda. Entraram Jonathan Cafú e André Luís. Com 17 minutos o Dourado quase ampliou a vantagem. André Luís invadiu a área, bateu cruzado, a bola desviou em Lucas Silva e resvalou no travessão. O Colorado responde. Danielzinho cortou para o meio e finalizou rasteiro com pouca força e a bola passou longe da meta. Com 21 minutos a torcida do União pressionou o árbitro pedindo pênalti. Danielzinho tentou driblar Raylan, cortou pro fundo já entro da área e caiu no gramado depois de carrinho do jogador do Cuiabá. Árbitro mandou seguir o jogo. Próximo dos 30 minutos o ritmo do jogo caiu. O União seguiu com bastante dificuldades para criar jogadas. Já o Cuiabá passou a administrar mais a partida e já não atacava mais com tanta intensidade. E aos 35 minutos o Colorado perdeu sua melhor chance da partida. Fabinho cruzou na área, Brener esticou a perna direita e consegue o desvio. A bola ainda bateu em Yan Maranhão, que acabou se desequilibrando e não conseguiu finalizar bem. Aos 40, Fabinho voltou a levantar a bola na área, Yan Maranhão subiu entre os zagueiros e cabeceou a bola por cima. O atacante pediu um desvio e escanteio, mas o juiz não marcou. O árbitro ainda marcou 9 minutos de acréscimos. O jogo saiu truncado e sem chances de gols. Final de partida e Cuiabá campeão do Campeonato Mato-grossense 2024.

Em final, Cuiabá joga para obter feito inédito em sua história

access_time06/04/2024 08:44

União e Cuiabá decidem neste sábado, às 15h30, no estádio Luthero Lopes, o título do Campeonato Estadual de 2024. O Dourado tem a vantagem do empate para levantar a taça por conta da vitória por 1 a 0 no jogo de ida, disputado na Arena Pantanal. O gol no duelo foi marcado pelo atacante Pitta. O time da Capital vai em busca do tetracampeonato consecutivo, feito inédito na história do clube. A equipe vem de uma sequência de conquistas no Estadual em 2021, 22 e 23. Se conquistar a taça, será o 13º título do Mato-grossense da história do Cuiabá. A preparação foi encerrada na manhã desta sexta-feira com treinamento no CT Manoel Dresch sob o comando do auxiliar-fixo Luis Fernando Iubel. Para o confronto, a equipe não poderá contar com os laterais Ramon e Matheus Alexandre, com lesões musculares, e o atacante Luciano Giménez, com dores no quadril. Rivalidade Pela terceira temporada consecutiva, Cuiabá e União vão decidir o título do Campeonato Mato-grossense. Em 2022 e 2023, o Dourado conquistou a taça. Em 2022, duas vitórias: 3 a 2 em Rondonópolis (gols de Rodriguinho, Rafael Gava e Jenison) e goleada por 4 a 0 na Arena (gols de Pepê, Alesson, Marllon e Valdívia). Já na temporada passada, novamente duas vitórias do Dourado: 2 a 0 no Luthero Lopes (gols de Iury Castilho e Jonathan Cafú) e 1 a 0 na Arena Pantanal (gol marcado por Mateusinho). Na atual edição do Campeonato Mato-grossense, as duas equipes se enfrentaram na Arena Pantanal, pela quarta rodada da primeira fase – empate em 1 a 1.

Cuiabá e Lanús empatam em jogo da Copa Sul-Americana

access_time04/04/2024 09:26

O Cuiabá empatou com o Lanús em 1 a 1 na noite desta quarta-feira, na estreia da Copa Conmebol Sul-Americana. O jogo ocorreu na Arena Pantanal. Depois de um primeiro tempo com poucas chances de gol, a equipe mato-grossense abriu o placar aos 11 minutos da etapa final. Deyverson fez um passe para Fernando Sobral que bateu firme e superou o goleiro Lucas Acosta. Aos 32, o técnico Ricardo Zielinski colocou Lotti em campo. Instantes depois, o camisa 21 tocou na bola pela primeira vez, aproveitou o passe de Leandro Díaz e finalizou com um chute que deixou tudo igual. Após o empate, o Cuiabá teve chance em uma cobrança de falta. O árbitro chegou a marcar pênalti, mas voltou atrás após revisão do VAR. Filipe Augusto cobrou, mas desperdiçou a oportunidade. Com o empate, Cuiabá e Lanús somam um ponto cada na tabela Copa Sul-Americana.

San Lorenzo x Palmeiras: onde assistir e escalações do jogo da Libertadores

access_time03/04/2024 11:09

O Palmeiras visita o San Lorenzo em Buenos Aires nesta quarta-feira (3), às 20h30, em sua estreia na Libertadores 2024. A partida terá transmissão ao vivo de TV Globo, ESPN e Star+, além de tempo real com narração no Flashscore. As duas equipes estão no Grupo F do torneio, ao lado de Independiente del Valle-EQU e Liverpool-URU. Tricampeão continental, o Palmeiras estreia na Libertadores após sofrer sua primeira derrota no ano – 1x0 contra o Santos, na primeira partida da final do Paulistão. Na fase de grupos de 2019, uma vitória para cada lado (imagem: Flashscore) De olho no jogo da volta da decisão do estadual, o técnico Abel Ferreira deve escalar uma equipe bastante modificada na Argentina. Já o San Lorenzo também perdeu sua invencibilidade no fim de semana. Após oito partidas invictas, o time de Almagro foi derrotado pelo Boca Juniors por 2 a 1, em jogo válido pela Copa da Liga. Escalações prováveis San Lorenzo: Altamirano; Lujan, Romaña, Campi e Braida; Giay, Leguizamon, Irala, Barrios e Cristian Ferreira; Bareiro. Técnico: Rúben Insua. Desfalques: nenhum. Palmeiras: Marcelo Lomba; Garcia, Gustavo Gómez, Naves (Luan) e Vanderlan (Caio Paulista); Fabinho, Richard Ríos e Gabriel Menino; Lázaro, Breno Lopes (Estêvão) e Rony. Técnico: Abel Ferreira. Desfalques: Dudu e Bruno Rodrigues (lesionados). Onde assistir San Lorenzo x Palmeiras Quarta-feira, 3 de abril, às 21h30 (de Brasília) 1ª rodada do Grupo F da Copa Libertadores 2024 Transmissão: Globo (TV aberta, para SP e outras praças), ESPN (TV fechada) e Star+ (streaming) Estádio: Nuevo Gasómetro (Buenos Aires) Árbitro: Jesús Valenzuela (VEN)