anuncie aqui
Notícias recentes
Dólar fecha em alta e vai a R$ 3,95, maior valor desde fevereiro de 2016

Dólar fecha em alta e vai a R$ 3,95, maior valor desde fevereiro de 2016

access_time21/08/2018 07:15

O dólar subiu forte frente ao real nesta segunda-feira (20), no quarto pregão de alta, com o mercado

Toffoli manda PGR e PF apurarem caso de detrator de Lewandowski

Toffoli manda PGR e PF apurarem caso de detrator de Lewandowski

access_time06/12/2018 08:59

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, enviou ofícios à Procuradoria-Geral

PF prende ex-governador de Mato Grosso do Sul André Puccinelli

PF prende ex-governador de Mato Grosso do Sul André Puccinelli

access_time20/07/2018 15:49

O ex-governador de Mato Grosso do Sul André Puccinelli foi preso na manhã de hoje (20) pela Polícia

Notícias com a tag: Itauba

Fiscais apreendem mais de 400 kg de pescado irregular em Mato Grosso

access_time22/10/2018 07:18

Mais de 400 kg de peixes foram apreendidos nesse final de semana em três fiscalizações no norte de Mato Grosso. A maior parte foi em Sinop, a 503 km de Cuiabá, e o restante em Itaúba, a 599 km da capital. Segundo a Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema), os motivos foram a falta de declaração de estoque e também declaração de estoque incompatível com a quantidade de peixe encontrada. Foram três apreensões: a primeira ocorreu em um comércio flutuante, às margens do Rio Teles Pires, em Sinop, na tarde de sexta-feira (19). No local foram apreendidos 53 kg de matrinchã e trairão. O estabelecimento foi multado em R$ 6 mil e o material foi doado para um lar de idosos de Sinop. O segundo caso foi em Itaúba, também na sexta-feira. Mais de 30 kg de trairão, jaú e curvina estavam em um estabelecimento comercial, que foi multado em R$ 5 mil. Já a terceira e maior apreensão correu em um estabelecimento comercial de Sinop, no sábado (20). No local haviam 321 kg de curvina, jurupoca, piavaçu e bicuda. Além de multa no valor de R$ 11 mil, uma pessoa também foi presa nesse último caso, porque no local havia ainda um animal silvestre abatido, uma paca. Os peixes foram doados para cinco instituições filantrópicas de Sinop. A piracema – período de reprodução dos peixes – começou no dia 1º de outubro e a pesca nos rios estaduais de Mato Grosso fica proibida até o dia 31 de janeiro de 2019.

Ibama aplica multa de R$13,7 milhões por desmate ilegal em 4 fazendas no norte de MT

access_time12/06/2018 07:23

Um desmate ilegal de 2,6 mil hectares no norte de Mato Grosso foi identificado pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). O órgão divulgou nessa segunda-feira (11) que aplicou multa de R$ 13,7 milhões em quatro fazendas no norte de Mato Grosso. A situação foi descoberta através de uma metodologia criada pelo Ibama em parceria com a Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial (Jaxa). A infração foi confirmada durante inspeção realizada por agentes do Ibama e técnicos da Jaxa com drones para validar dados gerados por satélite. Quatro fazendas foram autuadas por destruir floresta nativa da Amazônia, área sujeita a regime especial de proteção. Em uma das propriedades, localizada entre Itaúba e Cláudia, municípios a 599 e 608 km de Cuiabá, os 785 hectares desmatados estavam localizados em uma reserva legal. Na Amazônia, os imóveis rurais devem manter no mínimo 80% da cobertura florestal nativa. Desenvolvida com apoio das agências de cooperação internacional brasileira (ABC) e japonesa (Jica), a metodologia que permitiu detectar o corte raso em Mato Grosso usa satélite com sensores de radar capazes de identificar alterações de cobertura vegetal através de nuvens. Esse conhecimento é usado pela Jaxa para monitorar florestas tropicais em 77 países. Dados obtidos a partir de 2016 apontam o desmatamento de aproximadamente 1,3 mil km² em toda a Amazônia.