Banner Outras
Notícias recentes
STF determina realização de novo júri de acusado de mandar matar juiz em MT

STF determina realização de novo júri de acusado de mandar matar juiz em MT

access_time11/03/2020 13:32

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que o Tribunal do Júri pode realizar um n

Pipoca faz bem para a saúde? Veja benefícios e como preparar

Pipoca faz bem para a saúde? Veja benefícios e como preparar

access_time25/06/2018 09:45

Além de saborosa, a pipoca é uma opção saudável. Ela é rica em fibras e polifenois, que são antioxid

Coreia do Norte marca data para destruir local de testes nucleares

Coreia do Norte marca data para destruir local de testes nucleares

access_time12/05/2018 15:18

A Coreia do Norte afirmou, neste sábado (12), que programou a destruição de seu local de testes nucl

POLÍCIA

Advogado, oficial da PM e estagiário são presos por roubo de avião em Matupá

access_time27/05/2020 18:55

Oito ordens judiciais, sendo três mandados de prisão e cinco de busca e apreensão domiciliar foram cumpridos pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (27/05), durante ação para esclarecer o furto de aeronave furto da aeronave Cessna Aircraft 182, ocorrido em Matupá. Os mandados foram cumpridos nas cidades de Cuiabá e Matupá e resultaram na prisão de mais três pessoas suspeitas de envolvimento no crime. As diligências fazem parte das investigações conduzidas pela Delegacia de Matupá em parceria com as Delegacias Regional e Municipal de Guarantã Norte. Entre os alvos presos em razão dos mandados judiciais, estavam um advogado e um estagiário do escritório de advocacia no município de Matupá e um oficial da Polícia Militar. As investigações estão em andamento e devem continuar mais alguns dias para identificação de outros envolvidos no crime. FURTO E QUEDA O furto da aeronave ocorreu no dia 21 de abril, no aeroporto na zona rural de Matupá. Inicialmente, foi verificado o furto de combustível, sendo observadas algumas mangueiras cortadas, porém, em seguida foi constatado o furto do avião que estava estacionado próximo ao escritório. Para praticar o furto, os criminosos cortaram o cadeado que segurava as hélices do avião. A aeronave foi localizada após a queda em uma área de mata de menos de 5 mil hectares, entre os municípios de Terra Nova do Norte e Nova Guarita. O avião ficou danificado e caiu com o trem de pouso virado para cima. As buscas pela aeronave contaram com apoio do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) de Sorriso. Durante os trabalhos, também foram localizados pertences da vítima que estavam no avião no momento do furto e também camisetas e uma corda utilizadas pelos envolvidos no crime.

Polícia cumpre ordens em empresa com dívida de R$ 223 milhões

access_time25/05/2020 18:24

A Polícia Civil de Nova Xavantina (645 km a leste de Cuiabá) cumpriu, na manhã desta segunda-feira (25), quatro mandados judiciais contra a empresa Indiana Agri, responsável por armazenamento e comércio de grãos e que tem dívidas declaradas de R$ 223 milhões. As ordens de busca e apreensão, sequestro e arresto de bens foram cumpridas na empresa localizada na BR-158, na saída para Água Boa. A operação para cumprimento de ordens judiciais foi desencadeada, após a empresa adquirir grãos (soja) de diversos produtores rurais e de outras empresas de Mato Grosso e entrar com um pedido de recuperação judicial, alegando oscilações no mercado desde o ano de 2016. Na semana passada a Justiça de Primavera do Leste negou o pedido de recuperação da empresa. Entre as situações citadas pela Indiana Agri para entrar com o pedido estava a crise empresarial e seca (2016), valor do milho abaixo do esperado (2017), greve dos caminhoneiros e guerra comercial (2018), economia fragilizada, o equívoco na projeção do dólar (2019) e por último a propagação da pandemia causada pelo vírus Covid-19 (2020). Mesmo diante das alegações, a empresa não conseguiu comprovar a relação de causalidade entre tais eventos e a queda do fluxo de caixa, o que levou a Justiça a negar a recuperação judicial. Temendo prejuízo, os credores ajuizaram algumas ações na justiça, obtendo liminares na semana passada, determinando o arresto e sequestros de bens (soja) armazenados na sede da empresa, restituindo parte dos grãos. De posse das ordens judiciais, a Polícia Civil de Nova Xavantina auxiliou os oficiais de justça no cumprimento das decisões judiciais. Segundo a Polícia Civi, houve resistência por parte dos seguranças da empresa, sendo necessária a intervenção policial para garantir a efetivação das decisões. Decisão No último dia 20 de maio, a juíza Patrícia Cristiane de Moreira, da Segunda Vara Cível de Primavera do Leste, negou o pedido de recuperação judicial. A decisão cita “inconsistência nas argumentações da empresa”. Mais da metade da dívida declarada (R$ 120 milhões) é com agricultores que venderam grãos. No documento, a magistrada diz que “o relatório de avaliação preliminar apontou a ausência de envio de toda a documentação solicitada, bem como diversos e-mails com documentos que denotam a ocorrência de fraude, além da inconsistência lógica sobre a narrativa de crise empresarial”. Na justificativa, a juíza destaca “a inconsistência no relato da situação de crise”, argumentando falta de “coerência com a apuração contábil dos autos”. A magistrada aponta aind aque o pedido de recuperação judicial foi embasado em elementos como a “seca ocorrida em 2016; o baixo valor do milho em 2017; a greve dos caminhoneiros e a guerra comercial em 2018; a economia fragilizada e o equívoco na projeção do Dólar em 2019; além da propagação da Covid-19 e suas consequências em 2020”. Porém, na avaliação da juíza, faltou relacionar o nexo causal de tais acontecimentos com as atividades da empresa. Além disso, segundo a magistrada, “os alegados ‘prejuízos gigantescos’ decorrentes dos fatos narrados não condizem com a realidade contábil apresentada, já que há demonstração da existência de resultado positivo nos anos de 2018 e 2019, gerando resultado acumulado positivo até 31.12.2019”.

Colisão entre carro e caminhonete em Guarantã do Norte deixa 6 pessoas feridas

access_time25/05/2020 11:37

O acidente entre um Fiat Toro vermelho e um Renault Logan prata ocorreu, ontem, no final da tarde, na rodovia estadual, na região do bairro Cotrel, em Guarantã do Norte. De acordo com o boletim de ocorrência, seis pessoas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros e encaminhadas ao hospital para atendimentos médicos necessários. Consta ainda no documento registrado pela PM, que uma mulher dirigia o Logan e teria perdido o controle da direção, invadiu a pista contrária e acabou batendo frontalmente com o Toro. No hospital, ela afirmou que estava em um balneário ingerindo bebidas alcoólicas e pegou o carro emprestado de um amigo para levar os filhos até sua residência. Quando retornava, acabou se envolvendo no acidente. A versão apresentada pela condutora ainda será investigada pela Polícia Civil. Um homem também esteve no local e assumiu ser o proprietário do Logan. Ambos os veículos ficaram completamente danificados.

Preso em Marcelândia acusado de ‘gerenciar’ o tráfico de drogas

access_time25/05/2020 08:15

Os policiais civis e militares prenderam, hoje de madrugada, um homem acusado de gerenciar o tráfico de drogas, em Marcelândia. Com ele, foram apreendidas meia barra de pasta base de cocaína, dinheiro e uma motocicleta utilizada também no tráfico. De acordo com o registro da ocorrência, ele seria responsável pelas “bocas de fumo” da cidade e também está associado a outros traficantes para comercializar entorpecentes. A prisão ocorreu após os policiais descobrirem sua ligação com outro jovem que foi pego buscando drogas em Sinop, na última sexta-feira, para vender em Marcelândia. Ele foi surpreendido pelos policiais militares e civis e acabou caindo em uma barreira. O acusado foi encaminhado à delegacia de Polícia Civil para as providências necessárias.

Homem suspeito de roubos em garimpos é preso com armas, R$ 7,3 mil e roupas camufladas

access_time25/05/2020 07:28

Um homem suspeito de participar de assaltos em garimpos foi preso nesse sábado (23) em Peixoto de Azevedo. De acordo com a Polícia Militar, ele foi preso com armas, R$ 7,3 mil em dinheiro e várias roupas camufladas usadas nos roubos. A PM recebeu informações de que o suspeito estava em uma região da cidade e conseguiu localizá-lo. Ele foi flagrado com munições. Na casa dele a polícia encontrou uma espingarda, uma pistola, o dinheiro e as roupas camufladas. Ele faria parte de uma quadrilha que assalta garimpos na região de Peixoto de Azevedo. A mulher dele usava pulseiras e correntes de ouro que foram apreendidas. Os policiais ainda encontraram munições na gaveta das roupas íntimas dela. O casal foi encaminhado à Polícia Civil. Ele foi preso com armas, R$ 7,3 mil em dinheiro e várias roupas camufladas usadas nos roubos — Foto: Polícia Militar de Mato Grosso

Exército e IBAMA descobrem área de desmatamento ilegal no Nortão, apreendem tratores e madeira

access_time22/05/2020 13:46

A ação dos militares do Exército Brasileiro e dos agentes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) descobriram uma área de desmatamento ilegal, numa região localizada entre os municípios de Marcelândia e Cláudia. A apreensão ocorreu entre terça-feira até ontem à tarde. De acordo com a assessoria do Exército, foram apreendidos uma motocicleta, três tratores de grande porte, uma pá carregadeira, um caminhão, 200 litros de combustível e mais de 600 metros cúbicos de madeira em toras das espécies garapeira, angelim pedra, cumarú, cambará, dentre outras. As ações estão sendo feitas por aproximadamente 90 militares, que montaram a Base de Operações, no Tiro de Guerra de Sinop, localizado na avenida dos Jequitibás, no bairro Setor Industrial Norte. O ponto é estratégico com capacidade de atuação em 164 quilômetros na região. As apreensões fazem parte da operação “Verde Brasil 2”, em apoio aos órgãos de controle ambiental e de segurança pública. Ontem, o Exército com apoio da Polícia Rodoviária Federal e agentes do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (INDEA) apreenderam em Comodoro cerca de 1.011 metros cúbicos de madeira ilegal e 30 caminhões, com valor estimado de R$ 10,5 milhões.

Homem é preso pela PM em Peixoto com drogas e réplica de pistola

access_time21/05/2020 16:29

Um homem foi preso e um adolescente apreendido acusados de envolvimento com tráfico de drogas, em Peixoto de Azevedo, ontem. Com o menor foram encontradas drogas e com outro suspeito também havia porções de entorpecentes e a réplica de uma pistola (simulacro). De acordo com o boletim de ocorrência, os policiais do Grupo de Ação Rápida (CAR) faziam rondas pelo bairro Jerusalém quando viram o menor em atitude suspeita. Ao perceber a aproximação dos militares, ele entrou em uma área de mata, foram feitas buscas e acabou sendo encontrado pouco tempo depois. Durante a revista pessoal, os policiais encontram as porções da droga e ele confessou que havia comprado e informou as características dos suspeitos. Durante o deslocamento das guarnições, os agentes encontraram o homem com mais maconha e a réplica de pistola.

Estado é notificado a adotar medidas enérgicas para conter desmatamento

access_time21/05/2020 11:10

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso notificou o governo do Estado para que adote as medidas necessárias para impedir que equipamentos utilizados para a prática de desmatamento sejam reutilizados pelos infratores. Recomenda, inclusive, a destruição desses equipamentos quando a remoção se tornar inviável financeiramente e fisicamente. Esta é a segunda manifestação institucional a respeito do assunto em menos de 10 dias. O MPMT defende o endurecimento das medidas de fiscalização para conter o avanço do desmatamento criminoso no Estado. Na notificação, encaminhada nesta quarta-feira (19) ao governador do Estado, à Secretaria de Estado de Meio Ambiente, ao Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental e aos Bombeiros Militares, o Ministério Público sugere que as fiscalizações em campo sejam intensificadas, com as precauções sanitárias que o momento exige, de maneira emergencial. Os membros do Ministério Público reforçam ainda a necessidade de que todas as cópias dos Autos de Infração sejam encaminhados à Delegacia de Polícia Ambiental (Dema) para apuração obrigatória da atividade criminosa que, em muitos casos, é realizada de maneira organizada. De acordo com o Ministério Público Estadual, as conclusões da análise dos dados disponibilizados na plataforma Terrabrasilis com a identificação e quantificação de desmatamentos em Mato Grosso são alarmantes. No período compreendido entre  01/08/2019 a 31/04/2020, o Estado desmatou com solo exposto, de acordo com o sistema DETER, área de1.275,23 km². No mesmo período do ano anterior (agosto de 2018 a abril de 2019) foram contabilizados 665,08 km². “Isto significa um aumento de 91,74 % no desmatamento com solo exposto em Mato Grosso quando comparados mesmos períodos. E isso ocorre mesmo diante do uso, pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente, das tecnologias de fiscalização e autuação por sensoriamento remoto. Já no período de 01/05/2019 a 31/07/2019, o DETER contabilizou 770,89 km² de desmatamentos”, diz um trecho da notificação. Segundo o MPMT, caso não haja a adoção de medidas enérgicas e o aumento no desmatamento ilegal não regrida, mantendo o mesmo ritmo em 91% de incremento, o Estado de Mato Grosso correrá o risco de desmatar mais 1.472 km² nos próximos meses, podendo chegar a mais de 2.700 km² . “Diante deste panorama, torna-se necessária a implementação urgente de medidas de maior impacto contra os desmatamentos ilegais, impondo-se aos órgãos de fiscalização o poder/dever de intensificar as fiscalizações em campo e adotar as medidas de cautela administrativas previstas na legislação pátria, inclusive com destruição de produtos utilizados na prática das infrações ambientais em tela, prática usual entre órgãos federais (IBAMA)”, sustentou. Assinaram a notificação, o procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira, o procurador de Justiça titular da Procuradoria Especializada de Defesa Ambiental e Ordem Urbanística, Luiz Alberto Esteves Scaloppe, e os promotores de Justiça Marcelo Caetano Vacchiano  e Maria Fernanda Correa da Costa. Os dois últimos são, respectivamente, coordenadores do Centro de Apoio Técnico à Execução Ambiental e  do Centro de Apoio do Meio Ambiente Natural.

Paciente internado com coronavírus foge de hospital e é detido pela polícia

access_time21/05/2020 10:59

Um paciente que estava internado com coronavírus (Covid-19) fugiu de um hospital particular onde estava internado em Primavera do Leste. De acordo com a Polícia Militar, o suspeito, de 63 anos, estava em quarentena na unidade hospitalar e fugiu. A situação ocorreu na terça-feira (19). A PM encontrou o homem em um posto de combustíveis. O paciente, que é caminhoneiro, foi abordado e encaminhado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Ainda segundo a PM, o paciente pode ser indiciado no artigo 268 do Código Penal – Infringir determinação do poder público, destinada a impedir a introdução ou propagação de doença contagiosa.

Governo de MT entrega 149 novas caminhonetes para forças de segurança

access_time19/05/2020 10:14

O governador Mauro Mendes e o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, entregam nesta terça-feira (19), às 16 horas, no Palácio Paiaguás, 149 caminhonetes entre os modelos Amarok e Hillux, para as forças de segurança de Mato Grosso. Serão destinados 75 veículos para a Polícia Militar, 37 para a Polícia Judiciária Civil, 27 ao Corpo de Bombeiros, 5 para Politec e outras 5 ao Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron), ligado à Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp). Os veículos são todos locados e vão atender as unidades do interior. Os 149 veículos vão se somar aos 1.158 da frota da Segurança Pública, entre locados e próprios.