Spigreen
Notícias recentes
Feirantes são flagrados por câmeras de segurança vendendo drogas em MT

Feirantes são flagrados por câmeras de segurança vendendo drogas em MT

access_time27/08/2019 18:34

Dois homens foram presos suspeitos de estarem vendendo drogas em uma barraca de frutas na tarde dess

Mulheres são mortas com facadas na cabeça e enterradas no distrito União do Norte

Mulheres são mortas com facadas na cabeça e enterradas no distrito União do Norte

access_time17/01/2020 08:37

Homem de 31 anos está preso em Peixoto de Azevedo suspeito de matar a cunhada e uma amiga dela, na q

Prédio residencial desaba em bairro de classe média de Fortaleza

Prédio residencial desaba em bairro de classe média de Fortaleza

access_time15/10/2019 15:49

Um prédio residencial de sete andares localizado na Rua Tibúrcio Cavalcante, nº 24, no Bairro Dionís

Notícias com a tag: Internacional

Em jogo com oito expulsões, Grêmio e Inter empatam pela Libertadores

access_time13/03/2020 07:57

Oito expulsões e nenhum gol marcaram o primeiro Gre-Nal da história da Copa Libertadores. O Grêmio recebeu o Internacional nesta quinta-feira, pela 2ª rodada da fase de grupos do torneio sul-americano, e as equipes ficaram no 0 a 0. Em jogo mais brigado que jogado, uma confusão generalizada no segundo tempo rendeu quatro expulsões de cada lado. Com o empate, o Internacional segue na liderança por conta do saldo de gols. As duas equipes somam quatro pontos após uma vitória e um empate. O Colorado soma três de saldo, enquanto o Tricolor tem dois. Na terça-feira, o América de Cali-COL derrotou a Universidad Católica-CHI fora de casa e chegou a três pontos no 3º lugar; os chilenos estão zerados após duas derrotas. O Gre-Nal 424 foi o primeiro das equipes na história da Libertadores. Os gaúchos já haviam feito quatro clássicos pela Sul-Americana, nas edições de 2004 e 2008, com uma vitória para cada lado, dois empates e duas classificações para o Colorado. Nesta quinta-feira, poucas chances e falta de pontaria nas oportunidades criadas. Após primeiro tempo com mais investidas dos visitantes, o jogo ficou mais aberto na metade final e contou com oportunidades claras para os dois lados. Ninguém, porém, conseguiu tirar o 0 do marcador. Apesar de visitar o Grêmio, foi o Internacional quem criou as melhores chances da primeira etapa. Aos 12 minutos, a defesa gremista afastou escanteio cobrado por Boschilia, mas a boal sobrou para Edenílson na entrada da área. O volante experimentou chute de média distância, forçando boa defesa de Vanderlei no canto direito. Aos 32, o Colorado teve a melhor chance do primeiro tempo com Boschilia. O meia tabelou com Guerrero e invadiu a área. Na hora de finalizar cara a cara com Vanderlei, tentou um toque por cavadinha, que saiu baixo e à esquerda da meta gremista. Apesar de muita vontade das duas equipes, os lances foram os únicos dignos de nota nos primeiros 45 minutos. Após passar despercebido ofensivamente no primeiro tempo, o Grêmio voltou mais ligado na segunda etapa. Aos 18 minutos, Jean Pyerre experimentou de média distância, a bola foi no canto esquerdo e forçou a primeira intervenção importante de Lomba no clássico. O jogo ficou mais aberto e a resposta colorada veio aos 23 minutos. Edenílson pegou rebote da defesa do Grêmio e arriscou mais uma vez de fora da área. A bola quicou dentro da área, passou por Vanderlei e explodiu na trave. Dois minutos depois, Pepê fez fila na defesa do Inter, cortou três defensores em direção ao lado esquerdo e bateu cruzado, para nova defesa de Lomba. As melhores chances do Gre-Nal surgiram nos momentos finais. Aos 34 minutos, Guerrero deixou para Boschilia, que invadiu a área pelo lado esquerdo e acertou a trave. Três minutos depois, Cebolinha colocou para Luciano, que saiu livre na frente do goleiro. O atacante, que entrou no segundo tempo no lugar de Diego Souza, tentou marcar com cavadinha, mas colocou muita força e a bola passou por cima do gol. Aos 40, cenas lamentáveis na Arena do Grêmio. Pepê e Moisés começaram confusão generalizada, que durou mais de 15 minutos e acabou com a expulsão dos dois, Edenílson, Cuesta, Praxedes (no banco), Luciano, Caio Henrique e Paulo Miranda (no banco). Após a confusão, os times voltaram a campo com oito jogadores de cada lado. No minuto final, Victor Ferraz fez boa jogada pelo corredor direito e rolou para Lucas Silva. O volante pegou de primeira da meia-lua e a bola explodiu no travessão após leve desvio de Lomba. A bola acabou não entrando e o clássico gaúcho terminou sem gols.

Bruno Henrique faz dois e Flamengo vence o Inter pela Libertadores

access_time21/08/2019 22:36

A torcida do Flamengo lotou o Maracanã, nesta quarta (21) para o primeiro jogo diante do Internacional pelas quartas de final da Conmebol Libertadores e saiu feliz. A equipe carioca bateu os gaúchos por 2 a 0 e agora decide a vaga na próxima semana (28) jogando no Beira Rio, em Porto Alegre. A vantagem do fator campo e torcida foi fundamental para a vitória flamenguista, que foi embalado por milhares de vozes nos 90 minutos da partida. O Flamengo fez jogo de cena durante a semana, na tentativa de ludibriar o técnico Odair Hellmann, do Inter. Os jogadores Gabriel Barbosa, o Gabigol, e o meia uruguaio Arrascaeta foram dados como fora de jogo. Gabriel devido um problema na coxa esquerda. Já Arrascaeta teria sido acometido por uma virose. Quando as escalações foram passadas, ambos estavam lá, titulares como sempre foram.  O Flamengo, como dono da casa, saiu para cima do Inter e fez a proposta de jogo. Primeiro, explorou o lado esquerdo do seu ataque, buscando triangulações entre Filipe Luiz, Arrascaeta e Bruno Henrique, um lado esquerdo forte. Mas por ali o Inter era forte com o lateral direito Bruno e o zagueiro Rodrigo Moledo caindo por aquele setor. As melhores chances para o Flamengo só surgiram quando o time passou a explorar o lado direito do seu ataque, com as subidas de Rafinha, Gabriel e Bruno Henrique. Aos 18min, a primeira chance para o Rubro-Negro. Bruno Henrique evoluiu pelo meio e bateu forte obrigando o goleiro Marcelo Lomba, do Inter, a botar para escanteio. Aos 28min, novamente Bruno Henrique, agora num cabeceio e com nova defesa de Lomba. Quase ao final do primeiro tempo, Gabriel ficou sozinho à frente de Marcelo Lomba, mas errou o chute. O Flamengo veio para a segunda etapa com a mesma proposta de jogo: tentar acuar o Inter. Jorge Jesus tirou Arrascaeta de campo para a entrada de Gerson, também um bom condutor de bola, mas que joga em mais velocidade. Mas a equipe gaúcha passou a jogar marcando a saída de bola do Flamengo, a tão conhecida marcação alta. Isso poderia expor o Inter a contra-ataques, mas também dificultava para os cariocas, que tinham dificuldade para evoluir com a bola dominada. E a marcação alta do Inter foi funbdamental para o Flamengo construir sua vitória. Em dois contra-ataques, o primeiro pela esqwuerda com Everton Ribeiro, ele enxergou Bruno Henrique entrando. O atacante só teve o trabalho de tocar no canto direito de Marcelo Lomba aos 30min: 1 a 0. Aos 33min, novamente Bruno Henrique, que recebeu, envolveu a zaga do Colorado e  tocou, novamente, no canto direito de Marcelo Lomba: 2 a 0.  FICHA TÉCNICA FLAMENGO 2 X 0 INTERNACIONAL Local: Estádio Mário Filho (Maracanã), Rio de Janeiro (RJ) Data: 21/08/2019 Árbitro: Roberto Tobar (CHI) Assistentes:  Christian Schiemann (CHI) e Claudio Rios (CHI) VAR: Julio Bascunan (CHI) Cartões amarelos: Guerrero, Patrick, Willian Arão  Cartões vermelhos: Gols: Bruno Henrique, aos 30min e aos 33min do segundo tempo. FLAMENGO: Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Mari e Filipe Luiz; Willian Arão, Cuellar e Arrascaeta (Gerson); Everton Ribeiro, Bruno Henrique (Pires da Motta) e Gabriel Barbosa. Técnico: Jorge Jesus.  INTERNACIONAL:  Marcelo Lomba; Bruno, Victor Cuesta, Rodrigo Moledo e Uendell; Rodrigo Lindoso, Edenilson e Patrick;  D´Alessandro (Nico Lopes), Rafael Sobis (Wellington Silva) e Guerrero. Técnico: Odair Hellmann. Público: 66.366 Renda: R$ 4.758.998,75

No Maracanã, Flamengo e Inter iniciam disputa por vaga na semi da Libertadores

access_time21/08/2019 16:37

Flamengo e Internacional se enfrentam nesta quarta-feira, às 20h30 (de Mato Grosso), no Maracanã, no Rio de Janeiro, pelo confronto de ida das quartas de final da Copa Libertadores. O Rubro-Negro sofreu para eliminar o Emelec do Equador na etapa anterior, com os dois times trocando triunfos de 2 a 0 como mandantes, o que forçou uma definição por pênaltis. Já o Colorado não teve grandes sustos diante do Nacional, ganhando por 1 a 0 no Uruguai e por 2 a 0 no Rio Grande do Sul. A temporada dos dois times tem sido positiva. No Brasileirão, por exemplo, o Flamengo é o vice-líder com 30 pontos e briga pelo caneco. O Colorado, com 24 pontos, também não está longe do páreo e também é semifinalista da Copa do Brasil. Em termos de escalação o Flamengo vai manter a base que vem atuando, mas ganhou um desfalque importante. O atacante Gabigol, artilheiro da equipe em 2019, não se livrou das dores na coxa esquerda que o fizeram deixar o campo na partida do último sábado contra o Vasco, e foi vetado para o confronto desta quarta. Orlando Berrío é o mais provável substituto de Gabigol nos 11 iniciais. Outra possibilidade é a volta de Everton Ribeiro aos titulares, com Bruno Henrique atuando mais centralizado. O meia-atacante, entretanto, ainda não se encontra 100% em função de dores no pé esquerdo. Outra possibilidade é a volta de Everton Ribeiro aos titulares, com Bruno Henrique atuando mais centralizado. O meia-atacante, entretanto, ainda não se encontra 100% em função de dores no pé esquerdo. Já o lateral Rafinha, que cumpriu suspensão contra o Vasco no último sábado, retorna ao time no lugar de Rodinei. Já o técnico Odair Hellmann, tem apenas uma dúvida que se localiza no meio-campo. Sem contar ainda com Edenílson, Nonato e Bruno Silva concorrem por uma vaga no time titular. Recuperado de lesão no tornozelo, o volante Rodrigo Lindoso retoma a titularidade. A partida marcará o reencontro do centroavante Paolo Guerrero com a torcida do Flamengo no Maracanã. Os torcedores vermelhos já esgotaram a sua cota de ingressos para o duelo de amanhã. Fora de casa na edição desta temporada no torneio, os gaúchos em quatro jogos venceram três e empataram uma vez. O confronto de volta entre as duas equipes, na Arena Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), será na quarta-feira da próxima semana. O classificado fará uma semifinal brasileira contra o vitorioso do embate entre Grêmio e Palmeiras. FICHA TÉCNICA FLAMENGO X INTERNACIONAL Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ) Data: 21 de agosto de 2019 (Quarta-feira) Horário: 20h30 (de Mato Grosso) Árbitro: Roberto Tobar (Chile) Assistentes: Christian Schiemann (Chile) e Claudio Rios (Chile) FLAMENGO: Diego Alves, Rafinha, Thuler, Pablo Marí e Filipe Luís; Gustavo Cuéllar, Willian Arão, Gerson e De Arrascaeta; Bruno Henrique e Orlando Berrío (Everton Ribeiro) Técnico: Jorge Jesus INTERNACIONAL: Marcelo Lomba, Bruno, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Uendel, Rodrigo Lindoso, Nonato (Bruno Silva), D´Alessandro e Patrick, Nico López e Paolo Guerrero Técnico: Odair Hellman