Banner Outras
Notícias recentes
Nº de brasileiros que pedem demissão cresce em 2018

Nº de brasileiros que pedem demissão cresce em 2018

access_time24/09/2018 14:11

Embora o mercado de trabalho esteja muito distante do seu melhor momento, a retomada da criação de v

Senado aprova MP que cria novas modalidades de saque do FGTS

Senado aprova MP que cria novas modalidades de saque do FGTS

access_time14/11/2019 09:45

O plenário do Senado aprovou na terça-feira (12), simbolicamente, uma medida provisória que cria nov

Em 100 dias, Bolsonaro cumpre mais promessas que Dilma e Temer no mesmo período

Em 100 dias, Bolsonaro cumpre mais promessas que Dilma e Temer no mesmo período

access_time10/04/2019 09:34

Em 100 dias, o governo de Jair Bolsonaro cumpriu 1/5 das promessas feitas durante a campanha eleitor

Notícias com a tag: Botafogo

Flamengo x Botafogo: veja as prováveis escalações, desfalques e arbitragem

access_time07/03/2020 10:11

Vale a liderança. Vale a rivalidade. Vale a tranquilidade na Taça Rio! Flamengo e Botafogo medem forças na tarde deste sábado, às 17h (de Mato Grosso), no Maracanã, pela segunda rodada do segundo turno do Campeonato Carioca. Como venceram seus compromissos na primeira rodada, o clássico, que será o único para ambos nesta fase, vale a manutenção no grupo dos classificados para semifinal. O Flamengo fez 4 a 1 na Cabofriense na última partida e iniciou a rodada na liderança pelo saldo de gols. Embalado pela vitória por 2 a 1 sobre o Júnior Barranquilla, no meio de semana, pela Libertadores, a tendência é que o Rubro-Negro escale o que tiver de melhor contra o rival. Ausentes da viagem para Colômbia, Willian Arão e Bruno Henrique têm retorno garantido. O campeão da Taça Guanabara sabe que não pode vacilar para seguir na cola do Fluminense na classificação geral. Vencer a Taça Rio não é suficiente para levantar o título de maneira direta, é preciso ser o melhor na soma dos turnos. No momento, o Tricolor tem 18 pontos contra 16 do Rubro-Negro. Já o Botafogo chega empolgado por suas ações no mercado. Será a última partida antes da estreia do japonês Honda, marcada para o duelo com o Paraná, pela Copa do Brasil. Além disso, a negociação pelo marfinense Yaya Touré caminha bem. Dentro de campo, ser campeão da Taça Rio é a única opção para seguir sonhando com o Carioca. Na primeira rodada, o time de Paulo Autuori fez 2 a 1 no Boavista. Flamengo - técnico Jorge Jesus Recuperado de lesão, Bruno Henrique volta a ficar à disposição do Mister e é a grande novidade do Flamengo para a partida. Rafinha ainda é dúvida devido a uma lesão na coxa, e Arrascaeta não treinou no campo na sexta-feira, realizando trabalho regenerativo. Com o jogo de Libertadores na próxima quarta, a expectativa é se Jorge Jesus irá poupar mais algum titular. Quem está fora: Rodrigo Caio (lesão na coxa). Provável escalação do Flamengo para enfrentar o Botafogo — Foto: GloboEsporte.com Botafogo - técnico Paulo Autuori Será o primeiro clássico de Paulo Autuori desde que assumiu o Botafogo no dia 13 de fevereiro. Em coletiva na sexta-feira, o técnico valorizou a qualidade do Flamengo, mas disse que não faltará coragem aos seus comandados para buscar o resultado positivo. Além disso, o comandante espera ver sinais de melhora na equipe. A única mudança em relação ao time que enfrentou o Boavista deverá ser o retorno de Pedro Raul ao comando do ataque. O jogador estava se recuperando de problema muscular na coxa desde a partida contra o Náutico, pela Copa do Brasil Quem está fora: Fernando (entorse no joelho), Marcinho (cirurgia no joelho) e Rhuan (corte no pé). Pendurados: ninguém. Provável escalação do Botafogo contra o Flamengo — Foto: GloboEsporte.com Bruno Arleu de Araújo será o árbitro da partida, auxiliado por Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa e Thiago Henrique Neto Corrêa Farinha. Rodrigo Nunes de Sá é quem comanda o VAR.

Botafogo vence o Corinthians e respira no Brasileirão

access_time24/11/2019 20:55

Vitória e alívio O Botafogo conquistou neste domingo um importante resultado na luta para evitar o rebaixamento no Campeonato Brasileiro. O Corinthians foi melhor, dominou a maior parte do jogo, mas o Alvinegro contou com a eficiência de Diego Souza para vencer por 1 a 0, no Engenhão, e ganhar fôlego na corrida contra a queda. Mesmo com a derrota, o Timão continua com boas chances de ir à Libertadores em 2020. Botafogo sobe A quatro rodadas do fim do Brasileirão, a equipe dirigida pelo técnico Alberto Valentim tem agora 39 pontos, na 14ª colocação. São quatro pontos acima do Fluminense, primeiro no Z-4 – o rival enfrenta o CSA, nesta segunda, em Maceió. Na próxima rodada, os botafoguenses enfrentam a Chapecoense, quarta, às 18h30, na Arena Condá. Tudo igual para o Corinthians A derrota pouco muda a situação dos corintianos na classificação. O time dirigido interinamente por Dyego Coelho, derrotado pela primeira vez no cargo, permanece com 50 pontos, em oitavo, dentro do grupo que vai à fase prévia da Libertadores em 2020. O Goiás é o nono, com 46. No quarta, a equipe recebe o já rebaixado Avaí, às 20h30, em Itaquera. Primeiro tempo O Corinthians acelerou jogo no início e parecia que ficaria rapidamente em vantagem no placar. A defesa do Botafogo se atrapalhou com a marcação avançada do Timão e ficou encurralada. Pedrinho e Gustagol tiveram boas chances para marcar. Quando conseguiu trocar passes, os botafoguenses cresceram e chegaram ao gol, aos 18 minutos. Diego Souza recebeu na área e bateu na saída de Cássio. Ainda com espaços e tendo a bola por mais tempo, os paulistas responderam com Vagner Love, em chute cruzado que passou perto. Os cariocas ainda tiveram a oportunidade de ampliar. Marcelo Benevenuto cabeceou após escanteio e parou em linda defesa de Cássio. Nos acréscimos, Danilo Avelar bateu de primeira pela esquerda e assustou Gatito. Diego Souza comemora gol em Botafogo x Corinthians (Foto: Agência Estado)   Segundo tempo O Corinthians voltou do intervalo novamente com o controle do jogo, mas tendo muita dificuldade em definir as jogadas. O Botafogo jogou ainda mais recuado e, sem conseguir trocar passes, viu o adversário dominar. Coelho tirou Júnior Urso e colocou Clayson para dar mais velocidade e força pelos lados do Timão. Não adiantou. A equipe continuou rondando a área adversária sem assustar. Para piorar, passou a abrir espaços na defesa, mas o Botafogo também não soube aproveitar. No fim, os paulistas não tiveram forças para pressionar. João Paulo disputa lance com Vagner Love (Foto: Thiago Ribeiro / Estadão Conteúdo)