Kurupí
Notícias recentes
Bombeiros controlam por duas vezes seguidas incêndio que atingiu 50 mil metros quadrados

Bombeiros controlam por duas vezes seguidas incêndio que atingiu 50 mil metros quadrados

access_time01/09/2018 08:29

Após equipes da 10° Companhia Independente Bombeiro Militar conseguirem apagar um incêndio em um ter

ONU quer mais participação feminina em operações de manutenção de paz

ONU quer mais participação feminina em operações de manutenção de paz

access_time12/04/2019 08:20

A Organização das Nações Unidas (ONU) quer aumentar a proporção de mulheres que participam de operaç

Corpo de Boechat deve ser cremado em cerimônia reservada à família

Corpo de Boechat deve ser cremado em cerimônia reservada à família

access_time12/02/2019 08:34

O corpo do jornalista Ricardo Boechat deve ser cremado hoje (12) em cerimônia reservada para parente

Notícias com a tag: NovaNazare

Ibama e PF fazem operação contra desmatamento e queimadas em terras indígenas

access_time28/08/2019 08:59

Agentes do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Renováveis (Ibama) e Polícia Federal fazem uma operação nesta quarta-feira (28) contra desmatamento, exploração do cerrado e queimadas em terras indígenas em Mato Grosso. Nenhuma pessoa foi presa até o momento. De acordo com o Ibama, a primeira área alvo da operação 'Siriema' é a Terra Indígena (TI) Areões, no município de Nova Nazaré, a 800 km de Cuiabá. A reserva tem 219 mil hectares e é habitava pelo povo xavante. São cerca de 1,5 mil índios. A TI Areões, segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), é a área com mais focos de calor em Mato Grosso e a segunda no ranking a nível do Brasil. Os agentes flagraram movimentação de caminhões e tratores dentro da terra indígena e procuram pelos infratores. Árvores como ipê, roxinho e jatobá foram encontradas cortadas na terra indígena. Madeira extraída da Terra Indígena (TI) Areões, no município de Nova Nazaré, foi apreendida no local — Foto: Ibama/Divulgação O Ibama reúne brigadistas que devem ser enviados ao local para combater o fogo. Conforme constatação dos agentes, quase toda TI já foi atingida pela queimada. Os desmatadores usam o fogo para poderem explorar ilegalmente a terra. A investigação para identificar os suspeitos é feita pela Polícia Federal de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá. Um helicóptero sobrevoa as terras indígenas e um balanço ainda deve ser divulgado no final da operação.