Spigreen
Notícias recentes
Troca de comando do TSE não altera situação de Lula

Troca de comando do TSE não altera situação de Lula

access_time13/08/2018 14:09

A partir desta terça-feira (14), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) terá uma troca de comando. Deix

Suspeita de H1N1 faz população de Matupá lotar unidades de saúde na última semana de vacina

Suspeita de H1N1 faz população de Matupá lotar unidades de saúde na última semana de vacina

access_time30/05/2018 08:48

A movimentação nas unidades de saúde em todos os bairros de Matupá em busca pela vacina contra a gri

Libertadores: Flamengo e River protagonizam final inédita e histórica

Libertadores: Flamengo e River protagonizam final inédita e histórica

access_time23/11/2019 08:56

No próximo sábado (23), a partir das 17h (horário de Brasília), Flamengo e River Plate, da Argentina

Notícias com a tag: Botafogo

Flamengo x Botafogo: veja as prováveis escalações, desfalques e arbitragem

access_time07/03/2020 10:11

Vale a liderança. Vale a rivalidade. Vale a tranquilidade na Taça Rio! Flamengo e Botafogo medem forças na tarde deste sábado, às 17h (de Mato Grosso), no Maracanã, pela segunda rodada do segundo turno do Campeonato Carioca. Como venceram seus compromissos na primeira rodada, o clássico, que será o único para ambos nesta fase, vale a manutenção no grupo dos classificados para semifinal. O Flamengo fez 4 a 1 na Cabofriense na última partida e iniciou a rodada na liderança pelo saldo de gols. Embalado pela vitória por 2 a 1 sobre o Júnior Barranquilla, no meio de semana, pela Libertadores, a tendência é que o Rubro-Negro escale o que tiver de melhor contra o rival. Ausentes da viagem para Colômbia, Willian Arão e Bruno Henrique têm retorno garantido. O campeão da Taça Guanabara sabe que não pode vacilar para seguir na cola do Fluminense na classificação geral. Vencer a Taça Rio não é suficiente para levantar o título de maneira direta, é preciso ser o melhor na soma dos turnos. No momento, o Tricolor tem 18 pontos contra 16 do Rubro-Negro. Já o Botafogo chega empolgado por suas ações no mercado. Será a última partida antes da estreia do japonês Honda, marcada para o duelo com o Paraná, pela Copa do Brasil. Além disso, a negociação pelo marfinense Yaya Touré caminha bem. Dentro de campo, ser campeão da Taça Rio é a única opção para seguir sonhando com o Carioca. Na primeira rodada, o time de Paulo Autuori fez 2 a 1 no Boavista. Flamengo - técnico Jorge Jesus Recuperado de lesão, Bruno Henrique volta a ficar à disposição do Mister e é a grande novidade do Flamengo para a partida. Rafinha ainda é dúvida devido a uma lesão na coxa, e Arrascaeta não treinou no campo na sexta-feira, realizando trabalho regenerativo. Com o jogo de Libertadores na próxima quarta, a expectativa é se Jorge Jesus irá poupar mais algum titular. Quem está fora: Rodrigo Caio (lesão na coxa). Provável escalação do Flamengo para enfrentar o Botafogo — Foto: GloboEsporte.com Botafogo - técnico Paulo Autuori Será o primeiro clássico de Paulo Autuori desde que assumiu o Botafogo no dia 13 de fevereiro. Em coletiva na sexta-feira, o técnico valorizou a qualidade do Flamengo, mas disse que não faltará coragem aos seus comandados para buscar o resultado positivo. Além disso, o comandante espera ver sinais de melhora na equipe. A única mudança em relação ao time que enfrentou o Boavista deverá ser o retorno de Pedro Raul ao comando do ataque. O jogador estava se recuperando de problema muscular na coxa desde a partida contra o Náutico, pela Copa do Brasil Quem está fora: Fernando (entorse no joelho), Marcinho (cirurgia no joelho) e Rhuan (corte no pé). Pendurados: ninguém. Provável escalação do Botafogo contra o Flamengo — Foto: GloboEsporte.com Bruno Arleu de Araújo será o árbitro da partida, auxiliado por Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa e Thiago Henrique Neto Corrêa Farinha. Rodrigo Nunes de Sá é quem comanda o VAR.

Botafogo vence o Corinthians e respira no Brasileirão

access_time24/11/2019 20:55

Vitória e alívio O Botafogo conquistou neste domingo um importante resultado na luta para evitar o rebaixamento no Campeonato Brasileiro. O Corinthians foi melhor, dominou a maior parte do jogo, mas o Alvinegro contou com a eficiência de Diego Souza para vencer por 1 a 0, no Engenhão, e ganhar fôlego na corrida contra a queda. Mesmo com a derrota, o Timão continua com boas chances de ir à Libertadores em 2020. Botafogo sobe A quatro rodadas do fim do Brasileirão, a equipe dirigida pelo técnico Alberto Valentim tem agora 39 pontos, na 14ª colocação. São quatro pontos acima do Fluminense, primeiro no Z-4 – o rival enfrenta o CSA, nesta segunda, em Maceió. Na próxima rodada, os botafoguenses enfrentam a Chapecoense, quarta, às 18h30, na Arena Condá. Tudo igual para o Corinthians A derrota pouco muda a situação dos corintianos na classificação. O time dirigido interinamente por Dyego Coelho, derrotado pela primeira vez no cargo, permanece com 50 pontos, em oitavo, dentro do grupo que vai à fase prévia da Libertadores em 2020. O Goiás é o nono, com 46. No quarta, a equipe recebe o já rebaixado Avaí, às 20h30, em Itaquera. Primeiro tempo O Corinthians acelerou jogo no início e parecia que ficaria rapidamente em vantagem no placar. A defesa do Botafogo se atrapalhou com a marcação avançada do Timão e ficou encurralada. Pedrinho e Gustagol tiveram boas chances para marcar. Quando conseguiu trocar passes, os botafoguenses cresceram e chegaram ao gol, aos 18 minutos. Diego Souza recebeu na área e bateu na saída de Cássio. Ainda com espaços e tendo a bola por mais tempo, os paulistas responderam com Vagner Love, em chute cruzado que passou perto. Os cariocas ainda tiveram a oportunidade de ampliar. Marcelo Benevenuto cabeceou após escanteio e parou em linda defesa de Cássio. Nos acréscimos, Danilo Avelar bateu de primeira pela esquerda e assustou Gatito. Diego Souza comemora gol em Botafogo x Corinthians (Foto: Agência Estado)   Segundo tempo O Corinthians voltou do intervalo novamente com o controle do jogo, mas tendo muita dificuldade em definir as jogadas. O Botafogo jogou ainda mais recuado e, sem conseguir trocar passes, viu o adversário dominar. Coelho tirou Júnior Urso e colocou Clayson para dar mais velocidade e força pelos lados do Timão. Não adiantou. A equipe continuou rondando a área adversária sem assustar. Para piorar, passou a abrir espaços na defesa, mas o Botafogo também não soube aproveitar. No fim, os paulistas não tiveram forças para pressionar. João Paulo disputa lance com Vagner Love (Foto: Thiago Ribeiro / Estadão Conteúdo)