anuncie aqui
Notícias recentes
Cármen Lúcia diz que é preciso repensar o Poder Judiciário

Cármen Lúcia diz que é preciso repensar o Poder Judiciário

access_time28/07/2018 07:01

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e também presidente da República em exercício, Cármen

Trump chega a Singapura às vésperas de encontro com Kim Jong-un

Trump chega a Singapura às vésperas de encontro com Kim Jong-un

access_time10/06/2018 19:02

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, chegou neste domingo (10) a Singapura para realizar u

Bolsonaro lidera corrida presidencial em 1º e 2º turnos; Doria e Alckmin têm mesmo patamar, diz pesquisa

Bolsonaro lidera corrida presidencial em 1º e 2º turnos; Doria e Alckmin têm mesmo patamar, diz pesquisa

access_time05/06/2018 09:23

O pré-candidato do PSL à Presidência, deputado Jair Bolsonaro (RJ), lidera a disputa presidencial co

Notícias com a tag: Suecia

Alemanha consegue virada heroica nos acréscimos, bate a Suécia e segue viva

access_time23/06/2018 19:10

A Alemanha esteve eliminada da Copa do Mundo por 45 minutos. Depois de ir para o intervalo perdendo por 1 a 0, resultado que sepultava qualquer chance de classificação às oitavas de final, os alemães buscaram uma virada heroica no segundo tempo. Com gols de Marco Reus aos dois minutos e Toni Kroos aos 49, os campeões mundiais triunfaram por 2 a 1, mudando completamente o panorama do grupo. Com os mesmos três pontos da Suécia, a Alemanha enfrenta a quase eliminada na Coreia do Sul na última rodada. Já os nórdicos terão como adversários o México, líder com seis pontos. SUÉCIA A 45 MINUTOS DA GLÓRIA O primeiro tempo deu a impressão de que a Suécia sairia de campo com uma vitória maiúscula. Explorando os contra-ataques, os nórdicos levavam bastante perigo ao gol de Neuer, apesar da pressão alemã. Aos 31, Toivonen aproveitou erro de passe de Toni Kroos e abriu o placar com um toque de categoria encobrindo o goleiro da Alemanha. Para piorar a situação dos campeões mundiais, o volante Rudy deixou o campo de jogo ainda no primeiro tempo após receber uma pancada no nariz em lance acidental. Suecos vibram com o primeiro gol da partida (Foto: Michael Dalder/Reuters) O INÍCIO DA REAÇÃO A Alemanha voltou para o segundo tempo pressionando ainda mais. Logo aos dois minutos, Marco Reus empatou após assistência de Mario Gómez, que entrou após o intervalo. Aos 15, o mesmo Reus reve a chance do segundo, mas ele furou ao tentar uma conclusão de letra. Sete minutos depois, foi a vez de Mario Gómez desperdiçar chance incrível, mandando por cima do travessão, sozinho dentro da área. EXPULSÃO E VIRADA Como o empate deixaria a Alemanha em situação complicada, os campeões mundiais seguiram pressionando na metade final do segundo tempo. Aos 36, Boateng recebeu o segundo cartão amarelo e acabou expulso. Mesmo com um a menos, os alemães continuaram melhores. Os minutos finais foram dramáticos. Aos 42, Olsen fez defesa sensacional em chute de Mario Gómez. Aos 46, Brandt acertou uma bomba na trave. Quando o jogo parecia que terminaria empatado, Kroos acertou lindo chute em cobrança de falta em dois toques, marcando o gol salvador. Festa alemã em Sochi. Jogadores da Alemanha vão à loucura após a virada (Foto: AP/Michael Probst)

Com ajuda do árbitro de vídeo, Suécia vence a Coreia do Sul

access_time18/06/2018 10:26

Os adversários mudam, mas o protagonista das partidas na Copa da Rússia segue sendo o mesmo: o sistema de árbitro assistente de vídeo. Grande novidade do Mundial deste ano, o VAR voltou a brilhar no confronto entre Suécia e Coreia do Sul e foi decisivo para o resultado final: o triunfo dos suecos por 1 a 0, em Nizhny Novogord, com um gol de pênalti marcado com o auxílio da tecnologia. Coube ao capitão Granqvist cobrar e dar os três pontos aos europeus. ALERTA PARA A ALEMANHA O triunfo dos suecos é um alerta para a Alemanha que foi surpreendida na estreia no Mundial e perdeu para o México. Mexicanos e suecos estão empatados na ponta do grupo F, com três pontos e um gol de saldo - enquanto alemães e coreanos estão igualados na terceira colocação, sem pontuar. Na próxima rodada, a atual campeã do mundo pega justamente a Suécia, e um novo tropeço pode significar um drama na rodada final. VÍDEO DECISIVO DE NOVO O árbitro assistente de vídeo teve influência direta no placar final do confronto em Nizhny Novgorod nesta segunda-feira. Em meio às reclamações suecas, o árbitro argentino Joel Aguilar não marcou uma falta de Kim Min-Woo sobre Claesson dentro da área, aos 17 minutos da etapa final. Mas, após alguns segundos, decidiu parar o jogo, ouvir a recomendação da equipe que operava o VAR e usou o recurso do replay à beira do campo. Então, apontou a marca da cal e marcou o pênalti, mudando sua decisão inicial. Joel Aguilar reviu lance antes de marcar pênalti para a Suécia (Foto: Getty Images) FALTAS DE SOBRA A partida entre suecos e sul-coreanos foi marcada pelo excesso de faltas, que deixaram o confronto mais travado. No total, foram 46 infrações apitadas pelo árbitro, que mostrou dois cartões amarelos para o time asiático (Kim Shin-Wool e Hwang Hee-Chan) e um para a equipe europeia (Claesson). NA PRÓXIMA RODADA A Suécia agora se prepara para enfrentar a campeã Alemanha, que vê a vitória como fundamental após a derrota para os mexicanos. O duelo será realizado no próximo sábado, em Sochi, às 11h (de Mato Grosso). A Coreia do Sul, por sua vez, enfrentará o México em Rostov, no mesmo dia, às 14h.